terça-feira, 17 de dezembro de 2019

“Pedro Andrade vai correr pela Hagens Berman Axeon em 2020”

Ciclista português foi campeão de juniores em 2018, pela Vito-Feirense

Por: Lusa

Foto: Facebook / Pedro Andrade

O ciclista português Pedro Andrade vai correr pela Hagens Berman Axeon em 2020, anunciou esta terça-feira a formação norte-americana, que contratou o jovem de 19 anos, campeão nacional de juniores em 2018, à Vito-Feirense.

O corredor de Santa Maria da Feira, neto de Joaquim Andrade, vencedor da Volta a Portugal de 1969, e filho de outro antigo ciclista com o mesmo nome, campeão da Volta ao Algarve em 1991, vai juntar-se à formação norte-americana, que desde há cinco anos contrata portugueses.

"Juntar-me à Hagens Berman Axeon é um sonho tornado realidade. Estou muito motivado para começar a competir e ajudar a equipa", afirmou o jovem, citado em comunicado.

A equipa, considerada um 'viveiro' de novos talentos, destaca a "excelência" em subidas "curtas e longas" de Pedro Andrade e a capacidade que terá enquanto corredor versátil, bem como o foco em "melhorar as capacidades técnicas e de contrarrelógio ao longo de 2020".

João Almeida, campeão nacional de fundo e de 'crono' sub-23, representou esta equipa em 2018 e 2019 e conseguiu a transferência para o WorldTour, indo representar os belgas da Deceuninck-Quick Step.

Fonte: Record on-line

“Powerman Portugal chega em 2020!”

No dia 16 de fevereiro realiza-se em Mafra a primeira edição do Powerman Portugal, um evento para todos!

A maior marca de duatlo do mundo – CORRIDA, BICICLETA, CORRIDA – estará em Portugal em 2020. Estamos a falar do Powerman, um evento mundial vocacionado para uma participação individual ou para desfrutar na companhia de amigos, colegas ou família, já que inclui distâncias para todos os níveis.

A primeira edição do Powerman Portugal irá realizar-se na vila de Mafra no dia 16 de fevereiro de 2020. O evento assume um formato do Powerman Média Distância: Corrida 10km – Bicicleta 60km – Corrida 10km. Os atletas poderão contar com uma corrida plana a contrastar com um ciclismo duro com sobe e desce onde desfrutarão do ambiente revigorante da montanha, respirando o ar puro da natureza.

Para além da distância maior, é possível participar no Powerman sprint –5km Corrida – 30km Bicicleta – 5km Corrida- individualmente ou no formato de estafetas. Claro que este evento só ficava completo com a habitual prova do Powerkids, uma prova com distâncias mais curtas dirigidas a crianças e jovens.


O Powerkids é um evento muito popular direcionado aos jovens atletas

O Powerman Portugal inclui o Campeonato Nacional de Clubes de Duatlo e o Powerkids

Preço inscrição prova média distância – 40 Euros (valor para os atletas federados na FTP que prescindam do prize money e das slots para o Campeonato do Mundo)

Visite o site www.powermanportugal.pt

Powerman Portugal 2020

Preço inscrição média distância- 80 Euros

Preço inscrição distância sprint – 40 Euros

A Powerman tem um sistema de classificação de grupos de idade: nas provas da Powerman os atletas podem qualificar-se para o Duatlo de Média Distância do Campeonato Europeu da Alsdorf ETU Powerman 2020 que se realiza dia 19 de abril e para o Campeonato Mundial Viborg ITU Powerman 2020 que tem data marcada para 16 de maio.

A vila de Mafra acolhe a primeira edição do Powerman Portugal!

Mafra encontra-se a uma distância de 30 minutos de carro de Lisboa, e a cerca de 10km de excelentes praias. A vila é conhecida principalmente pelo seu sumptuoso Palácio Real, que integra o palácio-convento com seu frontispício axial que une as asas do Rei e da Rainha, o convento, o jardim do Cerco e um Parque de Caça (Tapada de Mafra). Representa uma das maiores e magnificas obras realizadas pelo rei D. João V e um dos símbolos mais importantes da arquitetura barroca em Portugal.

Este monumento único, classificado como Monumento Nacional em 1910, foi declarado Património Mundial da UNESCO, a 7 de julho de 2019.

A Partida, Meta e Área de Transição terão lugar na praça em frente ao Palácio Real de Mafra, local privilegiado e icónico da vila.

John Raadschelders, presidente da International Powerman Association (I.P.A.), partilha connosco a sua opinião sobre a prova: «Estou muito feliz por anunciar um novo destino da Powerman… Mafra. É sempre emocionante levar este evento a novos destinos que demonstrem interesse em acolher esta prova internacional; conhecer pessoas e regiões diferentes, absorver a cultura local e experimentar a sua hospitalidade.» O presidente afirma que se sente inspirado por Mafra desde o primeiro contacto. «A prova representa não só uma oportunidade para conhecer pessoas espetaculares apaixonadas por desporto, mas a motivação de levar a qualidade elevada do Powerman para um país, região, vila de Mafra, patrocinadores, Município e, acima de tudo, aos participantes.»

A Federação de Triatlo de Portugal é parceira na organização deste evento. Para o seu presidente, Vasco Rodrigues, é uma ideia que estava já há algum tempo para ser implementada, tendo em conta a tradição competitiva de duatletas nacionais e também pelo potencial internacional do evento. Para o presidente é um sonho tornado realidade. «Mafra foi considerada o local ideal para receber este evento já que a região dispõe de uma oferta turística variada (praias, campo e montanha), possuindo igualmente boas unidades hoteleiras e restaurantes. O interesse manifestado pelo município foi também decisivo na escolha de Mafra para a primeira edição da Powerman Portugal.»

 Agora é só reservar o fim de semana de 16 de fevereiro de 2020 para participar ou aplaudir o Powerman de Mafra!

Traga a família para desfrutar de um fim de semana completo de competição, desporto, cultura, campo e praia.

Estamos ansiosos por aplaudir os participantes na meta!


Sobre o Powerman TM e Circuito Mundial

O Powerman representa a marca principal de duatlos de longa distância. O Powerman reúne os maiores e mais conhecidos duatlos de longa distância do mundo com o nome de International Powerman Association (IPA). O IPA é parceiro da International Triathlon Union (ITU) no desenvolvimento e crescimento do duatlo do desporto em geral e do duatlo de longa distância em particular.

Fonte: FTP

“O Challenge Lisboa 2020 inclui o Challenge Lisboa Clubs Trophy!”

O Challenge Lisboa, marcado para dia 23 de maio de 2020, tem uma nova competição, o Challenge Lisboa Clubs Trophy!

Este novo troféu é disputado na Middle-Distance e todos os clubes com o mínimo de quatro atletas inscritos podem participar.

O tempo dos primeiros quatro atletas de cada clube são somados e a equipa com a soma do menor tempo será a vencedora.

Os clubes podem no entanto inscrever o número de atletas que entenderem e todos os atletas da equipa beneficiam de um desconto de 20%, desde que o clube e o atleta estejam inscrito com licença válida na Federação de Triatlo de Portugal  http://challenge-lisboa.com/races/clubs-trophy/

Os três primeiros clubes portugueses recebem troféu.

Fonte: FTP

“Sérgio Marques perde título de campeão do mundo de 'ironman'”

Atleta português foi desclassificado, informou esta segunda-feira a Federação Portuguesa de Triatlo

Por: Lusa

Foto: Direitos Reservados

O português Sérgio Marques perdeu o título de campeão do mundo de 'ironman' de 2019 para triatletas entre os 35 e os 39 anos, depois de ter sido desclassificado, informou esta segunda-feira a Federação Portuguesa de Triatlo (FPT).

Em 13 de outubro, em Kailua-Kona, no Havai, Sérgio Marques tinha sido o mais rápido entre todos os atletas inscritos em grupos de idade e o 30.º entre todos os atletas, mas agora acabou por ser desclassificado.

De acordo com a FPT, Sérgio Marques acabou por ser desclassificado devido a um erro administrativo, uma vez que foi inscrito como profissional no Ironman 70.3 Cascais, o que o impedia de atuar no Mundial por idades, destinado a amadores.

"Apesar de todo o esforço empreendido pelo atleta e pela Federação de Triatlo de Portugal para manter o título junto da World Triathlon Corporation, não foi possível reverter a situação", lê-se no comunicado do organismo, que lembra que "desde 2017 que o atleta Sérgio Marques prescindiu da licença profissional de Ironman".

Lembrando que Sérgio Marques "foi homenageado com o prémio de carreira, no 30.º aniversário da Federação de Triatlo de Portugal", o organismo diz que a sua nomeação para o prémio de personalidade do ano para a Gala da Confederação de Desporto de Portugal "não pode ser desacreditada por pormenores administrativos".

Fonte: Record on-line

“Porto e Matosinhos recebem final de etapa da Volta a Espanha de 2020”

A 3 de setembro, a Vuelta vai terminar na zona do Douro

Por: Lusa

As cidades do Porto e de Matosinhos vão receber o final de uma etapa da Volta a Espanha em bicicleta de 2020, anunciaram esta terça-feira os dois municípios em comunicado.

A 3 de setembro, a Vuelta vai terminar na zona do Douro, com a meta a ser denominada "Porto/Matosinhos" e com passagens pelas praias de Leça e pelo interior da cidade de Matosinhos, terminando na Avenida Montevideu, junto à praia do Homem do Leme, no Porto.

A etapa, que terá partida da Galiza, será a primeira de duas em território português, de uma edição de 2020 da Volta a Espanha que vai começar na Holanda.

Este será um regresso da Vuelta a território português, depois de ter começado em Lisboa em 1997, com uma ligação ao Autódromo do Estoril. Seguiu-se a ligação de Évora a Vilamoura, com a despedida de Portugal a acontecer na terceira etapa, que começou em Loulé e terminou em Huelva, já em Espanha.

O percurso da Vuelta de 2020, que se corre de 14 de agosto a 6 de setembro, será apresentado hoje, em Madrid.

Fonte: Record on-line

“Vuelta'2020 com selo português”

Próxima edição vai contar com duas etapas em solo nacional

Por: Ana Paula Marques

O jornal ‘Marca’ adiantou ontem a totalidade do percurso da Volta a Espanha de 2020, que será apresentado hoje. E confirma-se a incursão a Portugal, com uma chegada de etapa na região do Porto, cujo início será na Galiza, e uma partida de Viseu, rumo a Ciudad Rodrigo, podendo esta ligação passar pela Torre. Estas duas tiradas em solo português estão colocadas na última semana, sendo a 18ª (3 de setembro) e 19ª (4 de setembro), respetivamente, entre 21 etapas.

De acordo com a mesma fonte, a Volta a Espanha do próximo ano fará ainda mais uma incursão a outro país, com início em Utrecht, na Holanda.

Depois, será um traçado desenrolado sobretudo no norte do país vizinho, sendo "La Covatilla", na província de Salamanca, o mais a sul que a prova vai.

As dificuldades surgem com oito finais em alto, um deles no temível Angliru (15ª etapa).

Quanto a contrarrelógios, ainda de acordo a ‘Marca’, só haverá dois, sendo que o primeiro será por equipas no primeiro dia. O outro, individual, está colocado para dar o arranque à terceira e última semana.

A Vuelta de 2020 disputa-se um pouco mais cedo do que o habitual, entre 14 de agosto e 6 de setembro.

Fonte: Record on-line