sábado, 4 de março de 2017

“EFAPEL de olhos nas clássicas da Primavera”

Equipa corre na Clássica da Arrábida já amanhã

Cumpridas as duas primeiras e exigentes provas por etapas - Volta ao Algarve e Volta ao Alentejo, a equipa de ciclismo EFAPEL entra na fase das competições de um dia, as clássicas que antecipam o início da Primavera. A primeira é já amanhã. É a primeira vez que o pelotão internacional ruma à Serra da Arrábida para um desafio no qual a formação liderada por Américo Silva vai procurar protagonismo e discutir o triunfo.

A tarefa não será nada fácil. O pelotão conta com equipas bastante competitivas com ambições elevadas e o percurso que começa em Setúbal, passa por Sesimbra e termina em Palmela, é exigente. São 186,6 quilómetros que apresentam uma primeira metade essencialmente plana. É nos últimos 80 km que as maiores dificuldades aparecem. São cinco contagens de montanha. Quatro de terceira categoria e a última, coincidente com a meta, de segunda categoria. Esta prima por serem 2,6 km de extensão com piso de terra - sterrato - e empedrado - pavé. Um desafio adicional que vai, certamente, promover o espectáculo e a incerteza quanto ao vencedor.

“Vamos ver o que podemos fazer, sempre com a nossa postura de procurar bons resultados. Com tanta montanha, vai chegar tudo muito fraccionado ao final. Esta é uma clássica com características diferentes das que costumamos fazer em Portugal. Além das várias subidas na parte final, a prova também acaba como uma montanha, o que não é habitual. Isso vai fazer toda a diferença”, explicou o director desportivo da EFAPEL, Américo Silva.

A partida da Clássica da Arrábida está marcada para as 11h15 em plena Avenida Luísa Todi, em Setúbal. Há uma meta volante em Pegões e outra na Quinta do Conde. Entretanto, começa o sobe e desce com as montanhas categorizadas. A chegada está prevista acontecer entre as 15h44 e as 15h56 no Miradouro de Palmela. 

Nome da prova

Clássica Serra da Arrábida

Data

5 de Março de 2017

Director desportivo

Américo Silva

Ciclistas

António Pereira Barbio (Contra-relogista/Rolador)

Álvaro Trueba (Contra-relogista/Trepador)

Bruno Silva (Trepador)

Daniel Mestre (Sprinter)

Henrique Casimiro (Trepador)

Jesus Del Pino (Trepador)

Rafael Silva (Rolador/Sprinter)

Sérgio Paulinho (Completo)

Fonte: Efapel

Sem comentários:

Publicar um comentário