sexta-feira, 31 de janeiro de 2020

“Nova edição mensal da Revista Notícias do Pedal/Primeira de 2020”

A “Revista Notícias do Pedal” acabou de lançar a edição número 293, a primeira edição de 2020 totalmente renovada, com novo visual, a mesma contém uma grande diversidade de notícias, nas mais diversas modalidades, descubra e conheça a mesma, e ainda outras novidades, e outros projetos, e participe.

A nossa publicação pode ser visualizada em: www.noticiasdopedal.com  onde vai encontrar todos os nossos projetos e links para os mesmos.

Temos o nosso espaço diário em:


 

A sua notícia é importante para nós…

Temos espaço para divulgar o seu evento antes e após a realização do mesmo, pode divulgar ainda tudo o que se relaciona com a bicicleta, como um acontecimento, um passeio onde participou, uma novidade.

Temos espaço diário, e mensal, e damos liberdade aos nossos leitores, de se pronunciarem, e fazerem as suas divulgações, para que isso aconteça, basta enviarem um pequeno texto, algumas fotos, ou cartazes, e nós tratamos do resto.

 

Todas as notícias podem ser enviadas para os nossos mails:

 


 

Boas leituras… Votos de um bom 2020

“Triatleta Cameron Wurf contratado pela equipa de ciclismo INEOS”

Australiano regressa ao WorldTour para substituir Vasil Kiryienka, que terminou a carreira devido a problemas cardíacos.

O triatleta australiano Cameron Wurf vai representar a INEOS durante a primeira parte da temporada do WorldTour, substituindo o ciclista bielorrusso Vasil Kiryienka, que terminou a carreira devido a problemas cardíacos, anunciou hoje a equipa britânica.

Wurf, de 36 anos, regressa ao WorldTour depois de já ter competido entre 2009 e 2014, com a Fuji Servetto, Liquigas e Cannondale.

O atleta australiano, que se vai estrear já no domingo, na Cadel Evans Great Ocean Road Race, vai competir pela INEOS durante a primeira parte da época, passando depois a preparar a quarta participação no Ironman, agendado para outubro, no Havai.

Entretanto Kiryienka, campeão mundial de contrarrelógio em 2015, anunciou a retirada devido a um problema cardíaco.

O ex-ciclista, de 38 anos, falhou o arranque da temporada passada devido a uma anomalia cardíaca, regressando apenas à competição na Volta à Romandia. Ainda disputou a Volta a Espanha, a última grande corrida com a equipa à qual chegou em 2013, quando esta ainda era denominada Sky.

Fonte: Sapo on-line

“Vasil Kiryienka abandona carreira devido a problema cardíaco”

Bielorusso foi campeão mundial de contrarrelógio em 2015

Por: Lusa

Foto: Getty Images

O ciclista bielorrusso Vasil Kiryienka, campeão mundial de contrarrelógio em 2015, vai retirar-se devido a um problema cardíaco, anunciou a INEOS em comunicado.

Vasil Kiryienka, de 38 anos, falhou o arranque da temporada passada devido a uma anomalia cardíaca, regressando apenas à competição na Volta à Romandia.

O ciclista ainda disputou a Volta a Espanha, a sua última grande corrida com a equipa à qual chegou em 2013, quando esta ainda era denominada Sky.

"É um dia muito triste para mim, mas é a decisão certa baseada nas informações que me foram transmitidas pelos médicos da equipa. Tive uma carreira maravilhosa e desfrutei de cada minuto de corrida com esta equipa. Foi uma viagem incrível e estou grato por todo o apoio que recebi ao longo da carreira", afirmou, citado pela equipa britânica em comunicado.

Ao longo da carreira, o corredor, essencialmente conhecido pela sua vertente de contrarrelogista, participou em 20 grandes Voltas, vencendo uma etapa na Vuelta e três etapas no Giro.

O bielorrusso ganhou também o contrarrelógio individual no Campeonato do Mundo em 2015, bem como cinco títulos nacionais da especialidade (2002, 2005, 2006, 2015 e 2018).

Fonte: Record on-line

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

“Granfondo Raiano”

Vamos levar a efeito a segunda edição do “Granfondo Raiano”, no próximo dia 10 de Maio, com partida e chegada na vila de Idanha-a-Nova.

As inscrições estão a decorrer e poderá fazê-lo no nosso sítio em http://granfondoraiano.acin.com.pt aqui também poderá consultar o regulamento do evento.

Boas pedaladas

Fonte: ACIN-Associação de Cicloturismo de Idanha-a-Nova

“Ações de Formação Triatlo Contínua 1º semestre”

Veja as Ações de Formação Contínua promovidas pela FTP no primeiro semestre do ano 2020.

Atualizar-se e estar a in(formado) desenvolve competências e promove as boas práticas de treinador. Assim, a Federação de Triatlo de Portugal irá desenvolver entre fevereiro e maio de 2020 diversas ações de formação que vão ao encontro do interesse dos treinadores de Triatlo.

A primeira ação de formação é já dia 15 de fevereiro, no dia anterior ao primeiro Powerman Portugal, que se realiza em Mafra.


15 de fevereiro, Mafra

Ação de formação contínua: ‘Periodização e Planeamento de Treino

Paulo Sousa é um treinador com comprovado sucesso no panorama nacional. Emigrou para os Estados Unidos da América há largos anos, local onde atualmente trabalha com diversos atletas de elite e de seleções nacionais de vários países. A sua profissão passa pelo acompanhamento de vários atletas que estão na qualificação olímpica para Tóquio 2020.

Neste momento encontra-se em estágio com a sua equipa em Monte Gordo, pelo que a convite da FTP, Paulo Sousa irá partilhar as suas teorias e práticas em planeamento e periodização de treino do Triatlo.


Dados da formação:

Formador: Paulo Sousa (thetriathlonsquad)

Local: Auditório do Estádio Municipal de Mafra

Data: 15/2, das 9h às 13h e das 14h às 17h

UC: 1,6 UC para a componente Específica do Título Profissional de Treinador de Desporto Triatlo

Valor de inscrição: 5€


29 de fevereiro, Machico

Ação de Formação Contínua ‘Treino de força e mobilidade para triatletas’

Uma formação teórica complementada com exemplos práticos, pretende-se refletir sobre a importância do treino físico nos triatletas.


Dados da formação:

Formador Paulo Gonçalves

Local: Machico (local a confirmar)

Data: 29/2, das 9h às 13h e das 14h às 17h

UC: 1,6 UC para a componente Específica do Título Profissional de Treinador de Desporto Triatlo

Valor de inscrição: 5€


Programa:

9h – Início;

– Evidências da importância do treino de força e mobilidades em triatletas;

– Inclusão do treino de força e mobilidade, num programa de treino;

– Métodos de treino de força e mobilidade em triatletas;

– Exemplos práticos do treino de força em triatletas.

17h – Encerramento.


Razões/pertinência da ação:

– Promover a importância do treino de força e mobilidade para triatletas de longa distância;

– Refletir sobre a integração do treino de força e mobilidade para triatletas.


7 de março em Portimão e 14 de março em Machico

‘Ação de Formação Contínua Treino de natação de fundo e águas abertas’

A convite da Federação de Triatlo de Portugal, o treinador de natação do Sport Lisboa e Benfica – Ricardo Santos – responsável pelo enquadramento técnico de vários nadadores de Fundo e de Águas Abertas, lecionará uma formação destinada aos treinadores de Triatlo e Natação versando os temas do treino de natação de fundo e de águas abertas.


Programa:

– Periodização e planeamento de nadadores de fundo e águas abertas;

– Estrutura da sessão de treino;

– Análise e correções técnicas em fundo e águas abertas;

– Componentes específicas do treino de fundo e águas abertas (adaptação às condicionantes do plano de água, temperatura, uso fato isotérmico…);

Formador: Ricardo Santos

Local: Portimão e Machico (local a confirmar)

Data: 7/3 e 14/3, das 9h às 13h e das 14h às 17h

UC: 1,6 UC para a componente Específica do Título Profissional de Treinador de Desporto Triatlo e Natação

Valor de inscrição: 5€

Fonte: FTP

“Gaviria volta a vencer e Nelson Oliveira mantém quarto posto na Volta a San Juan”

Na sexta-feira, após um dia de descanso, os ciclistas vão percorrer 169,5 quilómetros, entre San Martín e Alto Colorado, com a meta a coincidir com uma contagem de montanha de primeira categoria.

O ciclista colombiano Fernando Gaviria (UAE-Emirates) somou hoje a segunda vitória na Volta a San Juan, na Argentina, ao triunfar na quarta etapa, com o português Nelson Oliveira (Movistar) a manter-se na quarta posição da geral.

No final dos 185,8 quilómetros, San José de Jáchal e Villa San Agustín, Gaviria foi claramente superior aos restantes 'sprinters' e venceu em 4:08.03 horas, batendo o francês Rudy Barbier (Israel Start-Up Nation) e o colombiano Álvaro José Hodeg (Deceuninck-QuickStep).

Na geral, o belga Remco Evenepoel (Deceuninck-QuickStep) manteve-se na liderança, com 33 segundos de avanço sobre Filippo Gana (seleção italiana), 1.09 minutos sobre espanhol Óscar Sevilla (Medellín) e 1.26 sobre Nelson Oliveira.

Na sexta-feira, após um dia de descanso, os ciclistas vão percorrer 169,5 quilómetros, entre San Martín e Alto Colorado, com a meta a coincidir com uma contagem de montanha de primeira categoria.

Fonte: Sapo on-line

“Vinte anos ao serviço do Cicloturismo e da Bicicleta em Portugal, e além-fronteiras”

Apoio e divulgação dos passeios de cicloturismo, participe e divulgue

Texto. José Morais

Cartaz: Revista Notícias do Pedal

Fomos pioneiros, fomos a primeira revista on-line em Portugal na divulgação e apoio total ao cicloturismo, apoiando organizações, grupos e amantes da modalidade, temos o orgulho de dizer, que fomos os únicos que tomamos a iniciativa de criar um prémio para escolher o melhor passeio do ano, o qual realizamos durante três anos, denominado de “Prémio Notícias do Pedal”, mais tarde, e a pedido de muitos leitores, estendemos a nossa Revista a todas as modalidades sejam elas amadoras ou profissionais, juntando ainda a parte ambiental, que utiliza a bicicleta.

O nosso respeito pelo cicloturismo, e por todos que nos têm apoiado ao longo dos anos, não podemos deixar de passar em branco, e deixar no esquecimento, esta modalidade que tantos amantes movimenta, e muitas vezes fica esquecida, assim, em 2020 decidimos publicar no nosso espaço mensal, dedicar num espaço próprio, para todos os passeios com data e realização dos mesmos, com destaque no nosso espaço diário, com acesso também direto às redes sociais, onde todos possam ficar a par dos passeios, locais e datas a realizar dos mesmos.

Neste espaço, vamos privilegiar todos os eventos, independentemente das filiações dos grupos ou clubes, ou entidades independentes, aqui, vai existir espaço para todos em igualdade que promovam passeios de cicloturismo, porem, estaremos também abertos a todas as divulgações de eventos, nas diversas modalidades como tem acontecido até hoje.

Para que o vosso evento seja mais visível, e possa mostrar mais interesse a quem lê as notícias, é sempre importante ser enviado um cartaz de promoção, assim sugerimos que seja enviado o cartaz do evento, como a descrição do mesmo, como datas, horários, locais de partida e chegada, e tudo que possua interesse na divulgação.

Todas as informações devem ser enviadas para os nossos e-mails: noticiasdopedal@gmail.com ou geral@noticiasdopedal.com ou consultar ainda a partir de 1 de fevereiro em www.notíciasdopedal.com toda a informação.

Cá esperamos as vossas notícias.

Boas pedaladas.

quarta-feira, 29 de janeiro de 2020

“Elia Viviani confirma presença na Volta ao Algarve”

Italiano é um dos melhores sprinters do pelotão mundial

Por: Ana Paula Marques

Elia Viviani confirmou esta terça-feira a participação na Volta ao Algarve, prova que elogia. "É uma boa corrida para preparar as clássicas da primavera", justificou o italiano que corre na Cofidis, ele que é um dos melhores sprinters do pelotão mundial e atual campeão europeu.

O velocista, que também dá cartas no ciclismo de pista, tinha planeado fazer a Volta a Omã, entretanto cancelada, optando então por correr a prova portuguesa.

Viviani iniciou a época no Tour Down Under, na Austrália, mas sofreu uma queda na segunda etapa, mas deve chegar à Volta ao Algarve, de 19 a 23 de fevereiro, já recuperado.

Fonte: Record on-line

“Nelson Oliveira sobe ao quarto lugar na Volta a San Juan após o 'crono'”

Remco Evenepoel foi o vencedor do contrarrelógio individual da terceira etapa.

O português Nelson Oliveira (Movistar) subiu na terça-feira ao quarto posto da Volta a San Juan em bicicleta, ao conseguir lugar idêntico no contrarrelógio individual da terceira etapa, vencida pelo novo líder o belga Remco Evenepoel (Deceuninck-QuickStep).

Evenepoel, vice-campeão do mundo no ‘crono’, foi o mais rápido a completar os 15,2 quilómetros em solitário, entre Ullum e Punta Negra, em 19.16 minutos, menos 32 segundos do que o italiano Filippo Ganna e 1.08 minutos em relação ao veterano espanhol Óscar Sevilla (Medellin), segundo e terceiro classificados, respetivamente.

Nelson Oliveira foi quarto colocado, a 1.25 minutos de Evenepoel, cenário que se repete na geral.

O colombiano Fernando Gaviria (UAE Emirates), que liderava a corrida, não foi além do 158.º posto no ‘crono’, cedendo 5.28 minutos para o vencedor da etapa, o que o fez cair para o 97.º lugar da geral, a 5.18.

O espanhol Alvaro Trueba foi o melhor representante da portuguesa Atum General-Tavira no contrarrelógio, com o 37.º registo, a 2.29 minutos, que lhe valeu a subida ao 34.º posto.

A etapa de hoje vai levar os corredores a percorrerem 185,8 quilómetros, entre San José de Jáchal e Villa San Agustín, num percurso com três subidas, duas de primeira categoria e uma de terceira.

Fonte: Sapo on-line

terça-feira, 28 de janeiro de 2020

“Iniciativa da EMEL para os mais novos”

Programa Pela Cidade Fora duplica as suas atividades pedagógicas
Por: Maria Teresa Loureiro
Lisboa, 28 de janeiro de 2020 – O Programa Pela Cidade Fora (Educação Para a Mobilidade), uma iniciativa da EMEL, com a colaboração da CML, duplicou, em 2019, as suas atividades pedagógicas e de formação para a cidadania das novas gerações.
Entre janeiro e dezembro do ano passado, o Pela Cidade Fora desenvolveu mais de 110 atividades, que contaram com o envolvimento de 53 escolas do município de Lisboa e mais de 1.500 alunos dos 3º, 5º, 7º e 10º anos de escolaridade.

As atividades desenvolvidas de forma lúdica e pedagógica, realizadas no âmbito deste Programa da EMEL, durante 2019, e que se mantêm este ano, nomeadamente:

À Descoberta da Cidade:
Seguindo um mapa de Lisboa, os mais novos exploram a cidade, tendo pontos de partida e de chegada definidos, utilizando obrigatoriamente os transportes públicos.

Jogo Lugar Livre:
Jogo de chão que envolve a reflexão e resposta a questões sobre mobilidade.

Sozinho Para Casa:
Sessão de rua na envolvente da escola, para que as crianças adquiram a perceção do espaço onde a escola se insere e aprendam a fazer o percurso entre a casa e a escola de transportes públicos e a pé.

Mini Fiscal:
Ação de alerta e sensibilização para situações que envolvem estacionamentos incorretos que prejudicam a mobilidade.

Eu Ando de Bicicleta:
Sessão teórico-prática de iniciação à condução de bicicletas;

Mobilidade na Minha Cidade:
Sessão exploratória da cidade e dos transportes públicos através de um Peddy-Paper
têm como objetivo tornar crianças e jovens mais conscientes e responsáveis na utilização do espaço público, chegando, através deles, às respetivas famílias, educadores e a toda a comunidade.
A EMEL acompanha a multiplicidade de necessidades emergentes de Lisboa, sendo o seu objetivo proporcionar melhor qualidade de vida urbana. Nesse sentido, muito do seu trabalho foca-se na sensibilização e pedagogia para uma cada vez melhor utilização do espaço urbano comum, tornando a sua presença em Lisboa, cada vez mais próxima dos residentes e de quem circula todos os dias na cidade.

Declarações de Luís Natal Marques, Presidente do Conselho de Administração da EMEL:
A transição para as Cidades do Futuro, cidades mais humanizadas, começa por uma mudança de mentalidades e de comportamentos, na qual podemos basear a esperança de um futuro mais sustentável, mais inclusivo, mais nosso, para a nossa cidade. E os mais novos são peças essenciais nessa e para essa mudança. Por isso apostamos na sensibilização e na pedagogia de forma continuada, que acreditamos ser um importante contributo para uma maior segurança nas ruas da cidade e para uma sociedade mais verde e sustentável.

Sobre o Programa Pela Cidade Fora:
O Pela Cidade Fora é uma iniciativa da EMEL, com a colaboração da CML, através do Departamento de Educação, que pretende sensibilizar as gerações mais novas, desde as crianças do pré-escolar até aos jovens do ensino secundário, para as questões da Mobilidade Sustentável e em particular para as vantagens da utilização dos modos ativos e suaves.
Fonte: EMEL

"Torrienses" no top 10 da Taça"

Texto: AfterTwo //works

Fotos: João Calado | FPCiclismo e AfterTwo //works

Os juniores Daniel Gonçalves e João Ferreira alcançaram a 6ª e 10ª posições na terceira e última prova da Taça de Portugal de Pista, competição que se disputou este sábado no velódromo nacional em Sangalhos.

Depois de ter conquistado no passado fim-de-semana o primeiro pódio para a Academia Joaquim Agostinho/UDO na temporada 2020, Daniel Gonçalves começou o concurso de “omnium” com um excelente 2º lugar na disciplina de "scratch" e 4º no "tempo", mas acabou por não dar sequência a estes bons resultados nas provas de "eliminação" e "pontos", terminando a prova na 6ª posição.

Num evento que contou com a forte oposição de vários atletas espanhóis, Daniel Gonçalves concluiu a competição como 3º melhor português.

Depois de disputadas as 3 provas que compõem a Taça 2020, Daniel Gonçalves e João Ferreira ficaram posicionados na 8ª e 9ª posição do ranking final.

Os ciclistas cadetes da Academia torriense também evoluíram na pista do velódromo nacional, com destaque para Rafael Andrade que melhorou consideravelmente a sua prestação em relação à prova anterior, terminando em 10º a disciplina de "scratch". Com este resultado, o atleta do Bombarral concluiu a competição no 12º lugar do ranking. Na prova de 500 mt, David Caixaria e Afonso Hermenegildo também melhoraram as suas classificações face ao fim-de-semana anterior, registando o 11º e 13º lugar na disciplina. No ranking final, Afonso Hermenegildo foi o atleta torriense mais bem posicionado no 14º posto.


"União Desportiva do Oeste" distinguida

Em cerimónia realizada este domingo no salão nobre dos Bombeiros Voluntários de Torres Vedras, a Associação de Ciclismo de Lisboa agraciou com a medalha comemorativa dos seus 75 anos, todos os Dirigentes e Atletas da "União Desportiva do Oeste", que acolhe a Academia Joaquim Agostinho desde 2015. A instituição destacou o clube pela organização das 42 edições do Troféu Internacional de Ciclismo de Torres Vedras e por ser o líder em número de Atletas inscritos na Associação, com um total de 67.
Fonte: Academia Joaquim Agostinho

“Campeonato Nacional de Pista”

Campeonato Nacional de Pista em disputa no próximo fim de semana

Por: André Antunes

O Campeonato Nacional de Pista realiza-se no próximo fim de semana, 1 e 2 de fevereiro, no Velódromo Nacional, em Sangalhos, Anadia. Está prevista a entrega de 42 títulos nacionais, distribuídos pelas diferentes categorias.

Os títulos nacionais serão distribuídos por diversas categorias, entre ciclistas masculinos e femininas, com as provas de cadetes, juniores, elite, masters e paraciclistas. As disciplinas com títulos em disputa são eliminação, corrida por pontos, perseguição por equipas, perseguição individual, scratch e 500 metros.

A competição da elite masculina contará com a presença de Iuri Leitão (GD Supermercados Froiz), João Matias (Aviludo-Louletano) e de Rodrigo Caixas (L.A. Alumínios-L. A Sport), que poderão ser protagonistas nas contas do campeonato nacional, tendo em conta a sua prestação na Taça de Portugal. Nas femininas, Maria Martins (Drops) vai tentar revalidar os títulos do ano passado, visto que é a atual campeã nacional das disciplinas de scratch, eliminação e corrida por pontos.

As provas de juvenis que constam no programa do campeonato nacional são integrantes do Campeonato da Juventude. No fim de semana ficarão ainda decididos os campeões nacionais universitários.

O programa começa no sábado pelas 10h30 até às 14h15, retomando depois às 15h00 para terminar por volta das 20h30. No domingo, as provas começam às 10h00, terminando pelas 16h30.

A entrada é gratuita para o público.


Mais eventos oficiais:

2 de fevereiro: 1.ª Taça Regional XCO ACPorto

2 de fevereiro: Raid das Masseiras by Trek 2020, Estela, Póvoa do Varzim

2 de fevereiro: Maratona BTTSor 2020, Ponte de Sor

2 de fevereiro: Delta Cafés – Almodôvar Cycling Challenge, Beja

Fonte: FPC

“César Martingil no 'top 10' da geral da Volta a San Juan”

O português participa por estes dias na prova argentina.

O ciclista português César Martingil (Atum General-Tavira) foi, esta segunda-feira, oitavo classificado na segunda etapa da Volta a San Juan, conquistada pelo colombiano Fernando Gaviria (UAE Emirates), e subiu à 10.ª posição da geral.

Em Pocito, no final de uma ligação de 168,7 quilómetros que começou na mesma localidade argentina, o jovem da equipa algarvia ‘intrometeu-se’ na luta entre nomes sonantes do pelotão pela vitória ao ‘sprint’, sendo oitavo, com o mesmo tempo de Gaviria, que cumpriu a tirada em 3:30.06 horas.

Em segundo, atrás do novo líder da geral, ficou o argentino Nicólas Naranjo (Agrupación Virgen de Fátima), enquanto o italiano Marco Benfatto (Bardiani-CSF) foi terceiro e a ‘estrela’ Peter Sagan (Bora-hansgrohe) acabou na quinta posição.

Com o resultado da segunda etapa, Martingil entrou no ‘top 10’ da geral, liderada pelo colombiano da UAE Emirates, com o tempo de 7:15.10.

O português está a 10 segundos de Gaviria, que relegou o anterior líder, o francês Rudy Barbier (Israel Start-Up Nation), para a segunda posição, apesar de ambos terem o mesmo registo na geral. Em terceiro está o italiano Manuel Belletti (Androni Giocattoli), a quatro segundos.

Fonte: Sapo on-line

segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

“Nacional de Clubes de Cross arranca com o Duatlo de Marvila”

No dia 26 de janeiro de 2020, o Duatlo de Marvila recebeu o Campeonato Nacional de Clubes de Cross.

A competição realizou-se no Parque da Bela Vista, em Marvila, Lisboa, e contou com cerca de centena e meia de atletas entre os quais a participação dos principais triatletas de cross nacionais.

Esta prova, disputada na distância sprint, contou com um percurso em relva e terra batida que integrou algumas curvas e retornos o que o torna técnico e desafiante para todos os atletas.


Os resultados desta primeira etapa do Campeonato Nacional de Clubes de Cross

O primeiro lugar pertenceu ao Amiciclo de Grândola, com Rui Dolores, com 01:17:54, com Diogo Filipe Silva com 01:22:09 e João Jesus com 01:22:56. A segunda posição pertenceu ao SFRAA Triatlo com os atletas David Coelho que concluiu a prova em 01:19:11, Claúdio Paulinho com o tempo de 01:21:40 e Nuno Preciado com 01:24:26. O Grupo Desportivo do Goma alcançou a terceira posição com Nuno Pereira com 01:18:19, Nelson Gomes com 01:18:48 e José Peixoto com 01:30:53.

Na prova feminina, foi o Grupo Desportivo de Goma que venceu a competição com Rita Vale, que concluiu a prova em 01:39:31, Marisa João que fez a marca de 01:48:02 e Paula Soares que terminou em 01:54:11. A segunda posição do pódio foi conseguida pelo OutSystems Olímpico de Oeiras, com Filomena Gomes que completou a competição em 01:50:58, Céu Nunes, que fez o tempo de 01:51:11 e Susana Pontes, que concluiu em 01:52:11. O Clube Oriental de Lisboa subiu ao terceiro lugar do pódio com as atletas Cláudia Ferreira com 02:22:50, Sara Colaço com 02:25:44 e Ana Pipio com 02:31:01.


 Duatlo de Marvila: resultados individuais

Rita Vale, do Grupo Desportivo de Goma, foi a grande vencedora da competição, com a marca de 01:39:31, na segunda posição ficou Cristina Pereira, do GCA Donas – TRIATLO, e Pauline Vie, do Alhandra Sporting Club classificou-se na terceira posição.

François Vie, do Alhandra Sporting Club, com uma excelente prestação, ganhou a competição individual, com 01:17:41, Rui Dolores ficou na segunda posição, com 01:17:54 e João Francisco Ferreira, do CNATRIL Triatlo, fechou o pódio com 01:18:08.

Muitos parabéns a todos os participantes!

Fonte: FTP

“Rudy Barbier vence primeira etapa da Volta a San Juan em bicicleta”

César Martingil (Atum General-Tavira) foi 20.º classificado.

O francês Rudy Barbier (Israel Start-Up Nation) venceu hoje a etapa inaugural da 38.ª edição da Volta a San Juan em bicicleta, na qual o português César Martingil (Atum General-Tavira) foi 20.º classificado.

Barbier, de 27 anos, cumpriu os 163,5 quilómetros em 3:45.04 horas, dando a primeira vitória à sua equipa no escalão WorldTour ao bater, numa chegada seletiva, o italiano Manuel Belletti (Androni Giocattoli-Sidermec), segundo a quatro segundos, e o argentino Tomas Conte (Pocito), terceiro a seis.

O resto do pelotão chegou a 10 segundos do vencedor, com Martingil a ‘sprintar’ para o 20.º lugar, enquanto Nelson Oliveira (Movistar) foi 52.º, com o mesmo tempo, a par do espanhol Álvaro Trueba, também da formação de Tavira, que foi 54.º.

A chegada ficou marcada por uma queda a 3,4 quilómetros da meta, que afetou grande parte do pelotão, após uma série de toques entre os corredores que tentavam o posicionamento à cabeça da corrida.

Na equipa algarvia, única portuguesa em prova, o espanhol Alejandro Marque foi 107.º, a 3.23 minutos, o russo Alexander Grigoryev 115.º, a 4.46, Frederico Figueiredo 123.º, a 5.32, e Rúben Simão, de 19 anos, acabou em 167.º e último, a 20.14.

A segunda etapa decorre em Pocito ao longo de 168,7 quilómetros, com um perfil plano que antevê uma chegada ao ‘sprint’.

Fonte: Sapo on-line

“Equipa Portugal/Sexto lugar de Iuri Leitão e João Matias aproxima Portugal de Tóquio”

Por: José Carlos Gomes

Iuri Leitão e João Matias alcançaram, nesta noite, a sexta posição na prova de Madison da Taça do Mundo de Pista, em Milton, Canadá. Este resultado reforça a candidatura portuguesa aos Jogos Olímpicos de Tóquio, mantendo tudo em aberto até ao Campeonato do Mundo, a disputar na última semana de fevereiro, na Alemanha.

A dupla formada por dois corredores minhotos conseguiu o melhor resultado português na presente temporada da Taça do Mundo. Numa prova de grande intensidade, na qual pontuaram 12 das 15 seleções presentes, Iuri Leitão e João Matias somaram 15 pontos, concluindo a corrida à frente dos adversários diretos na luta pela qualificação olímpica. O desempenho de hoje mantém Portugal diante da Rússia na tabela de apuramento e permitiu ultrapassar a Irlanda.

A Holanda venceu folgadamente a corrida deste domingo, graças aos 76 pontos somados por Jan-Willem van Schip e Yoeri Havik. Os britânicos Ethan Hayter e Oliver Wood ficaram com a medalha de prata, depois de amealharem 50 pontos, mais doze do que os 38 que permitiram aos franceses Benjamin Thomas e Donovan Vincent Grondin fecharem o pódio.

O omnium feminino é a disciplina em que Portugal está mais perto do Tóquio e, nesta noite, Maria Martins mostrou o motivo. A ribatejana fez um concurso de grande qualidade, começando com o oitavo lugar em scratch, seguindo com a nona posição na corrida tempo e a quinta na eliminação. A representante portuguesa chegou à definidora corrida por pontos no quinto posto da geral de omnium.

No final, Maria Martins terminou na sexta posição, perdendo um lugar no derradeiro sprint da corrida. A ciclista da Equipa Portugal fechou a prova com 88 pontos. A vitória sorriu à estadunidense Jennifer Valente, com 134 pontos. A italiana Letizia Paternoster, com 114, e a irlandesa Emily Kay, com 102, completaram o pódio.

Ivo Oliveira foi o primeiro português a competir na ronda de Milton da Taça do Mundo, disputando o concurso olímpico de omnium, entre a noite de sábado e a madrugada de domingo. O gaiense foi o nono classificado, acrescentando 45 pontos ao pecúlio de Portugal, no ranking de qualificação olímpica.

O corredor da Equipa Portugal foi 12.º em scratch, sétimo na corrida tempo e nono na eliminação. Após a corrida por pontos, que fecha as contas do omnium, Ivo cotou-se como o nono melhor, com 75 pontos. O holandês Jan-Willem van Schip dominou, com 150 pontos, seguido pelo polaco Daniel Staniszewski, com 137, e pelo estadunidense Gavin Hoover, com 134.

Fonte: FPC

“Narciso foi o 3º melhor Português”

Texto: AfterTwo //works

Fotos: João Calado | FPCiclismo

Diogo Narciso foi o 3º melhor entre os atletas portugueses que este sábado disputaram no Velódromo Nacional em Sangalhos, o "Troféu Internacional Sunlive" em ciclismo de pista.

Numa competição que contou com a presença de atletas de 7 nacionalidades distintas, o ciclista da Sicasal-Torres Vedras concluiu o concurso olímpico de "omnium" na 5ª posição com um total de 108 pontos, mais 19 do que o seu colega de equipa Daniel Dias que terminou em 6º e menos 81 que o vencedor da prova, o francês Joffrey Degueurce.

O evento foi o terceiro e último a contar para a Taça de Portugal da modalidade, competição onde Diogo Narciso alcançou a 10ª posição do ranking final, enquanto Daniel Dias garantiu o 13º posto.

A competição na pista segue já no próximo fim-de-semana com a disputa do Campeonato Nacional, onde a equipa de Torres Vedras prevê apresentar-se com um maior número de representantes.

Fonte: Academia Joaquim Agostinho

 

domingo, 26 de janeiro de 2020

“Richie Porte conquista pela segunda vez o Tour Down Under”

João Almeida, que fez a estreia pela Deceuninck-QuickStep, terminou prova na 62.ª posição

Por: Lusa

Foto: EPA

O ciclista australiano Richie Porte (Trek-Segafredo) venceu este domingo pela segunda vez o Tour Down Under, na Austrália, ao ser segundo na sexta e última etapa, ganha pelo britânico Matthew Holmes (Lotto-Soudal).

No final dos 151,5 quilómetros, entre McLaren Vale e Willunga, Holmes foi o mais forte na chegada à meta, coincidente com uma contagem de montanha de primeira categoria, completando a tirada em 3:24.54 horas.

Richie Porte, que já tinha vencido a prova em 2017, gastou mais três segundos do que Holmes, com o italiano Manuele Boaro (Astana) a ser terceiro, a quatro segundos.

Na geral, Porte venceu com 25 segundos de avanço sobre o italiano Diego Ulissi (UAE-Emirates) e sobre o alemão Simon Geschke (CCC), segundo e terceiro respetivamente, enquanto o sul-africano Daryl Impey (Mitchelton-Scott), anterior líder e vencedor das duas últimas edições, caiu para sexto, a 30.

O português João Almeida, que fez a estreia pela Deceuninck-QuickStep, foi 40.º na etapa, a 1.04 minutos de Holmes, concluindo o Tour Down Under na 62.ª posição, a 10.46 de Porte.

Fonte: Record on-lime

“Ivo Oliveira foi nono em 'omnium' da Taça do Mundo de ciclismo de pista”

Portugal continua na luta pelo apuramento olímpico

Por: Lusa

Foto: Getty Images

O português Ivo Oliveira foi no sábado nono classificado na prova de 'omnium' da Taça do Mundo de ciclismo de pista de Milton, no Canadá, mantendo Portugal na luta pelo apuramento olímpico.

Ivo Oliveira foi 12.º em 'scratch', sétimo na corrida tempo, nono na eliminação e 12.º na corrida por pontos, terminando o 'omnium' com 75 pontos.

O holandês Jan-Willem van Schip venceu, com 150 pontos, seguido do polaco Daniel Staniszewski, com 137, e do norte-americano Gavin Hoover, com 134.

Esta foi a terceira melhor prestação portuguesa em 'omnium' esta temporada, o que significa que Portugal passou a ter mais 45 pontos no 'ranking' de qualificação olímpica, para o qual contam apenas os três melhores resultados da temporada.

Neste momento, Portugal ocupa o último lugar de apuramento direto, mas poderá perdê-lo para a África do Sul, por o continente africano não ter um representante entre os possíveis apurados. As contas do apuramento fecham no Mundial de fevereiro.

Hoje entra em ação Maria Martins em 'omnium', com Iuri Leitão e João Matias a fazerem dupla em 'madison'.

Fonte: Record on-line