segunda-feira, 4 de março de 2019

“Georg Preidler despedido da Groupama-FDJ após admitir ter-se dopado”

Ciclista austríaco confessou que retirou sangue duas vezes no final de 2018

Por: Lusa

Foto: Reuters

O ciclista austríaco Georg Preidler foi despedido com "efeito imediato" pela Groupama-FDJ, horas depois de ter confessado que recorreu duas vezes a doping, no âmbito do caso 'Seefeld', anunciou esta segunda-feira a equipa francesa.

Preidler, de 28 anos, declarou à polícia austríaca, responsável pela investigação do caso, que retirou sangue duas vezes no final de 2018, ano em que já representava a Groupama-FDJ.

Na semana passada, as autoridades austríacas detiveram nove pessoas em Seefeld, na Áustria, por suspeitas de participarem numa rede internacional de doping.

A operação, conduzida pelas autoridades austríacas e alemãs, originou 16 buscas domiciliárias, que resultaram na detenção de dois atletas austríacos, dois estónios e um cazaque, para além de outras pessoas que, alegadamente, faziam parte de uma organização sediada na cidade germânica de Erfurt.

"Este grupo criminoso é fortemente suspeito de ter dopado atletas de topo durante anos, para aumentar o seu desempenho em competições nacionais e internacionais, ganhando assim receitas ilegais", explicou a polícia austríaca.

Fonte: Record on-line

“Ciclista suíça obrigada a parar por se aproximar da prova dos homens”

Nicole Hanselmann relata situação no Instagram

Nicole Hanselmann estava a competir na Omloop Het Nieuwsblad, uma prova de ciclismo pela Bélgica que ocorreu este sábado, quando a organização a obrigou a parar por se estar a aproximar da competição masculina. Os ciclistas tinham saído 10 minutos antes da prova feminina arrancar.

A ciclista suíça partilhou o momento nas redes sociais e demonstrou a estranheza que o momento lhe causou: "Ataquei passados sete quilómetros [do início da prova] e estava sozinha aos 30. Mas depois um momento estranho aconteceu e quase vi o pelotão dos homens", começou por explicar Nicole no Instagram.

"Ou as outras mulheres e eu estávamos muito rápidas ou os homens muito lentos", brincou na mesma publicação.

Nicole, que terminou a etapa na 74ª. posição da geral, contou ao site CyclingNews que a organização lhe disse que "teve de neutralizar a corrida porque estava muito perto da prova masculina".

A prova feminina foi ganha pela holandesa Chantal Blaak. A italiana Marta Bastianelli ficou em segundo.

Fonte: Record on-line

“TRIATLO TORRES NOVAS/CAMPEÃO NACIONAL DE CLUBES DE DUATLO”

Por: Paulo Vieira

O TRIATLO DO CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS conquistou o título de CAMPEÃO NACIONAL DE CLUBES DE DUATLO 2019.

Após as 2 etapas disputadas em Rio Maior e Arronches, que constituíram o Campeonato Nacional de Clubes de Duatlo em 2019 (menos uma prova que na época anterior), o Clube de Natação de Torres Novas subiu ao mais elevado lugar no pódio, ao ocupar a 3ªposição em Rio Maior e a 1ª em Arronches, conquistou o título de Campeão Nacional.

Para o treinador PAULO ANTUNES, “é muito bom conquistar este título com a equipa mais nova do circuito nacional, e apesar de os duatlos não serem prioritários, com uma boa equipa os resultados surgem naturalmente, pelo que obviamente os objetivos passam por obter coletivamente a melhor classificação possível”.

No setor feminino, a equipa torrejana também alcançou um excelente 2ºlugar, graças ao 2ºlugar obtido em Rio Maior e também em Arronches, sagrando-se Vice-campeã Nacional de Clubes de Duatlo 2019.

Habitualmente os duatlos são as provas que se realizam no início de época do triatlo, e o duatlo sprint é constituído por 3 segmentos, sendo que o 1º e 3º segmento são a corrida de 5.000m e 2.500m respetivamente, com um 2º segmento de ciclismo de 20kms intercalando os 2 segmentos de corrida, competindo neste formato de prova, atletas com idades superiores aos 15 anos, ou seja a partir do escalão de Cadetes.

Para a pontuação da equipa, contam os 3 primeiros atletas do clube que terminam a prova, sendo que, em Rio Maior fecharam a equipa, Ricardo Batista (18 anos) em 5ºlugar, José Pedro Vieira (17 anos) em 7º e Gonçalo Balbino (16 anos) em 29º, e em Arronches, José Pedro Vieira em 5º, Gonçalo Balbino em 17º e Ricardo Batista (condicionado) em 18ºlugar.

Este título de CAMPEÃO NACIONAL DE CLUBES DE DUATLO 2019 é uma conquista inédita na história do Clube de Natação de Torres Novas e do triatlo torrejano.

A próxima prova realiza-se em Cuba (Baixo Alentejo), no dia 10 de Março, e será a 1ªetapa da Taça de Portugal de Triatlo, ou seja o primeiro triatlo da época 2019.

Fonte: TRIATLO DO CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS