segunda-feira, 1 de maio de 2017

“Ruben Guerreiro termina em 22º Grande Prémio de Frankfurt”

Prova ganha por Alexander Kristoff

Por: Lusa

Foto: Filipe Farinha

O português Ruben Guerreiro (Trek-Segafredo) terminou em 22.° lugar o Grande Prémio de Frankfurt em bicicleta, prova conquistada ao 'sprint' pelo norueguês Alexander Kristoff (Katusha-Alpecin).

Ruben Guerreiro terminou integrado no pelotão, a nove segundos do vencedor, que completou os 218,7 quilómetros entre Eschborn e Frankfurt em 5:29.33 horas.
Numa prova que decorreu sob chuva e com o piso escorregadio, a equipa Katusha-Alpecin mostrou-se superior ao restante pelotão nos últimos quilómetros da prova, conquistando os dois primeiros lugares, com Kristoff e o alemão Rick Zabel, segundo a um segundo.

O alemão John Degenkolb, companheiro de equipa de Ruben Guerreiro e André Cardoso, fechou o pódio, a dois segundos de Kristoff.

Fonte: Record on-line

“Portista Raúl Alarcón vence Volta às Astúrias”

Espanhol terminou última etapa também no 1.º lugar

Fonte: Lusa

Foto: Filipe Farinha

O espanhol Raúl Alarcón (W52-FC Porto) conquistou a Volta às Astúrias, após vencer esta segunda-feira, isolado, a terceira e última etapa da prova.
Alarcón, que foi segundo nas duas primeiras etapas e partiu para a tirada líder da geral, ganhou isolado o derradeiro desafio, concluindo os 120 quilómetros entre Cangas del Narcea e Oviedo em 2:48.12 horas.

Uma subida de segunda categoria, a cerca de 10 quilómetros do final, era o ponto onde os adversários poderiam tentar atacar a liderança do portista, mas Alarcón chegou sozinho, com sete segundos de avanço para o espanhol Óscar Sevilla (Medellin) e João Benta (Rádio Popular-Boavista).
O colombiano Nairo Quintana (Movistar), que era segundo da geral, a sete segundos, foi quinto, a 15 segundos, num top 10 que integrou ainda Ricardo Mestre (W52-FC Porto) e o espanhol Alejandro Marque (Sporting-Tavira), respetivamente oitavo e nono, a 40 segundos.
No final, Alarcón impôs-se em 12:20.42, deixando Nairo Quintana a 32 segundos, Oscar Sevilha e João Benta a 1.07, e Alejandro Marque a 1.40.
Nos 10 primeiros ficaram ainda Ricardo Mestre, sétimo a 1.50, Ricardo Vilela (Manzana Postobon), oitavo a 2.10, e Joaquim Silva (W52-FC Porto), nono a 2.17.

Fonte: Record on-line

“Gabriela Ribeiro 3ª classificada no Campeonato da Europa de Duatlo”

Gabriela Ribeiro foi terceira classificada no Campeonato da Europa de Duatlo que se disputou este fim-de-semana em Sória, Espanha. A jovem atleta portuguesa obteve o melhor resultado da delegação nacional que competiu em três frentes distintas e que apresentou excelentes argumentos para o futuro da modalidade em Portugal.

Com uma presença inteiramente jovem a comitiva lusa que competiu em Sória procurou resultados e experiência competitiva internacional nas provas masculina e feminina do escalão Júnior e na frente masculina de Sub23. Gabriela Ribeiro rapidamente se destacou na competição júnior feminina ao procurar os lugares de liderança desde os momentos iniciais da prova. Cumpriu a primeira corrida de 5km na terceira posição e, durante o percurso de ciclismo, juntou-se ao duo de atletas que seguiam na frente. O grupo de liderança continuou a aumentar a vantagem para as perseguidoras ao longo dos 20km que totalizaram o segmento e as três atletas que o integravam lançaram-se para o último momento da prova com a certeza de que a vitória seria disputada entre si. A suiça Delia Sclabas rapidamente se distanciou da concorrência e isolou-se para conquistar o título europeu. Laura Swannet (BEL) e Gabriela Ribeiro bateram-se pelo segundo lugar até aos momentos finais da prova mas a felicidade caiu do o lado da atleta belga.

Mariana Vargem garantiu presença no grupo que perseguia a frente da corrida e no final do segmento de 2,5km que encerrou a competição a atleta cortou a meta no 7º lugar. Carolina Serra foi 11ª classificada.

Na competição júnior masculina assistiu-se a uma derradeira demonstração de força por parte do atleta que viria a conquistar o título europeu. Alex Yee (GBR) isolou-se na frente da prova desde o início da competição e não voltou a perder a sua posição de liderança. Cortou a meta em primeiro lugar e sagrou-se Campeão da Europa de Duatlo Júnior. Os atletas portugueses estiveram em destaque tendo procurado disputar os principais lugares da competição ao longo de toda a prova. Durante o segmento de ciclismo formou-se um numeroso grupo perseguidor a Alex Yee onde integravam Ricardo Batista, Duarte Brás, João Reis, Tiago Pinto e Tiago Fonseca. Os cinco atletas saíram para a corrida final em condições de competir pelos lugares do pódio e deram o seu melhor pelas cores nacionais. Ricardo Batista foi 4º classificado a apenas seis segundos do pódio. Duarte Brás foi 6º, João Reis terminou na 8ª posição, Tiago Pinto foi 10º classificado e Tiago Fonseca terminou no 14º lugar. Francisco Luis terminou a competição no 17º posto. Grigory Antipov (RUS) foi segundo classificado e Matevz Planko (SLO) encerrou o pódio na terceira posição.

Na competição Sub23 Portugal foi representado por intermédio de João Ferreira Pereira. O duatleta competiu lado a lado com atletas não só do seu escalão como, também, do escalão Elite e disputou uma prova no formato Standard. Ao longo de 10km de corrida, 40km de ciclismo e 5km de corrida João Ferreira Pereira demonstrou qualidade, entrega e dedicação e competiu entre os melhores do seu escalão. Foi presença na frente da prova durante a corrida inicial e manteve-se no grupo de liderança durante todo o ciclismo. Nos 5km de corrida finais o atleta acusou a condição de saúde desfavorável em que se encontrava e terminou no 7º lugar. A prova foi ganha pelo britânico Richard Allen que delegou Javier Morales (ESP) e Nathan Guerbeur (FRA) para o segundo e terceiro lugar, respectivamente.

A presença portuguesa nos Campeonatos da Europa de Duatlo confirmou a qualidade dos nossos jovens atletas e o seu lugar de destaque no cenário competitivo internacional. Congratulamos todos pelo esforço e dedicação que se traduziu em resultados e em excelente perspectivas para o futuro.

Fonte: FTP
 

“Giro'2017: Nairo Quintana é o chefe de fila da Movistar”

Colombiano vai liderar um grupo de 9 ciclistas

Por: Lusa

Foto: EPA

O ciclista colombiano Nairo Quintana, vencedor da Volta à Itália em 2014, vai ser o chefe de fila da Movistar na edição do Giro de 2017, anunciou esta segunda-feira a equipa espanhola.
Quintana, que este ano, além do Giro, vai também disputar a Volta à França, liderará um contingente de nove ciclistas, que integra ainda o costa-riquenho Andrey Amador, o colombiano Winner Anacona, o italiano Daniele Bennati, os espanhóis Víctor de la Parte, José Herrada, Gorka Izagirre e José Joaquín Rojas e o australiano Rory Sutherland.
A Volta à Itália de 2017 sai para a estrada esta sexta-feira, em Alghero, e termina no próximo dia 28, em Milão, depois de os corredores terem ultrapassado 21 etapas e percorrido 3.605 quilómetros.

Fonte: Record on-line

“CAMPEONATO DA EUROPA DE DUATLO – SORIA (ESPANHA)”

RICARDO BATISTA em 4ºlugar (o melhor português)

RICARDO BATISTA, em representação da selecção nacional, alcançou um excelente 4ºlugar, e foi o melhor atleta português na prova de Juniores do Campeonato da Europa de Duatlo, que se disputou no sábado de manhã, dia 29 de Abril, em Soria, uma localidade no norte de Espanha.

Depois de uma excelente prestação na Taça da Europa de Quarteira, Ricardo Batista que se encontra no 2ºano do escalão de Juniores (que a nível internacional é de 4 anos), demonstrou nesta prova do Campeonato da Europa de Duatlo que se encontra num bom momento de forma e foi por apenas 6 segundos que não trouxe para Portugal a medalha de bronze nesta competição. O atleta da Escola de Triatlo do Clube de Natação de Torres Novas concluiu este Duatlo em 54m36s, numa prova constituída por um primeiro segmento de corrida com 5kms, um segmento de ciclismo de 20kms, e por fim mais um segmento de corrida com 2,5kms.

Mas, Ricardo Batista não foi o único atleta torrejano nesta competição europeia. CAROLINA SERRA esteve presente na competição feminina e com uma boa prestação obteve o 11ºlugar, numa prova em que a sua colega de selecção, Gabriela Ribeiro (do Alhandra Sport Clube) alcançou a medalha de bronze para Portugal, e Mariana Vargem (do Ludens Machico) concluiu na 7ªpoisção. Ainda na competição masculina estiveram presentes mais 5 atletas pela selecção nacional, que também obtiveram excelentes prestações. Duarte Brás, João Reis, Tiago Pinto, Tiago Fonseca e Francisco Luis obtiveram respectivamente o 6º, 8º, 10º, 14º e 17ºlugares, a demonstrarem a qualidade e o potencial que estes jovens atletas actualmente representam.

De parabéns, por este excelentes resultados alcançados pelos atletas torrejanos, está também mais uma vez, PAULO ANTUNES, o técnico torrejano que integra a equipa técnica da selecção nacional de triatlo.

 

2º TRIATLO DA LAGOA DA ERVEDEIRA (LEIRIA) – 29.04.17

A nível nacional, realizou-se também no sábado, dia 29/Abril, o 2ºTriatlo da Ervedeira, numa organização da Câmara Municipal de Leiria e da Federação de Triatlo de Portugal. Uma competição que contou com a realização de uma prova na distância Sprint (750m de natação, 20kms de ciclismo e 5kms de corrida) a contar para a Taça de Portugal de Triatlo, e outra na distância Super-Sprint (300m de natação, 8kms de ciclismo e 2,5kms de corrida), denominada Prova Aberta.

A 3ª etapa da Taça de Portugal de Triatlo, iniciou-se com o segmento de natação na Lagoa da Ervedeira, e continuou com o segmento de ciclismo até à Praia do Pedrogão, aonde estava instalada a meta, depois de concluído o segmento de corrida.

Nesta etapa, o Triatlo do Clube de Natação de Torres Novas obteve um excelente 4ºlugar entre 28 equipas participantes.

Destaque individual para os 2 excelentes 8ºlugares obtidos na geral absoluta por 2 Cadetes torrejanos, em masculinos por JOSÉ PEDRO VIEIRA, e em femininos por JOANA MIRANDA. Estes 2 atletas também venceram a sua categoria de Cadetes, e José Pedro Vieira teve a companhia no 3ºlugar do pódio do seu colega de equipa, André Rodrigues que concluiu a sua prova num excelente 12ºlugar na geral. Neste escalão, estiveram em acção mais 3 atletas torrejanos, em femininos Mariana Correia foi 4ªclassificada, e em masculinos, Miguel Moreira terminou na 9ªposição e Diogo Mendes, depois de um pequeno problema técnico com a sua bicicleta, concluiu no 17ºlugar.

Em Veteranos I, Marco Sousa venceu, sendo 22º na geral, enquanto Pedro Antunes terminou na 18ªposição.

Antes da prova principal do dia, a 3ªetapa da Taça de Portugal, realizou-se uma prova denominada Prova Aberta, que contou com a presença de atletas que estão a dar os primeiros passos na modalidade e também com atletas mais experientes, como foi o caso de alguns atletas juvenis da Escola de Triatlo torrejana, que aproveitaram para fazer um teste competitivo.

Nesta prova, a vitória coletiva sorriu à equipa feminina torrejana, fruto do 1ºlugar de Ana Margarida Silva, do 2ºlugar de Beatriz Neves e do 4ºlugar de Carlota Martins, 3 juvenis com uma boa prestação nesta prova.

No setor masculino, Guilherme Marques foi 6ºclassificado, Pedro Razões Silva terminou na 11ªposição, e Bruno Proença na sua estreia em prova, foi 22ºclassificado.

A próxima prova para a Escola de Triatlo do Clube de Natação de Torres Novas, será em Amora (Seixal), no próximo sábado, dia 6/Maio. A 5ªetapa do Campeonato Nacional de Triatlo Jovem, será o 1ºtriatlo da época para os mais jovens, e simultaneamente com a prova de Juvenis, nesta etapa será realizada uma prova de observação para o Campeonato da Europa de Triatlo no escalão Youth (Cadetes e Juvenis 2ºano).

Fonte: Escola de Triatlo do Clube de Natação de Torres Novas

“Taça do Minho de Ciclismo de Estrada - Arrecadações da Quintã”

Fábio Costa e Pedro Silva venceram o 1º Grande Prémio Manuel Abreu - RS Bike

Fábio Costa e Pedro Silva venceram o 1º Grande Prémio Manuel Abreu - RS Bike prova de ciclismo para as categorias de cadetes e juniores que homenageou o ciclista vimaranense que se sagrou campeão nacional de ciclismo de estrada e de rampa e venceu o Grande Prémio do Minho de 1996. Ana Azenha e Jéssica Ribeiro venceram as classificações femininas da prova que começou e terminou na freguesia de Gondar (Guimarães), de onde era natural Manuel Abreu.

O 1º Grande Prémio Manuel Abreu - RS Bikes, pontuável para a Taça do Minho de Ciclismo de Estrada - Arrecadações da Quintã, foi organizado conjuntamente pela Associação de Ciclismo do Minho e pela RS Bikes, tendo-se saldado num êxito desportivo e organizativo.

Além de muito público, o 1º Grande Prémio Manuel Abreu - RS Bike contou com a presença de várias individualidades, entre as quais José Cunha (Presidente da Junta de Freguesia de Gondar), o ciclista profissional José Mendes, o ex-ciclista Paulo Barroso, o ex-treinador e ciclista Mário Miranda, os sócios honorários da ACM Jorge Oliveira, José Campos, José Luís Galdamez e Manuel Nóbrega, assim como representantes de patrocinadores e entidades que se associaram à iniciativa. Notada foi igualmente a presença de Fernando Mendes, popular apresentador do programa televisivo “Preço Certo” (RTP1), que também aplaudiu e incentivou os jovens ciclistas.

Com a participação de cerca de centena e meia de jovens atletas, a competitividade e a emoção foram tónicas dominantes das corridas do 1º Grande Prémio Manuel Abreu - RS Bike, assim como a dificuldade do percurso e o forte vento que dificultaram o desempenho dos corredores. As provas foram disputadas num percurso de 45,8 Kms (cadetes) e 68,6 Kms (juniores) com diversas metas volantes a servirem de aliciante extra.

A corrida de juniores foi ganha por Fábio Costa (C.C. Barcelos / AFF / Orbea  / Onda) que cumpriu o percurso à média de 38,666 Kms/hora, superiorizando-se aao parte final da prova ao brasileiro Ruan Guillen (Moreira Congelados / Feira / Bicicleta Andrade), seu colega de fuga durante grande parte do trajeto. João Carneiro (Rádio Popular / Boavista - Formação) terminou na segunda posição e Bruno Machado e Hugo Garcez, ambos da equipa Silva & Vinha / ADRAP / Sentir Penafiel, na quarta e quinta, respetivamente. Ana Azenha venceu em elites femininas, tendo o primeiro lugar da classificação coletiva de juniores sido conquistado pela m Rádio Popular / Boavista – Formação, seguida pela Silva & Vinha / ADRAP / Sentir Penafiel e pelo C.C. Barcelos / AFF / Orbea / Onda.

Também bastante animada com as tentativas de fuga, a corrida de cadetes foi ganha por Pedro Silva (Seissa | KTM-Bikeseven | Matias&Araújo | Frulact) que efetou o percurso à média de 38,317 Kms/hora, terminando nas posições seguintes do pódio e com o mesmo tempo o seu colega de equipa João Carvalho, Edgar Santos (Maia), Marco Marques (Tensai / Sambiental / Santa Marta) e Rui Alves (C.C. Barcelos/ AFF /Orbea / Onda). O pódio feminino foi preenchido por Jéssica Ribeiro (ACD Milharado / Escola Ciclismo Manuel Martins), Ana Costa e Diana Marques, as duas últimas da formação Moreira Congelados / Feira / Bicicleta Andrade. Na corrida de cadetes a classificação coletiva foi ganha pela equipa Seissa | KTM-Bikeseven | Matias&Araújo | Frulact, seguindo-se a Maia e o C.C. Barcelos/ AFF /Orbea / Onda.

O 1º Grande Prémio Manuel Abreu - RS Bikes contou com o apoio das Juntas de Freguesia de Gondar e Pedome, Federação Portuguesa de Ciclismo, Arrecadações da Quintã, Cision, Raiz Carisma - Soluções de Publicidade, POPP Design, Salvaggio, Controlsafe, Guimarpeixe, Pevigel, Interfios, MibilBanho, Moto Jomi, Pneus Batoca, Pão Quente das Carreiras, Café Cruzeiro - Gondar, Movicasa, Agrupamento de Gondar do Corpo Nacional de Escutas, Infraestruturas de Portugal, MAPFRE | Seguros, Ciclismo a fundo (revista oficial) e do comércio e industria local.

Entretanto, no dia 7 de maio realiza-se também em Gondar o 20º BTT XCO C.N.E. / Gondar Jovem - Taça Manuel Abreu, quinta etapa do Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros. Organizado em conjunto pela Associação de Ciclismo do Minho, Agrupamento de Gondar do Corpo Nacional de Escutas e Gondar Jovem - Associação Juvenil, a prova de Cross Country Olímpico será aberto à participação (além das categorias de competição) de todos os interessados que poderão participar integrados na categoria de promoção.

Manuel Abreu

Manuel Abreu nasceu em Gondar (Guimarães) a 5 de janeiro de 1963 e faleceu a 25 de fevereiro de 1997, tendo sido distinguido pela Câmara Municipal de Guimarães com a medalha de mérito desportivo e pela Associação de Ciclismo do Minho e Federação Portuguesa de Ciclismo.

Enquanto jovem, Manuel Luís Campos de Abreu acompanhou de perto a carreira de ciclista dos seus irmãos João e Jerónimo, quando estes representavam a equipa da Coelima. Com 20 anos de idade, em 1983, deixou a fiação onde trabalhava para se dedicar em exclusivo ao ciclismo. Representou a equipa da Coelima, de 1983 a 1985, tornou-se profissional nesse ano pelo Vitória Sport Clube e representou a seguir a equipa Garcia Joalheiro.

Manuel Abreu alinhou ainda nas formações Tensai / Mundial Confiança / Santa Marta, Sicasal /Acral e Maia / Jumbo, nesta última ao lado do seu irmão mais novo Joaquim Sampaio.

Sagrou-se Campeão Nacional de ciclismo de estrada, Campeão Nacional de Rampa por duas vezes e venceu várias provas, entre as quais o Grande Prémio do Minho de 1996.

Na Volta a Portugal em bicicleta ganhou o prémio do combinado em 1992, ano em que terminou a prova rainha do ciclismo português em segundo lugar.

Representou Portugal em diversos Campeonatos do Mundo e marcou presença em várias Voltas a Espanha e no Giro de Itália.

Fonte: ACM

“Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros”

Mais de duas centenas de atletas no 6º BTT XCO de Paredes de Coura

Duas centenas de atletas marcaram presença no 6º BTT XCO de Paredes de Coura, quarta prova do Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros que consagrou como vencedores Fábio Ribeiro e Susana Santos na categoria de elites. Os vencedores das restantes categorias foram Pedro Lopes e Jéssica Costa (juniores), Filipe Ramos (masters 30), Monserrat Alonso (masters femininas), José Magalhães (masters 40), João Araújo (masters 50), Tiago Sousa e Ana Santos (cadetes), Lucas Lopes e Mariana Líbano (juvenis), João Martins e Beatriz Silva (infantis), Hugo Ramalho e Margarida Vasconcelos (iniciados), Pedro Martins e Lara Azevedo (pupilos-benjamins), e Marco Santos (promoção). Colectivamente triunfaram a ASC/Bike Zone-Vila do Conde (competição) e a Seissa/KTM - Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact (escolas).

Organizado pela Associação de Ciclismo do Minho e pela Câmara Municipal de Paredes de Coura, o 6º BTT XCO de Paredes de Coura apresentou aos participantes um circuito bastante elogiado e de rara beleza, conjugando a excelência e as caraterísticas do percurso com o alto nível competitivo e organizativo que tem pautado Paredes de Coura desde a sua estreia no Campeonato do Minho de BTT XCO, em 2012.

No escalão de elites, Fábio Ribeiro (ProRebordosa / Oforsep / RJ Group) revelou-se o mais forte e venceu o 6º BTT XCO de Paredes de Coura, ficando na segunda posição o galego Manuel Parada (BarbanzaBike C.), que se estreou no Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros de 2017 depois de longa ausência da competição devido a lesão. Márcio Taledo (Batotas / Ponte de Lima) classificou-se em terceiro lugar.

Em femininos, Susana Santos (ASC/Focus Team-Vila do Conde) foi a vencedora, enquanto Daniela Pereira (Saertex Portugal / Edaetech) terminou em segundo e Leandra Gomes (BaToTas / Ponte de Lima) em terceiro.

No escalão de juniores, Pedro Lopes (Seissa/KTM - Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact) assinalou o regresso ao Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros com a vitória no 6º BTT XCO de Paredes de Coura, deixando André Terroso (ASC/Focus Team-Vila do Conde) no segundo posto e Hélder Gonçalves (Seissa/KTM - Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact) no terceiro. Jéssica Costa (ASC/Focus Team-Vila do Conde) ganhou em juniores femininos, superiorizando-se a Celina Faria (JUM – Sanitop – KTM) e a Débora Figueiredo (Seissa/KTM - Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact), segunda e terceira classificadas, respectivamente.

Na categoria de masters 30, o pódio foi todo preenchido por atletas da ASC/Focus Team-Vila do Conde: Filipe Ramos, Ruben Nunes e Ricardo Sousa, respetivamente, primeiro, segundo e terceiro classificados.

Monserrat Alonso (Saertex Portugal / Edaetech) triunfou em masters femininas e José Magalhães (ASC/Focus Team-Vila do Conde)  em master 40, ocupando as restantes posições do pódio Hugo Castro (Rodabike / ACRG / Gondomar) e José Eiras (Cambre C.C.).

João Araújo (JUM / Sanitop / KTM) foi o melhor no escalão de masters 50 com Domingos Rufo (Saertex Portugal / Edaetech) a garantir o segundo lugar e Fernando Silva (Rodabike / ACRG / Gondomar) o terceiro.

Em cadetes venceram Tiago Sousa (ASC/Focus Team-Vila do Conde) e Ana Santos (ASC/Focus Team-Vila do Conde), enquanto nos escalões de escolas se evidenciaram, em juvenis, Lucas Lopes (BMC / SRAM / Póvoa de Varzim) e Mariana Líbano (BMC / SRAM / Póvoa de Varzim), em infantis João Martins (Seissa/KTM - Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact) e Beatriz Silva (BMC / SRAM / Póvoa de Varzim), em iniciados Hugo Ramalho (Escola BTT Matosinhos) e Margarida Vasconcelos (Escola BTT Matosinhos) e em pupilos-benjamins Pedro Martins (Bila Bikers / Carnes Silva / Cycles Oliveira) e Lara Azevedo (Escola BTT Matosinhos).

Na vertente de promoção o vencedor foi Marco Santos, seguido de José Meneses e Joni Gomes.

Colectivamente na classificação de competição venceu a ASC / Focus Team-Vila do Conde, ficando na segunda posição a formação da JUM / Sanitop / KTM e na terceira a Seissa/KTM - Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact, ocupou o terceiro lugar. Em Escolas triunfou a Seissa/KTM - Bikeseven/Matias & Araújo/Frulact voltou, terminando em segundo a Escola BTT Matosinhos e em terceiro a ASC / Focus Team-Vila do Conde.

O 6º BTT XCO de Paredes de Coura teve o apoio da Câmara Municipal de Paredes de Coura, Federação Portuguesa de Ciclismo, MAPFRE | Seguros, Cision, Raiz Carisma - Soluções de Publicidade, Arrecadações da Quintã, POPP Design, Salvaggio, Controlsafe, AFAcycles, Bike Magazine (revista oficial).

O Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros prossegue no próximo dia 7 de maio com a realização do 20º BTT XCO C.N.E / Gondar Jovem – Taça Manuel Abreu, seguindo-se o 11º BTT XCO de Felgueiras (16 de julho), 7º BTT XCO Os Braguinhas – Troféu Manuel Ferreira (3 de setembro), 14º BTT de Creixomil - Barcelos (10 de setembro),19º BTT XCO - ACRAP (24 de setembro) e o 3º BTT XCO - Souto Santa Maria (15 de outubro).

Fonte: ACM

“Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros”

Gondar acolhe o Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros

Disputa-se no dia 7 de maio o 20º BTT XCO C.N.E. / Gondar Jovem - Taça Manuel Abreu, quinta etapa do Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros que decorrerá em Gondar (Guimarães) em homenagem ao ciclista vimaranense que se sagrou campeão nacional de ciclismo de estrada e de rampa e venceu o Grande Prémio do Minho de 1996.

Organizado em conjunto pela Associação de Ciclismo do Minho, Agrupamento de Gondar do Corpo Nacional de Escutas e Gondar Jovem - Associação Juvenil, o 20º BTT XCO C.N.E. / Gondar Jovem - Taça Manuel Abreu será aberto à participação (além das categorias de competição) de todos os interessados que poderão participar integrados na categoria de promoção.

O programa do 20º BTT XCO C.N.E. / Gondar Jovem - Taça Manuel Abreu começará com um período para treinos entre as 10 e as 12h00, realizando-se a partir dessa hora as atividades para pupilos, benjamins e iniciados. Pelas 14 horas começará a prova para infantis, juvenis, cadetes, femininos (sub 23/elites e master), paraciclismo e promoção e às 15h30 a corrida de juniores, elites/sub 23 e masters. A cerimónia protocolar está prevista para as 17h30. A participação na prova é gratuita para atletas federados sendo também aberta à participação na vertente de promoção (custo de inscrição inclui seguro de acidentes pessoais). O secretariado para confirmação de inscrições abrirá às 9 horas e as inscrições devem ser efetuadas através do email geral@acm.pt.

A partida e a chegada do 20º BTT XCO C.N.E. / Gondar Jovem - Taça Manuel Abreu serão no Largo do Cruzeiro (Gondar - Guimarães) e, como habitualmente, a organização terá em funcionamento um serviço de restauração.

O 20º BTT XCO C.N.E. / Gondar Jovem - Taça Manuel Abreu tem o apoio da Federação Portuguesa de Ciclismo, MAPFRE | Seguros, Cision, Raiz Carisma - Soluções de Publicidade, Arrecadações da Quintã, POPP Design, Salvaggio, Controlsafe, AFAcycles, Bike Magazine (revista oficial).

No ano passado, o Campeão do Minho de Cross Country Olímpico, Jacinto Fiúza, e Ana Rita Vale venceram em elites o 19º BTT XCO C.N.E. / Gondar Jovem - Taça Manuel Abreu, terceira etapa do Campeonato do Minho de BTT XCO - MAPFRE | Seguros disputada em Gondar (Guimarães). O 19º BTT XCO C.N.E. / Gondar Jovem - Taça Manuel contou com a vitória, além de Jacinto Fiúza e de Ana Rita Vale em elites, de João Rocha e Marta Branco (juniores), Ruben Nunes (master 30), Paulo Rodrigues (master 40), João Araújo (master 50), Hélder Gonçalves e Raquel Queirós (cadetes), Gonçalo Magalhães e Ana Santos (juvenis), João Martins e Mariana Líbano (infantis), David Ferreira e Ana Costa (iniciados), Hugo Ramalho e Rita Fontinhas (benjamins) e Rui Pinto (promoção). Coletivamente triunfaram ASC / Focus Team / Vila do Conde (competição) e a Seissa / MGB Bikes / Matias & Araújo / Frulact (escolas).

Manuel Abreu

Manuel Abreu nasceu em Gondar (Guimarães) a 5 de janeiro de 1963 e faleceu a 25 de fevereiro de 1997, tendo sido distinguido pela Câmara Municipal de Guimarães com a medalha de mérito desportivo e pela Associação de Ciclismo do Minho e Federação Portuguesa de Ciclismo.

Enquanto jovem, Manuel Luís Campos de Abreu acompanhou de perto a carreira de ciclista dos seus irmãos João e Jerónimo, quando estes representavam a equipa da Coelima. Com 20 anos de idade, em 1983, deixou a fiação onde trabalhava para se dedicar em exclusivo ao ciclismo. Representou a equipa da Coelima, de 1983 a 1985, tornou-se profissional nesse ano pelo Vitória Sport Clube e representou a seguir a equipa Garcia Joalheiro.

Manuel Abreu alinhou ainda nas formações Tensai / Mundial Confiança / Santa Marta, Sicasal /Acral e Maia / Jumbo, nesta última ao lado do seu irmão mais novo Joaquim Sampaio.

Sagrou-se Campeão Nacional de ciclismo de estrada, Campeão Nacional de Rampa por duas vezes e venceu várias provas, entre as quais o Grande Prémio do Minho de 1996.

Na Volta a Portugal em bicicleta ganhou o prémio do combinado em 1992, ano em que terminou a prova rainha do ciclismo português em segundo lugar.

Representou Portugal em diversos Campeonatos do Mundo e marcou presença em várias Voltas a Espanha e no Giro de Itália.

Fonte: ACM

“Taça de Portugal e Taça do Minho de Ciclismo de Estrada - Arrecadações da Quintã”

Golães recebe a Taça de Portugal de Cadetes

A freguesia de Golães, em Fafe, recebe no próximo dia 6 de maio a Taça de Portugal de Cadetes. O Prémio de Ciclismo Freguesia de Golães / Troféu José Martins, também pontuável para a Taça do Minho de Ciclismo de Estrada - Arrecadações da Quintã, é organizado pela Associação de Ciclismo do Minho e pela Federação Portuguesa de Ciclismo com o apoio da Câmara Municipal de Fafe. Com início e final em Golães, o percurso da prova inclui passagens pelos concelhos de Fafe, Guimarães, Felgueiras e Póvoa de Lanhoso.

O Prémio Junta de Freguesia de Golães / Troféu José Martins (Taça de Portugal de Cadetes e Taça do Minho de Ciclismo de Estrada - Arrecadações da Quintã) arrancará, pelas 14h00, junto à Igreja de Golães e terminará nas imediações da Junta de Freguesia, pelas 15h57, estando em perspetiva um excelente espetáculo desportivo, onde não faltarão momentos de grande competitividade.

Como é habitual na região do Minho, é esperada a presença de bastante público tanto nos locais de partida e de chegada como ao longo do percurso. O pelotão passará por diversas localidades dos concelhos de Fafe, Póvoa de Lanhoso e Guimarães.

Patrocinado pela Câmara Municipal de Fafe, o trajeto do Prémio Freguesia de Golães / Troféu José Martins, na extensão de 74,2 quilómetros, será o seguinte: Golães - Fafe (14h00 - Partida simbólica), EN 207 (após a rotunda depois da circular - Partida real), Travassós, Requeixo, Vila Cova, Freitas , Serafão (14h16), Arosa, Taíde, Porto d´Ave (14h30), Ralde, EN 205, Fontarcada, Póvoa de Lanhoso, São Martinho do Campo (14h45), Santo Emilião, Donim, Briteiros, São Cláudio de Barco, Caldas das Taipas (15h00), Vila de Ponte, à esq. p/ Prazins - EM 583, Corvite, Prazins Santa Eufêmia, à drt. p/ Gondomar/Souto Santa Maria, Garfe (15h11), EN 207-4, Arosa, EN 207, Serafão (15h37), Freitas, Vila Cova (15h42), Requeixo, Travassós (15h48), Santa Comba de Fornelos, ponte (início de subida), Golães (15h57 - Meta final).

O Prémio Junta de Freguesia de Golães / Troféu José Martins é organizado pela Associação de Ciclismo do Minho e pela Federação Portuguesa de Ciclismo, contando com o patrocínio da Câmara Municipal de Fafe e o apoio da Freguesia de Golães, Bombeiros Voluntários de Fafe, Arrecadações da Quintã, Cision, Raiz Carisma - Soluções de Publicidade, POPP Design, Salvaggio, Controsafe, AFAcycles, Jopedois, Fafefuel, Guimarpeixe, Auto Terror e Ciclismo a fundo (revista oficial).

No ano passado, Bruno Araújo (Sicasal/Liberty Seguros/Bombarralense) venceu isolado o Prémio de Ciclismo Freguesia de Golães / Troféu José Martins, prova pontuável para a Taça de Portugal de Juniores e para a Taça do Minho de Ciclismo de Estrada - Arrecadações da Quintã.

A corrida de ciclismo proporcionou um excelente espetáculo desportivo, onde não faltaram momentos de grande competitividade, com a vitória final a resultar de uma fuga bem-sucedida que permitiu a Bruno Araújo (Sicasal/Liberty Seguros/Bombarralense) chegar isolado à seletiva subida em direção meta final instalada nas imediações da Junta de Freguesia de Golões. As várias tentativas de fuga e as movimentações constantes no grupo principal de corredores, assim como as dificuldades do percurso, fizeram com que o pelotão chegasse fracionado à meta.

Bruno Araújo cumpriu o percurso à média de 39.083 km/h, cortando a meta isolado com a vantagem de 1m23s para o segundo classificado, Fábio Silva (A.C.D.C. - Trofa). O terceiro foi Pedro Braga (A.C.D.C. - Trofa), a 1m23s do vencedor, seguindo-se na classificação final Diogo Bandeira (Mato-Cheirinhos/Liberty Seguros/Vila Galé), António Almeida (Moreira Congelados/Feira/Bicicleta Andrade), José Sousa (Silva & Vinha / ADRAP / Sentir Penafiel), Pedro Lopes (Alcobaça C C  / Crédito Agrícola), Nélson Pereira (Escola de Ciclismo Carlos Carvalho), Gonçalo Ferreira (Academia Joaquim Agostinho / UDO) e João Carneiro (Maia).

A classificação por equipas foi ganha pela formação ACDC – Trofa, seguindo-se as formações Sicasal / Liberty Seguros / Bombarralense e Moreira Congelados / Feira / Bicicleta Andrade.

Nos últimos anos Golães tem acolhido competições de ciclismo regulares organizadas pela Associação de Ciclismo do Minho. Além disso, em 2009, numa jornada impagável da memória, a Associação de Ciclismo do Minho promoveu no final do Troféu José Martins / Taça de Portugal de Juniores a apresentação do livro “A Magia do Tour - Participação dos corredores portugueses” escrito a quatro mãos por Alves Barbosa e José Magalhães Castela. O cenário desta apresentação foi a Junta de Freguesia de Golães, tendo contado com a magia dos autores que obsequiaram os inúmeros presentes com saudosas histórias de um tempo em que o ciclismo era praticado, não só na sua mais interna pureza desportiva, mas também na sua sempre necessária vertente saudável.

Na apresentação do livro, Alves Barbosa presenteou a assistência com algumas das suas memórias da aventura da volta ciclista mais apreciada no mundo, enquanto José Magalhães Castela aproveitou a ocasião para elencar praticamente toda a vida do fafense José Martins, numa singela homenagem que quis prestar a este antigo ciclista, sócio honorário da ACM e participante no “Tour de France”.

Também nesse ano de 2009, a Câmara Municipal de Fafe e a Junta de Freguesia de Golães homenagearam no final da prova José Martins e o seu irmão Manuel Martins, igualmente ex-ciclista.

Mais recentemente, a Associação de Ciclismo do Minho promoveu em 2014 aquando da habitual prova de ciclismo uma cerimónia de entrega de distinções a dirigentes desportivos de Fafe em reconhecimento pelo mérito do desempenho de funções associativas ao longo de mais de três décadas. Na sequência da deliberação da Assembleia-Geral, a ACM entregou a distinção de Presidente Honorário aos fafenses Manuel Fernandes Castro e Jorge Filipe Gonçalves e de Vice-Presidente Honorário a Francisco Orlando Marinho, enaltecendo os relevantes serviços prestados ao Ciclismo e à Associação de Ciclismo do Minho.

José Martins - Glória do ciclismo é natural de Golães

Importante freguesia do concelho de Fafe, Golães é a terra natal de José Martins um consagrado ciclista português, premiado com uma carreira internacional assinalável. Ao longo do seu percurso como profissional (1971-1980) envergou as camisolas da Coelima, Canada Dry-Gazelle, Kas-Campagnolo, Teka e Moliner-Vereco, ao serviço das quais obteve destacados resultados: Volta a Portugal/1972 e 1973 (2º e 3º), Volta à Madeira/1974 (1º), Volta à Catalunya/1974 (1º), Volta a Mallorca/1974 (1º), Volta a Aragón/1975 (2º), Volta ao País Basco/1975 (3º), Vuelta à Espanha/1975 (6º), Tour Suisse/1976 (1º Prémio da Montanha) e Tour de France/1976, 1977 e 1978 (12º, 17º e 22º).

Golães apresenta-se como uma das freguesias mais extensas, mais povoadas e mais desenvolvidas do concelho de Fafe, situando-se a quatro quilómetros da sede do concelho e estendendo-se encosta fora na margem esquerda do rio Vizela.

Como coletividades ativas e atuantes, a comunidade de Golães conta, entre outras, com a prestigiada Banda de Golães.

Fonte: ACM

“Serge Pauwels ganha Volta ao Yorkshire”

Belga ganhou a terceira e última etapa

Por: Lusa

Foto: Getty Images

O belga Serge Pauwels, da Dimenion Data, ganhou este domingo a terceira e última etapa da Volta ao Yorkshire, sagrando-se também vencedor da classificação geral individual, enquanto o português Tiago Machado foi 11.º.
Depois de dois dias com chegadas ao sprint, tudo se decidiu na ligação entre Bradford e Sheffield, nomeadamente na montanha, curta mas intensa, dos últimos quilómetros, onde a Dimension Data foi a mais forte em termos táticos. Com efeito, a equipa lançou na etapa dois trunfos, Pauwels e o espanhol Omar Fraile, segundo no dia e que também podia ter ganhado a prova. Pauwels e Fraile acabaram por chegar juntos à meta e decidiram não sprintar, com Pauwels a cortar em primeiro, mas ambos a levantarem os braços. A seis segundos, chegou o francês Jonathan Hivert, da Direct Energie.
Pauwels ganha a Volta ao Yokshire com seis segundos de avanço sobre Fraile e sete sobre Hivert.
Apenas um português esteve no pelotão na prova inglesa, Tiago Machado (Katusha), que falhou o top-10 por muito pouco. O ciclista luso foi hoje 12.º, a 32 segundos, para fechar a prova em 11.º, a 44.
A última etapa ficou ainda marcada pela queda do sprinter francês Nacer Bouhanni, a cerca de 25 quilómetros de meta. Inconsciente, o corredor da Cofidis foi retirado de ambulância e transportado para o hospital, recuperando entretanto a consciência.

Fonte: Record on-line