segunda-feira, 29 de agosto de 2016

“2º Duatlo Cross da Murtosa”

Realizou-se no passado dia 06/08, o 2º Duatlo Cross da Murtosa, onde participamos com 3 elementos da equipa Intercaimabike/Polisport/Lojas da Visão, Filipe Tavares a nível individual e Nuno Almeida/José Tavares em estafeta.

Debaixo de um sol escaldante e um forte vento de norte, arrancamos da margem da Ria de Aveiro, perto da Murtosa, num circuito com extensão total de 5kms de atletismo (2 voltas) + 20kms de BTT (2 voltas) e 2,5kms de atletismo (1 volta). Este traçado serpenteava os campos agrícolas, percurso da bioria, algumas povoações da Murtosa e margens dos canais da ria de Aveiro.

Finda a competição realizaram-se os pódios, onde obtivemos os seguintes lugares na classificação do Duatlo;
-Filipe Tavares - 2º lugar individual da geral absoluto
-Nuno Almeida/José Tavares - 2º lugar estafetas da geral absoluto

Também participou um nosso conterrâneo, Rui Almeida do grupo Offroad. 

Agradecimento aos nossos patrocinadores;


- Lojas da Visão

- Polisport

- Tavares Auto

- Crédito Agrícola Vale de Cambra

- Leirinox

- Polivale

- Municipio de Vale de Cambra

- PartilhAdrenalina

- Luz do Horizonte

- Fullbike

- Associação Inter Caima Pinheiro Manso

Por: Intercaimabike

“ASFIC vence com dobradinha e dá espetáculo perante o povo de Riomaiorense”

Realizou-se no dia 28 de agosto, o 48.º Circuito Ciclista de Rio Maior, prova federada, que teve a meta instalada na Av. Dr. João Calado da Maia, junto ao Jardim Municipal, e cujo circuito se desenrolou pela Av. Paulo VI, Rua Mariano de Carvalho, Av. Dr. Mário Soares, Rotunda do Bombeiro e a entrada novamente na Av. Dr. João Calado da Maia.

O circuito, que teve uma extensão de 75 quilómetros, divididos em 25 voltas de 3 km, contou com a participação de cerca de 60 ciclistas de diversas equipas e escalões.

A jogar-mos em casa, a ASFIC – Grupo Parapedra / Dinazoo / Riomagic tudo fez para tentar vencer a corrida, impondo logo de início um ritmo bastante elevado. À passagem da 6.ª volta o ciclista da ASFIC Jorge Letras encetou sozinho uma fuga que durou até a 15ª volta, sendo depois alcançado pelo pelotão.

À passagem da 16.ª volta, a ASFIC voltou a atacar, desta vez pelos ciclistas Hélder Pereira e João Portela, que com um ritmo forte foram ganhando tempo ao pelotão, chegando a ter mais de 1 minuto de avanço para o pelotão, e que não viria a conseguir até ao fim alcançar os dois ciclistas da ASFIC.

Além de vencerem a prova, a equipa deu espetáculo, assumindo a corrida e atacando.

Os dois ciclistas da ASFIC mostraram a Rio Maior o espirito que esta equipa tem e a União que a equipa vive entre si, terminando a prova e cortando a meta de mãos dadas, com mais de um minuto de avanço.

 O 3.º lugar foi discutido ao sprint com Luís Machado do Boavista / Rádio Popular a bater a concorrência.

Esta foi mais uma grande vitória, em casa e perante o povo Riomaiorense, a ASFIC provou e mostrou a Rio Maior o porquê da excelente época que está a conseguir fazer e além da obtenção dos dois primeiros lugares da geral, foi a melhor equipa e ganhou a prova por equipas.

E porque para um atleta para estar ao melhor nível, precisa de grande dedicação e muitas horas de treino, sendo as suas companheiras as principais prejudicadas, passando essas horas sem a sua companhia, a ASFIC antes da entrega de prémios, pediu ás esposas dos atletas a sua presença no pódio e em acto simbólico e de agradecimento foi oferecido uma flor.

Nada se faz sem apoio, sem recursos e sem crédito. Desses três elementos, o mais difícil de conquistar é o crédito. Não um crédito bancário, mas um crédito que vem da confiança depositada numa equipa, num projeto.

Pelo crédito e pela confiança demonstrada no nosso trabalho, e por compartilharem connosco este sonho, que agradecemos a todos os nossos patrocinadores, pois sabemos que se não fosse a confiança deles na equipa, os nossos objetivos seriam impossíveis de serem alcançados.

Esta vitória é de todos os nossos patrocinadores, mais uma vez o nosso muito obrigado!

Fonte: ASFIC - GRUPO PARAPEDRA /DINAZOO / RIOMAGIC

“Agenda de Ciclismo”

Futuros campeões correm em Ermesinde e em Gondomar

A Volta dos Campeões disputa-se, na sexta-feira e no sábado, na cidade de Ermesinde, concelho de Valongo. É uma prova de duas etapas, aberta a corredores e equipas de sub-23 e juniores. No domingo disputa-se o Grande Prémio Centro Ciclista de Gondomar.

A competição arranca às 20h30 de sexta-feira com um curto mas técnico contrarrelógio por equipas de 5,7 quilómetros. A partida e a chegada estão marcadas para a Junta de Freguesia de Ermesinde.

A segunda e última etapa está marcada para sábado, arrancando às 14h30, também na Junta de Freguesia de Ermesinde, local onde terminará, cerca das 17h30, depois de percorridos 125 quilómetros.

O mesmo pelotão encontra-se novamente no domingo para correr a 48.ª edição do Grande Prémio Centro Ciclista de Gondomar. Às 9h30 inicia-se a primeira etapa, um contrarrelógio individual de 5,5 quilómetros. Às 15h00 arranca a segunda etapa, a disputar em circuito, que totalizará 82 quilómetros.

Mais eventos oficiais

1 a 4 de setembro: Douro Bike Race

2 a 4 de setembro: EPIC Portalegre 2016

3 de setembro, 8h30: Ao Encontro da Porta Santa, Macedo de Cavaleiros - Bragança

3 de setembro, 9h00: 1.º XCO Escolas de BTT Penafiel Bike Clube, Marecos, Penafiel

3 de setembro, 9h30: Circuito das Vindimas, Alfeizerão, Alcobaça

3 de setembro, 14h30: 7.ª Prova do Troféu Revelações, Monte Redondo, Leiria

3 de setembro, 15h00: Crono-escalada de Armil, Fafe

4 de setembro, 9h00: IX Maratona do Dão – Nelas, Nelas

4 de setembro, 9h00: Resistência BTT de Terrugem, Sintra

4 de setembro, 9h30: XCM Freguesia de Cernache, Coimbra

4 de setembro, 10h00: 9.ª Maratona BTT da Sopa da Pedra, Almeirim

4 de setembro, 14h00: Circuito de N.ª Sr.ª da Saúde, Valpaços

4 de setembro, 14h00: 4.º XCO GaloCross, Vila Frescainha S. Pedro, Barcelos

4 de setembro, 15h00: 35.º GP do Avelal, Sátão

4 de setembro, 16h00: Circuito de N.ª Sr.ª da Guia, Avelar, Ansião

Fonte: FPC

“Ranking Ciclista do Ano”

Rafael Reis e Joni Brandão no topo do ranking

Rafael Reis (W52-FC Porto) chega ao final do mês de agosto no comando do Ranking Ciclista do Ano, embora em igualdade pontual com Joni Brandão (Efapel).

O corredor natural de Palmela está no topo do ranking pelo quinto mês consecutivo, mas o papel de gregário na Volta a Portugal fê-lo perder a margem de avanço que tinha sobre a concorrência. Apesar de ser, de longe, o mais vitorioso do ano, com oito triunfos, Rafael Reis partilha o comando com Joni Brandão.

Os dois homens da frente do ranking somam 732 pontos, dando-se o desempate, a favor de Reis, em virtude do número de vitórias. O terceiro classificado passou a ser o galego Gustavo César Veloso (W52-FC Porto). Apesar de uma época discreta, que o colocava na 22.ª posição do ranking, com apenas 135 pontos, há um mês, o galego valeu-se do peso da Volta a Portugal para as contas do Ranking para subir ao terceiro lugar, apenas a 6 pontos do comando.

A decisão ficará guardada para as duas últimas provas da época, o Campeonato Nacional de Rampa, que se realiza no dia 1 de outubro, e o Festival de Pista de Tavira, no dia 5 de outubro.

A W52-FC Porto reforçou o primeiro lugar por equipas, com 2849 pontos. A Efapel é a segunda formação mais pontuada, com 1849. O Louletano-Hospital de Loulé ascendeu ao pódio, com 1122 pontos.

Ranking Ciclista do Ano

1.º Rafael Reis (W52-FC Porto), 732 pontos

2.º Joni Brandão (Efapel), 732

3.º Gustavo César Veloso (W52-FC Porto), 726

4.º Raul Alarcón (W52-FC Porto), 666

5.º Vicente García de Mateos (Louletano-Hospital de Loulé), 640

6.º Amaro Antunes (LA Alumínios-Antarte), 461

7.º Daniel Mestre (Efapel), 456

8.º Daniel Silva (Rádio Popular-Boavista), 422

9.º Rui Vinhas (W52-FC Porto), 409

10.º Rinaldo Nocentini (Sporting-Tavira), 389

 

Equipa do Ano

1.ª W52-FC Porto, 2849 pontos

2.ª Efapel, 1849

3.ª Louletano-Hospital de Loulé, 1122

4.ª Rádio Popular-Boavista, 1070

5.ª LA Alumínios-Antarte, 1030

Fonte: FPC

“Vuelta/Quintana vence etapa e vai para o descanso na liderança”

Colombiano volta a conquistar a camisola vermelha

Por: Marta Correia Azevedo

Foto: EPA

O colombiano Nairo Quintana venceu esta segunda-feira a 10.ª etapa da Volta a Espanha, com o tempo de 4:50,31 horas. O ciclista da Movistar volta assim à liderança da prova, que amanhã cumpre um dia de descanso.

O holandês Robert Gesink concluiu o percurso de 188,7 quilómetros, entre Lugones e Lagos de Covadonga, a 24 segundos do vencedor da etapa, enquanto o britânico Chris Froome terminou na terceira posição, a 25.
Fonte: Record on-line