sábado, 12 de agosto de 2017

“Volta a Portugal/Vídeo da 8ª etapa”

Como tem acontecido diariamente, aqui fica o vídeo do trajeto da 8ª etapa em linha, com ligação de Gondomar a Oliveira de Azeméis, numa extensão de 159,8 quilómetros.

Fonte: Podium

“Volta a Portugal/79ª Volta a Portugal em Bicicleta/A Volta dia a dia pelo diretor Joaquim Gomes/8ª Etapa”

8ª Etapa – Gondomar» Oliveira de Azeméis – 159,8 KM - 13 agosto, Domingo

Gondomar CED 2017 apadrinha capítulo final da “Volta

Faltam três dias. Três dias distintos com o pontapé de saída a ser dado em Gondomar, Cidade Europeia do Desporto 2017. A ligação a Oliveira de Azeméis, apesar de curta, com apenas 160 km, não configura dia tranquilo apesar das fabulosas paisagens proporcionadas pelo rio Douro e Paiva convidarem ao relaxamento. Polvilhada de contagens de Montanha, a que juntamos a ingreme reta da meta, na Avenida D. Maria I,
em Oliveira de Azeméis, rapidamente nos apercebemos do cuidado e atenção que requer esta etapa. A única certeza neste dia é que Oliveira de Azeméis nos vai brindar, como habitualmente, com uma das maiores enchentes da “Volta”.

Fonte: Podium

“Volta a Portugal/“Cuco” voou mais alto no Monte Córdova”

Temos batido sempre na trave mas desta vez acertámos!

A 25 metros da vitória, António Barbio (Efapel) saudou a multidão que se juntou no Monte Córdova, em Santo Tirso, ajeitou a camisola, agradeceu aos céus com um beijo e abriu os braços para cruzar o risco de meta. Logo depois explodiu em lágrimas mal acreditando que tinha alcançado o primeiro triunfo na Volta a Portugal em Bicicleta. “Ainda não estou em mim”, confidenciou Barbio, corredor natural de Sobral de Monte Agraço, de 23 anos, que nos últimos 15 quilómetros da etapa já estavaisolado. “Nunca esperei ganhar numa chegada em alto, nem em fuga. Quando o carro da equipa chegou perto de mim percebi que tinha alguma vantagem e que seria possível”, acrescentou o jovem corredor da Efapel agradecendo a vitória ao coletivo de Américo Silva. “A equipa tem tentado várias vezes, mas temos batido sempre na trave. E desta vez acertámos! Todos me têm dado muito na cabeça, ainda sou muito novo e tenho tanto a aprender. Por isso esta vitória é para a equipa”, disse muito feliz o “Cuco”, como é conhecido no pelotão, alcunha que vem dos tempos de bebé quando o pai carinhosamente lhe chamava “Cuco Patata”, o manhoso. Com o passar dos anos ficou só Cuco, pássaro que tem tatuado nas costas a andar de bicicleta.

Regressando à competição… Um minuto e sete segundos depois da chegada do vencedor da sétima etapa que, ligou Lousada a Santo Tirso na distância de 161,9 quilómetros, chegou um “quarteto fantástico” composto por Gustavo Veloso (W52-FC Porto), Vicente Garcia de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé), Rinaldo Nocentini (Sporting-Tavira) e o líder Raúl Alarcón da equipa azul e branca que manteve a Camisola Amarela com os mesmos 24 segundos de diferença para o mais direto perseguidor, o italiano Rinaldo Nocentini. A alteração aconteceu no terceiro lugar. Garcia de Mateos com a bonificação atribuída ao terceiro lugar na etapa arredou Amaro Antunes e chegou ao pódio da Volta Santander Totta.

Triologia santificada

Depois da subida aos santuários da Senhora da Graça, em Mondim de Basto, e de Santa Luzia, em Viana do Castelo, a triologia de lugares “santos” ficou completa este sábado com a chegada em alto, 2ª categoria, muito próximo da monumental basílica em honra de Nª. Sraª da Assunção.

De Lousada partiram 122 corredores para esta etapa que viu formada a fuga do dia logo ao quilómetro sete. António Barbio estava entre os 14 elementos que rolaram muitos quilómetros isolados até ao momento em que o jovem decidiu tentar a sorte que lhe valeu, além do triunfo do dia, o Prémio da Combatividade Conselheiros da Visão.

8ª Etapa – 13 agosto 2017 // Gondomar – Oliveira de Azeméis (159,8 km)

Hora de Partida – 13h10

Na oitava e antepenúltima etapa, Gondomar, Cidade Europeia do Desporto 2017, será local de partida de um domingo polvilhado de Prémios de Montanha a que se junta a ingreme reta da meta, na Avenida D. Maria I, em Oliveira de Azeméis, que vai assistir ao final dos quase 160 quilómetros de competição.

Fonte: Podium

“Volta a Portugal/EFAPEL vence etapa na Volta a Portugal”

António Pereira Barbio triunfou isolado em Santo Tirso

161,9 quilómetros. A distância que separou Lousada, onde se deu a partida, e o Santuário de Nossa Senhora da Assunção, em Santo Tirso, foi percorrida por António Pereira Barbio em 4h06m01s. Mais ninguém conseguiu ser tão rápido. O ciclista da EFAPEL conseguiu, assim, algo a que a equipa já procurava desde o início da competição. A formação obteve, ainda, a vitória colectiva.

A vitória aconteceu depois de a formação liderada por Américo Silva ter estado em praticamente todos os momentos de corrida. Hoje não foi excepção. A equipa de Ovar colocou dois ciclistas na fuga de onde sairia o vencedor. Barbio e Jesus Del Pino foram os escolhidos para cumprirem essa tarefa e fizeram-no da melhor maneira, ou não fosse o resultado um triunfo incontestável.

“Queríamos vencer uma etapa na Volta a Portugal. Já o procurámos por diversas ocasiões, mas triunfar nesta corrida não é fácil. Hoje conseguimos atingir esse objectivo”, explicou o director desportivo, Américo Silva, no dia em que a equipa confirmou que vai continuar na estrada nos próximos três anos.

Para António Pereira Barbio, “esta foi uma vitória muito especial”, afirmou. “Gostava de dedicar este triunfo a todos os que estão comigo e que, principalmente, me dão na cabeça quando vêem que erro. É para todos eles”, confessou o corredor da EFAPEL.

Na classificação geral individual, a EFAPEL continua com dois ciclistas no top-ten. Depois de mais este final de etapa selectivo, Henrique Casimiro, oitavo, e Sérgio Paulinho, nono, estão entre os dez mais fortes da 79ª edição da Volta a Portugal, ambos a dois minutos do camisola amarela.

 

Classificação na sétima etapa

    António Pereira Barbio    EFAPEL                4h06m01s

    Gustavo Veloso        W52/FC Porto                a 1m07s

    Vicente Garcia de Mateos    Louletano/Hospital de Loulé        mt


12º    Sérgio Paulinho        EFAPEL                a 1m19s

15º    Henrique Casimiro        EFAPEL                a 1m27s

19º    Jesus del Pino        EFAPEL                a 1m32s

22º    Daniel Mestre            EFAPEL                a 1m51s

25º    Bruno Silva            EFAPEL                a 2m09s

30º    Álvaro Trueba        EFAPEL                a 3m00s

78º    Rafael Silva            EFAPEL                a 9m28s

 

Classificação geral individual

    Raul Alarcon            W52/FC Porto                32h16m30s

    Rinaldo Nocentini        Sporting/Tavira            a 24s

    Vicente De Mateos        Louletano/Hospital de Loulé        a 30s


    Henrique Casimiro        EFAPEL                a 2m00s

    Sérgio Paulinho        EFAPEL                mt

11º    Daniel Mestre            EFAPEL                a 3m32s

18º    Bruno Silva            EFAPEL                a 8m45s

22º    Jesus del Pino        EFAPEL                a 11m34s

36º    Álvaro Trueba        EFAPEL                a 33m36s

82º    Rafael Silva            EFAPEL                a 1h19m08s

88º    António Pereira Barbio    EFAPEL                a 1h25m08s

Fonte: Efapel

“Atualização do Canal NP-TV com o “Vídeo 24º Passeio de Arraiolo.2017”

A Revista Notícias do Pedal acaba de atualizar o seu canal de televisão “Notícias do Pedal-TV” no YouTube e no MEO/KANAL com o “Vídeo 24º Passeio de Arraiolo.2017”


Para ver o vídeo no MEO/KANAL, quem possuir MEO, pode aceder carregando na tecla verde do comando, inserir o código 531450, e ver no MEO/KANAL este e outros filmes, podendo consultar toda a programação. Podem ver ainda através do seguinte link: https://kanal.pt/lista-canais/comunicao-social/lisboa/vila-franca-de-xira/?display=grid&order=updated 

Desejamos que passem e recordem bons momentos.