segunda-feira, 3 de fevereiro de 2020

“Nelson Oliveira termina Volta a San Juan em sexto”

O ciclista português Nelson Oliveira (Movistar) terminou a Volta a San Juan na sexta posição, ao chegar integrado no pelotão na sétima e última etapa da prova argentina.

Conhecido como especialista em contrarrelógio – já foi quatro vezes campeão nacional da especialidade (2011, 2014, 2015 e 2016) -, Oliveira demonstrou ser um corredor todo-o-terreno, potenciando o ‘salto’ dado na geral graças à prestação no ‘crono’ da terceira etapa com o sexto lugar final na Volta a San Juan, conquistada por Remco Evenepoel.

O jovem belga da Deceuninck-QuickStep, nova ‘coqueluche’ do pelotão internacional, concluiu a sétima e última etapa, um circuito de 141,3 quilómetros em San Juan, nas mesmas 2:58.03 horas do vencedor da tirada, o colombiano Fernando Gaviria (UAE Emirates), que bateu ao ‘sprint’ o eslovaco Peter Sagan (Bora-hansgrohe) e o seu compatriota Álvaro Hodeg (Deceuninck-QuickStep).

No pelotão, chegaram também César Martingil (Atum General-Tavira), o melhor português na tirada, na 14.ª posição, e Oliveira, no 78.º lugar, mantendo-se a 2.27 minutos de Evenepoel. O vencedor da prova argentina deixou o segundo classificado, Filippo Ganna, da seleção italiana, a 33 segundos, e o terceiro, o veterano Oscar Sevilla (Team Medellín), a 1.01 minutos.

Fonte: Sapo on-line

“DUATLO DE RIO MAIOR”

MADALENA ALMEIDA VENCE DUATLO DE RIO MAIOR

Por: Paulo Vieira

O TRIATLO DO CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS iniciou a época de 2020 com a vitória absoluta de MADALENA ALMEIDA, no Duatlo de Rio Maior realizado no passado sábado, dia 1 de fevereiro.

Numa prova disputada debaixo de chuva, o que condicionou sobretudo o segmento de 20kms de ciclismo, em termos coletivos, no sector masculino, que teve uma start list muito competitiva com a presença de alguns triatletas do circuito internacional, o CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS, atual Campeão Nacional de Duatlo, conquistou o 3ºlugar nesta etapa, enquanto a equipa feminina alcançou a 4ªposição.

O Duatlo de Rio Maior sendo a 1ªetapa do Campeonato Nacional de Duatlo por Clubes, foi também simultaneamente a prova única do Campeonato Nacional de Duatlo para os escalões de Juniores e Cadetes.

Individualmente, RICARDO BATISTA classificou-se na 14ª posição (3º no escalão 20-24 anos), JOSÉ PEDRO VIEIRA na 15ª, sagrando-se Vice-Campeão Nacional de Juniores, AFONSO DO CANTO na 23ª (4º no Campeonato Nacional de Juniores), GUILHERME PIRES na 26ª (9º no escalão 20-24 anos), ABEL AFONSO na 46ª (11º no Campeonato Nacional de Juniores) e DUARTE SANTOS foi 53º (4º no Campeonato Nacional de Cadetes), enquanto no setor feminino, para além da vitória de Madalena Almeida, JOANA MIRANA terminou na 17ªposição (5ª no escalão 20-24 anos) e MARGARIDA RAZÕES n a39ª (10ºlugar no Campeonato Nacional de Juniores).

Em veteranos, Marco Sousa classificou-se na 68ª posição (3º no Grupo de Idades 45-49 anos) e Hugo Borges foi 174º (19º no Grupo de Idades 45-49 anos).

Fonte: TRIATLO DO CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS

“4º Almodôvar cycling Challanger”

Decorreu este domingo dia 2 de Fevereiro, o 4º Almodôvar cycling Challanger, prova organizada na Vila de Almodôvar e que era composta por 3 percursos, divididos em 3 distâncias diferentes. Um longo de 156 km, um médio de 105 km, e um mini de 45 km.

A ASFIC Grupo Parapedra / Dinazoo / Riomagic participou nesta prova, a primeira da época 2020, com apenas 6 atletas ( João Portela, João Letras, Rui Rodrigues, Jorge Letras, Daniel Ferreira e Ricardo Gonçalves), que participaram todos na prova mais longa..

O objetivo da equipa era fazer um bom treino e vencer a prova, que a ASFIC havia vencido nas duas épocas anteriores com João Letras.

A história da corrida passou por uma fuga inicial, onde estava João Portela, e a equipa a controlar o pelotão. Essa fuga viria a ser anulada com cerca de 90 km percorridos. O ritmo da corrida foi deixando alguns atletas fora do grupo da frente, e a faltar poucos km para a meta, João Portela atacou no grupo e conseguiu isolar-se, cortando a meta em 1º Lugar, com João Letras a cortar a meta em 2º Lugar.

 A ASFIC Venceu nas categorias de Elite e M30, tendo conquistado o 2º lugar em M40.

A ASFIC conseguiu o principal objetivo,  vencer individual e coletivamente, pois com a classificação dos seus 3 primeiros atletas, também venceu por equipas.

A deslocação a Almodovar também serviu para a estreia do novo veiculo da ASFIC, que ainda não esta caracterizado, mas até ao final deste mês serão colocadas as cores da equipa e seus patrocinadores.

Este novo veiculo, de transporte de atletas, foi adquirido pela equipa e restaurado pelos seus patrocinadores, uma parceria com Bate Chapa e Pintura Abilio Santos, Oficina de Reparação Luis Marques ( Gato ) e o apoio de Antonio Felipe Neto e Muniauto.

O esforço despendido por todos, para a conquista da vitória individual e coletiva, foi demonstração da enorme raça e ambição dos atletas da equipa.

Dedicamos esta vitoria, que esperamos que venha a ser a primeira de muitas, a todos os nossos patrocinadores.

Fonte: ASFIC - GRUPO PARAPEDRA /DINAZOO / RIOMAGIC