quarta-feira, 22 de março de 2017

“Atualização do Canal NP-TV com o “Vídeo Promocional 12º Passeio de BTT Solidário ISCPSI.2017”

A Revista Notícias do Pedal acaba de atualizar o seu canal de televisão “Notícias do Pedal-TV” no YouTube e no MEO/KANAL com o “Vídeo Promocional 12º Passeio de BTT Solidário ISCPSI.2017”


Para ver o vídeo no MEO/KANAL, quem possuir MEO, pode aceder carregando na tecla verde do comando, inserir o código 531450, e ver no MEO/KANAL este e outros filmes, podendo consultar toda a programação. Podem ver ainda através do seguinte link: https://kanal.pt/lista-canais/comunicao-social/lisboa/vila-franca-de-xira/?display=grid&order=updated 

Desejamos que passem e recordem bons momentos.

“Marco Fidalgo da Berg Cycles | Sram Factory Team marcou presença na 1ª Prova do Campeonato de Enduro BTT Espanhol”

No passado fim-de-semana de 17, 18 e 19 de Março o atleta profissional de BTT, Marco Fidalgo da Berg Cycles | Sram Factory Team marcou presença na 1ª Prova do Campeonato de Enduro BTT Espanhol - Endurama que teve lugar em Montanchez, Espanha. Com cerca de 200 atletas presentes Marco Fidalgo desfrutou desta região durante 3 dias tendo participado activamente nas saídas de grupo que serviram oficialmente para a apresentação do novo Centro BTT de Montanchez para com a Imprensa Nacional e Internacional.

Já em termos de performance e no dia da competição, o atleta da Sram entrou muito bem ganhando inclusive a 1º Especial Cronometrada contudo e infelizmente na 2ª Especial Cronometrada Marco Fidalgo teve problemas técnicos partindo por consequente o drop out da sua bicicleta pelo que após a sua desistência afirmou, “ Foram fantásticos os últimos dias nesta região onde em jeito de Workshops fiz um trabalho muito bom e super comunicativo com os mais de 180 atletas presentes pelo que me diverti imenso. Em relação à competição, já se sabe que nunca nada está garantido porém fico feliz por ter vencido a 1ª Especial Cronometrada e ao mesmo tempo continuar a mostrar que estou bem fisicamente. Obrigado a todos os presentes pelo carinho e amizade. ”  Marco Fidalgo


A equipa Berg Cycles | Sram Factory Team encontra-se já a trabalhar com foco na próxima competição sendo esta formação apoiada ativamente por a Berg Cycles ; Sram ; Rock Shox ; Futurete ; Truvativ ;  Zipp ; Schwalbe Tires ; TSG ; HT Components ; Tune ; Dpx Racing ; One Up Components e TomTom.

Fonte: Berg

“Dwars Door Vlaanderen: Yves Lampaert surpreende Belga cortou a meta à frente do favorito Philippe Gilbert"

Por: Lusa

Foto: EPA

O ciclista belga Yves Lampaert (Quick-Step Floors) contrariou esta quarta-feira o favoritismo do compatriota e colega Philippe Gilbert, impondo-se em solitário na semiclássica Dwars Door Vlaanderen.
Yves Lampaert, que integrou um grupo de quatro fugitivos que se distanciaram do pelotão, por iniciativa de Philippe Gilbert, a 80 quilómetros da meta, atacou a sete quilómetros de Waregem, cortando a linha em solitário, com o tempo de 04:47.26 horas.

O belga, de 25 anos, que foi sétimo no Paris-Roubaix em 2015, conseguiu esta quarta-feira a melhor vitória da sua carreira, no final dos 203,4 quilómetros que ligaram Roeselare a Waregem, através da Flandres.
"Ganho na minha cidade, diante do estádio [de futebol] do meu clube [o Zulte-Waregem]. A minha felicidade é total", disse o ciclista da Quick-Step Floors.
'Classicómano' de excelência, Gilbert teve de contentar-se com o segundo lugar, a 39 segundos do seu companheiro de equipa, com o cazaque Alexey Lutsenko (Astana) a ser terceiro, com o mesmo tempo.
Nuno Bico (Movistar), único português em prova, foi 108.º, a 04.32 minutos do vencedor.

Fonte: Record on-line

“A vingança de Valverde na Catalunha”

Espanhol vence terceira etapa que terminou em montanha

Por: Ana Paula Marques

Foto: EPA

Alejandro Valverde, da Movistar, venceu esta quarta-feira a terceira etapa da Volta à Catalunha, que terminou em montanha, como que justificando que a penalização, de um minuto, imposta a todos os ciclista da equipa por irregularidades no contrarrelógio coletivo, terá sido injusta. O espanhol cortou a meta à frente do irlandês Daniel Martin, da Quick Step, com Alberto Contador, da Trek, a ceder três segundos, e Chris Froome, da Sky, um pouco mais, oito segundos.
A liderança na Catalunha pertence ao norte-americano Tejay Van Garderen, da BMC, equipa que protestou junto dos comissários sobre as irregularidades cometidas pela Movistar na etapa da véspera, onde, recorde-se, Joaquin Rojas terá ajudado (empurrado) alguns dos colegas, entre eles o português Nelson Oliveira.

Ricardo Vilela, da Monzana, foi o melhor português na etapa, em 31º (a 1.27 minutos),sguindo-se José  Mendes (Bora), em 95º (a 21.56 m), Nelson Oliveira (Movistar), em 121º (a 23.12 m) e José Gonçalves (Katusha), em 182º (a 24.44 m). Já Tiago Machado (Katusha), doente, abandonou. Vilela é também o melhor na geral, em 41º (a 5.46 m).

Fonte: Record on-line

“UCI castiga todos os ciclistas da Movistar com um minuto na Volta à Catalunha”

Na sequência de um protesto da BMC

Por: Lusa

Foto: EPA

Os juízes de União Ciclista Internacional (UCI) sancionaram com um minuto todos os ciclistas da equipa espanhola Movistar, depois de na terça-feira terem castigado apenas três, na sequência de ajudas no contrarrelógio por equipas da Volta à Catalunha.
Na sequência de um protesto da BMC, a UCI mudou a sanção, o que implica a vitória da equipa suíça no contrarrelógio e a queda da formação espanhola para o terceiro posto, bem com a subida do belga Bem Hermans (BMC) à liderança da geral individual, por troca com Alejandro Valverde (Movistar).
A Movistar tinha conquistado o contrarrelógio por equipas, com o tempo de 48.55 minutos e colocado o espanhol José Joaquín Rojas na liderança da prova.
Depois da conclusão da etapa, a UCI analisou, porém, as imagens de vídeo da prova, concluindo que Rojas ajudou com impulsos os seus companheiros de equipa Andrey Amador, em duas ocasiões, e o português Nelson Oliveira, uma vez.
Assim, Rojas foi penalizado com três minutos, Amador com dois e Oliveira com um, o que colocou Valverde na liderança da prova.
Na noite de terça-feira, a BMC protestou da decisão e, esta quarta-feira, a UCI decidiu penalizar todos os elementos da equipa com um minuto, o que só não altera o tempo de Nelson Oliveira.
Com esta decisão, a geral é comandada por Hermans, enquanto Valverde segue a 58 segundos da liderança e a 14 do britânico Chris Froome (Sky), cuja equipa ascendeu ao segundo lugar do contrarrelógio por equipas.
Esta quarta-feira, cumpriu-se a terceira etapa da Volta à Catalunha, uma ligação de 188,3 quilómetros entre Mataró e La Molina.

Fonte: Record on-line