segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

“Bradley Wiggins parte perna num treino para um 'reality show'”

Enfrenta agora um período de três a seis semanas de recuperação

Por: Lusa

Foto: Getty Images

O ex-ciclista Bradley Wiggins, por cinco vezes medalhado com ouro olímpico, partiu uma perna enquanto treinava para um programa televisivo, que coloca celebridades a competir em vários desportos de neve, anunciou esta segunda-feira o britânico no Twitter.
O vencedor da Volta a França de 2012 e campeão mundial de contrarrelógio em 2014, Bradley Wiggings partiu a perna num treino para participar no 'The Jump', que coloca em causa a sua continuidade no 'reality show'.
"Não é uma grande fratura e não tive necessidade de gesso, mas apenas de descanso", adianta o campeão olímpico em perseguição individual em 2004 e 2008, em perseguição por equipas em 2008 e 2016 e no contrarrelógio de estrada em 2012, que participou nos quatro primeiros episódios do programa.
Bradley Wiggins enfrenta agora um período de três a seis semanas de recuperação e, de acordo com os promotores do programa, mesmo que queira continuar já não poderá participar nos próximos episódios.
O ex-ciclista é a mais recente vítima deste programa de celebridades e ex-desportistas, que competem em várias modalidades de neves, e já marcado por vários acidentes, mais ou menos graves, e lesões.
A ex-ginasta sul-africana Beth Tweddle, medalha de ouro olímpico em Londres2012, teve de ser operado à cervical após cair num treino, e a ex-nadadora olímpica Rebecca Adlington, que se magoou num ombro após ter caído na receção ao solo de um salto.

Fonte: Record on-line

“Cofidis patrocina pela primeira vez Volta ao Algarve”

Por: Tânia Pires

A Cofidis patrocina a 43.ª edição da Volta ao Algarve, uma das provas mais emblemáticas e mediáticas do calendário nacional da modalidade, que decorre de 15 a 19 de fevereiro, e reúne alguns dos melhores ciclistas internacionais da atualidade.

“Desde o início que patrocinamos e promovemos a prática do desporto. Exemplo disso é o nosso mais recente projeto “Up My Bike” que tem como objetivo apoiar iniciativas relacionadas com bicicletas. A nossa associação ao ciclismo é histórica pelo que, este patrocínio da Volta ao Algarve, que traz a Portugal os melhores ciclistas da atualidade, surgiu como algo natural,” refere Nicolas Wallaert, Diretor Geral da Cofidis Portugal.

Através da camisola vermelha, que usualmente é verde, a Cofidis premeia o ciclista que se distingue na classificação por pontos. Ou seja, a camisola Cofidis consagra o atleta que obtiver o maior número de pontos em cada uma das etapas e nas metas volantes.

Para além do patrocínio à prova, a Cofidis estará presente na Volta ao Algarve através da participação da sua equipa de ciclismo, que inclui alguns dos nomes mais promissores da modalidade atualmente como o velocista francês Nacer Bouhanni, 20º do Top 100 Mundial.

Com enorme projeção mediática, a prova chega atualmente a mais de 68 milhões de lares, e envolve 25 equipas com mais de 200 corredores de 27 países, incluindo 22 ciclistas do Top 100 Mundial.

Sobre a Cofidis Portugal

A Cofidis é uma sociedade financeira que criou um conceito simples e inovador: o crédito ao consumo à distância. Em Portugal desde 1996, a Cofidis conta com uma equipa constituída por cerca de 700 colaboradores e acompanha os clientes e parceiros numa relação sustentável e personalizada, conquistando uma posição de referência na venda e na gestão do crédito a particulares.

Fonte: Cofidis

“Louletano - Hospital de Loulé - Fibralgarve apresentou-se em casa”

Equipa mais forte dos últimos anos corre com ambições

A formação que os algarvios apresentaram ao final da tarde desta segunda-feira, 13 de fevereiro, no Mercado Municipal de Loulé, representa um plantel diversificado e globalmente bem composto com 14 homens aptos para vencer em todos os tipos de corrida. Do sprint à alta montanha, o Louletano - Hospital de Loulé - Fibralgarve 2017 é, seguramente, a formação mais forte e coesa das últimas temporadas conjugando experiência e juventude expressas nas contratações dos espanhóis David de la Fuente  (35 anos), Raul de Mateos (34 anos) e Oscar Hernandez (24 anos) e dos portugueses Hélder Ferreira (26 anos),  Nuno Almeida (25 anos)Pedro Paulinho (26 anos).  

A cerimónia serviu para a equipa algarvia dar a conhecer, oficialmente neste início de época, as cores e os corredores que vão defender o clube que surgiu pela primeira vez no ciclismo português em 1933. A equipa mantém os equipamentos em tons de vermelho e preto, mas este ano o vermelho sobressai mais no conjunto algarvio. Entre os 14 homens que fazem o plantel do Louletano - Hospital de Loulé – Fibralgarve para esta temporada há apenas cinco elementos que transitaram da época anterior tendo a equipa apostado claramente num reforço competitivo.

“Foi um esforço fazer esta equipa equilibrada tal como está, mas valeu a pena porque estamos em condições de lutar pela maior parte das provas onde entrarmos em Portugal”, afirmou Jorge Piedade que continua a ser o Diretor Desportivo do Louletano - Hospital de Loulé - Fibralgarve. "Trabalhámos também para proporcionar aos nossos atletas as melhores condições de trabalho tal como foi a aquisição de um novo autocarro que vai servir a equipa com mais conforto nas muitas deslocações que temos de fazer ao longo do ano", esclareceu Piedade.

Uma equipa com… saúde

“Além de ser uma equipa da terra, é uma formação de muitas tradições e mexe com os louletanos, tal como a nossa marca”, afirma Filipe Vieira, Administrador do Hospital de Loulé, que continua a ser um dos principais patrocinadores da equipa. Logo depois explica esta associação. “Somos mais antigos que a própria tradição do ciclismo nesta região e gostamos de nos associar a este projeto porque mexe realmente com a cidade onde estamos inseridos.”

 

Vem aí a Volta ao Algarve

Após a apresentação oficial da equipa, e já depois de ter participado na Prova de Abertura, o Louletano - Hospital de Loulé – Fibralgarve entra em competição na Volta ao Algarve, prova que decorre de quarta a domingo. Para esta competição, onde alinham algumas das melhores equipas do mundo, foram selecionados por Jorge Piedade os seguintes corredores: Vicente de Mateos (chefe de fila), De La Fuente, Pedro Paulinho, Sandro Pinto, Helder Ferreira, Cristian Canada, Luís Mendonça e Oscar Hernandez.

Louletano-Hospital de Loulé

Código UCI: (LHL)

Bicicletas: Jorbi

Director Desportivo: Jorge Piedade (Por)

 

Corredores Por Ordem Alfabética

 

André Evangelista (21 anos) (Por 31/01/1996)

Terceiro ano na equipa, o corredor algarvio já se assume como profissional continuando a apostar na evolução.

 

Cristian Cañada (25 anos) (Esp 23/03/1991)

Natural de Cuenca, o espanhol trepador aposta definitivamente nesta temporada para regressar às vitórias.

 

David de la Fuente (35 anos) (Esp 04/05/1981)

Um veterano que é uma mais-valia para o trabalho da equipa conjugando toda a experiência que acumulou com um fantástico perfil de trepador que tem dado muitos e bons resultados.

 

Hélder Ferreira (26 anos) (Por 15/02/199)

Corredor completo de apoio aos principais líderes do conjunto algarvio onde se estreia este ano.

 

Iuri Jorge (25 anos) (Por 19/05/1991)

Um regresso à equipa depois de uma época fora do ciclismo. É filho de Idalécio Jorge, glória do ciclismo de Loulé.

 

João Letras (25 anos) (Por 31/08/1991)

É um estreante entre os profissionais ainda que já esteja habituado ao pelotão depois de ter passado por várias equipas de Clube onde conseguiu alguns bons resultados.

 

Luís Mendonça (31 anos) Por 16/01/1986)

Um dos corredores mais regulares de 2016 e 2º classificado na Taça de Portugal. Ingressa agora, pela primeira vez, numa formação continental motivado a provar o que vale para ombrear com os melhores.

 

Nuno Almeida (25 anos) (Por 10/10/1991)

Um dos novos rostos na equipa algarvia este ano a fazer o segundo como profissional.

 

Oscar Hernandez (24 anos) (Esp 12/09/1992)

Um espanhol com um conjunto de características que o fazem um corredor completo.

 

Pedro Paulinho (26 anos) (Por 27/05/199)

Um dos melhores sprinters portugueses apostado em relançar a carreira. Foi Campeão Nacional sub-23 em 2012.

 

Raúl de Mateos (34 anos) (Esp 05/07/1982)

É um regresso ao Louletano depois de ter participado nas formações de 2013 e 2014.

 

Rui Rodrigues (24 anos) (Por 15/01/1992)

Terceiro ano na equipa, o corredor natural de Fafe é já uma peça-chave na estratégia do diretor desportivo Jorge Piedade.

 

Sandro Pinto (26 anos) (Por 20/02/1988)

Está na equipa desde 2014. Já terminou a Volta a Portugal em 10º lugar e é um dos grandes trepadores portugueses. No ano passado, grande parte da época, esteve parado devido a lesão.

 

Vicente Garcia de Mateos (28 anos) (Esp 19/09/1988)

Corredor completo destacando-se no palmarés o 8º lugar na Volta a Portugal onde já venceu 2 etapas. É um dos líderes da equipa para as grandes provas por etapas.

Fonte: Louletano

“Equipa EFAPEL desafia a elite mundial”

Formação de Ovar à procura do melhor resultado na Volta ao Algarve

A EFAPEL vai ter, entre quarta-feira, dia 15, e domingo, dia 19, um dos grandes momentos do ano competitivo. A formação vai competir na Volta ao Algarve, corrida que traz a Portugal inúmeras formações de topo a nível internacional, e fa-lo com ambição. A estrutura de Ovar quer alcançar o melhor resultado possível na geral e o facto de este ser um dos pelotões mais competitivos do ano não intimida os comandados por Américo Silva.

As mudanças no calendário face ao ano anterior levaram a estrutura técnica a definir uma preparação dos corredores diferente. Com a Volta ao Algarve e a Volta ao Alentejo separadas por apenas três dias, era importante chegar bem a estes dois momentos importantes da temporada. Os índices físicos dos convocados são motivadores e a equipa acredita que pode alcançar um bom resultado na classificação final da Volta ao Algarve.

“Este ano decidimos preparar esta prova de uma forma um pouco diferente. Não somos alheios à cobertura televisiva da Volta ao Algarve. Sabemos que isso nos pode dar mais mediatismo e queremos aproveitar para tentar obter um bom resultado. Sabemos que não será fácil perante o nível do pelotão que conta com algumas das principais forças internacionais presentes. Mas acreditamos que podemos deixar a nossa marca numa prova como esta”, afirmou o director desportivo, Américo Silva.

A 43ª edição da Volta ao Algarve realiza-se de quarta-feira a domingo e apresenta um percurso muito semelhante à edição do ano passado. Tem duas etapas que deverão ser discutidas ao sprint - primeiro e último dia - duas chegadas em Alto (Fóia na quinta-feira e Malhão no sábado) e um contra-relógio individual com partida e chegada em Sagres, que se disputa na sexta-feira. A transmissão televisiva da prova está assegurada nos canais Eurosport e TVI24. Durante os cinco dias de competição, a última hora de cada etapa será emitida em directo, com início das emissões marcado para as 16 horas.


Nome da prova

43ª Volta ao Algarve em Bicicleta

 
Data

15 a 19 de Fevereiro de 2017
 

Director desportivo

Américo Silva


Ciclistas

António Pereira Barbio (Contra-relogista/Rolador)

Álvaro Trueba (Contra-relogista/Trepador)

Daniel Mestre (Sprinter)

Henrique Casimiro (Trepador)

Jesus Del Pino (Trepador)

Mateo Garcia (Contra-relogista/Trepador)

Rafael Silva (Rolador/Sprinter)

Sérgio Paulinho (Completo)

Fonte: Efapel

“ESCOLA DE TRIATLO DO CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS/Arronches e Portalegre”

IX DUATLO DE ARRONCHES

CAROLINA SERRA – CAMPEÃ NACIONAL DE DUATLO

JOSÉ PEDRO VIEIRA – VICE-CAMPEÃO NACIONAL DE DUATLO

Durante a tarde de sábado, dia 11/Fevereiro, Arronches foi o palco de disputa da 2ª etapa do Campeonato Nacional de Clubes de Duatlo e do Campeonato Nacional Individual de Cadetes e Juniores. Um evento que trouxe para Torres Novas, os primeiros 2 títulos nacionais individuais conquistados por atletas do TRIATLO DO CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS.

CAROLINA SERRA sagrou-se CAMPEÃ NACIONAL DE DUATLO no seu escalão de Juniores, enquanto em Cadetes, JOSÉ PEDRO VIEIRA é VICE-CAMPEÃO NACIONAL DE DUATLO. Estes 2 atletas torrejanos, que cumprem o 1ºano nos seus respectivos escalões, foram ainda nesta prova, 3ªclassificada na geral absoluta feminina, e 10ºclassificado na geral absoluta masculina.

No final dos 5km de corrida que compuseram o primeiro segmento do Duatlo de Arronches, cerca de 16 atletas masculinos chegaram juntos à zona de transição e lançaram-se no segmento de 20,5km de ciclismo. Durante o percurso rápido e com excelentes condições de asfalto, as alterações na liderança da prova não se fizeram sentir de forma conclusiva, deixando a decisão da vitória para o segmento final dos 2,5kms de corrida.

Mas, outros atletas torrejanos estiveram em acção neste Duatlo de Arronches, com destaque também para Afonso do Canto que foi 4ºclassificado em Cadetes e 14º na geral, enquanto Miguel Moreira foi 19º em Cadetes e 82º na geral, o que permitiu à equipa masculina torrejana alcançar o 8ºlugar. No que diz respeito à participação da equipa feminina torrejana, que obteve o 5ºlugar colectivamente, Joana Miranda alcançou o 7ºlugar em Cadetes e o 18º na geral, Mariana Correia foi 10ªclassificada e 31ª na geral, e Rita Amaro em Seniores terminou na 8ªposição e na 37ª da geral.

Ainda uma palavra de incentivo para Ricardo Batista que, por dificuldades físicas sentidas durante a prova, depois de estar doente durante a semana, não conseguiu concluir este Duatlo de Arronches.

DUATLO DE PORTALEGRE

A ESCOLA DE TRIATLO DE TORRES NOVAS ALCANÇA 3ºLUGAR na 1ªetapa do CAMPEONATO NACIONAL JOVEM ESTAFETAS

No domingo, dia 12 de Fevereiro realizou-se em Portalegre, a 1ªetapa do Campeonato Nacional Jovem de Estafetas. Depois da etapa inaugural em Vila Franca de Xira, a ESCOLA DE TRIATLO DO CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS voltou a conquistar o 3ºlugar no Duatlo de Portalegre, prova disputada num sistema de estafetas, com as equipas de 3 elementos a serem distribuídas por 2 agrupamentos.

No 1ºagrupamento, constituído por atletas Benjamins e Infantis, a melhor equipa torrejana masculina alcançou o 6ºlugar e foi constituída por Guilherme Neves, Francisco Carvalho e Rodrigo Vicente, enquanto em femininos, a melhor equipa torrejana foi constituída por Matilde Moita, Ana Júlia Marques e Margarida Inácio e classificou-se na 5ªposição. Ainda neste agrupamento estiveram em acção mais 2 equipas torrejanas com David Marques, Rodrigo Viegas e Mateus Nascimento a conseguirem o 11ºlugar, e Francisca Leirião, Bruna Barros e Diogo Viegas a concluírem no 20ºlugar.

No 2ºagrupamento constituído por atletas Iniciados e Juvenis, a melhor equipa masculina da Escola de Triatlo de Torres Novas com Duarte Santos, Tiago Lopes e Gustavo do Canto, ficou a um lugar do pódio, na 4ªposição, enquanto Guilherme Marques, Vasco Santos e João Graça concluíram no 10ºlugar. Em femininos, a equipa constituída por Ana Margarida Silva, Beatriz Neves e Constança Martins foi o melhor conjunto torrejano terminando na 6ªposição. Joana Silva, Maria Pedrogão e Natércia Carvalho, concluíram no 12ºlugar, e Inês Domingues, Matilde Casacão e Constança Martins no 14ºlugar. Participaram ainda mais 2 equipas torrejanas, num total de 33 atletas jovens, e a equipa constituída por João Nuno Batista, Martim Salvador e Pedro Afonso Silva alcançou o 16ºlugar, enquanto Afonso Mourão, Joana Alves e André Neves terminaram no 29ºlugar.

No próximo fim-de-semana, mais uma jornada dupla, com a realização no sábado, dia 18 de Fevereiro em Rio Maior, da 3ªetapa do Campeonato Nacional de Duatlo por Clubes, e no domingo, dia 19 de Fevereiro no concelho da Chamusca, realiza-se a 2ªetapa do Campeonato Nacional Triatlo Jovem, o Duatlo do Semideiro.

Fonte: ESCOLA DE TRIATLO DO CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS