sábado, 11 de agosto de 2018

“Volta a Portugal/João Benta: Antes da partida «Esta vai ser etapa rainha»”

Diz que a tirada da Serra da Estrela, sem a Torre, perdeu protagonismo

Por: Alexandre Reis

A Volta a Portugal perdeu este ano a subida à Torre, pelo que a 9ª tirada, que se disputou hoje, entre Felgueiras e Mondim de Basto (155,2 km), bem que se pode classificar como a etapa rainha, que contempla a difícil subida ao Monte Farinha, no Santuário da Senhora da Graça.

Esta é, pelo menos, a opinião de João Benta (RP-Boavista), um dos candidatos à discussão da geral: "Embora a subida às Penhas da Saúde tivesse sido difícil, não se chegou a ir à Torre, na Serra da Estrela, pelo que para mim esta é que será a etapa rainha. Vai ser muito sacrifício até à meta, com duas montanhas pelo meio, antes da Senhora da Graça. E quando a árvore for abanada, muita fruta vai cair. Espero ter a minha estrelinha."

Outro dos candidatos é Edgar Pinto (Vito-Feirense-Blackjack), vencedor desta mítica etapa, em 2014: "Venci num contexto diferente. Nesse ano faltava muita Volta e agora estou nas decisões. Espero que a etapa seja endurecida no meio e depois será o tudo ou nada na parte final."

Frederico Figueiredo (Sporting-Tavira) também está ciente de que a Senhora da Graça será decisiva: "Vamos jogar a cartada decisiva. Em princípio estarei para ajudar Joni Brandão, mas também poderei atacar cedo para desgastar Raúl Alarcón. Vamos ver."

Fonte: Record on-line

Sem comentários:

Enviar um comentário