sábado, 13 de outubro de 2018

“Thibaut Pinot vence Volta à Lombardia”

Três dias depois de triunfar na Milão-Turim

Por: LUsa

Foto: EPA

O francês Thibaut Pinot (Groupama-FDJ) venceu este sábado isolado a clássica Volta à Lombardia, o último 'monumento' da temporada de ciclismo, três dias depois de também ter triunfado na Milão-Turim.

A viver um dos melhores momentos da carreira, o gaulês triunfou na última grande clássica do ano, ao cumprir os 241 quilómetros entre Bérgamo e Como em 5:53.22 horas, menos 32 segundos do que o segundo classificado, o italiano Vincenzo Nibali (Bahrain Mérida), com o belga Dylan Teuns (BMC) em terceiro, a 43.

Três dias depois de triunfar em Turim, Pinot igualou o feito de Laurent Jalabert: o francês tinha sido o último corredor francês a vencer quer a Milão-Turim e a Volta à Lombardia, em 1997.

O ciclista de 28 anos soma este triunfo a uma época em cheio, em que venceu a Volta aos Alpes, foi sexto na Volta a Espanha e nono nos Mundiais de fundo.

Rui Costa (UAE Emirates) foi este sábado 38.º classificado, a 7.02 minutos do vencedor, e quatro postos acima de Nelson Oliveira (Movistar), que terminou com o mesmo tempo.

Fonte: Record on-line

“Álvaro José Hodeg vence ao sprint 5.ª etapa da Volta à Turquia”

O português Rúben Guerreiro foi 13.º classificado

Por: Lusa

O colombiano Álvaro José Hodeg (Quick-Step Floors) venceu este sábado ao sprint a quinta etapa da Volta a Turquia, liderada a um dia do final pelo cazaque Alexey Lutsenko (Astana).

Hodeg, de 22 anos, conseguiu a sexta vitória na temporada de estreia no pelotão do WorldTour, batendo o alemão John Degenkolb (Trek-Segafredo), segundo com o mesmo tempo, e o australiano Nathan Haas (Katusha-Alpecin), terceiro.

O português Rúben Guerreiro foi 13.º classificado, caindo uma posição na geral, para sexto, a 10 segundos do líder, depois da ligação de 137,3 quilómetros entre Selçuk e Manisa, seguindo a seis segundos do pódio: Haas é segundo e o italiano Diego Ulissi (UAE Emirates) terceiro.

Os restantes portugueses chegaram integrados no pelotão, com o mesmo tempo do vencedor, e seguraram as respetivas posições na geral, sendo que José Mendes (Burgos-BH) foi 59.º e segue em 29.º lugar.

Por seu lado, Amaro Antunes (CCC Sprandi Polkowice) segurou o 42.º posto, ao ser 112.º, enquanto Ricardo Vilela (Manzana Postobon) foi 93.º e é 51.º na geral, 11 postos acima de Rafael Reis (Caja Rural-Seguros RGA), que cortou a meta em 98.º, com Joaquim Silva (Caja Rural-Seguros RGA) a fechar o lote no 65.º, depois de hoje ser 105.º.

A sexta e última etapa liga Manisa a Istambul, no domingo, com um percurso acidentado que deve afastar os 'sprinters' da luta pela vitória.

Fonte: Record on-line