domingo, 13 de outubro de 2019

“Bauke Mollema vence Volta à Lombardia”

Alejandro Valverde (2.º) e Egan Bernal (3.º) completaram o pódio

O holandês Bauke Mollema (Trek-Segafredo) venceu este sábado a 113ª edição da Volta à Lombardia, em Itália, no último dos 'monumentos' da temporada de 2019 do ciclismo mundial.

No percurso entre Bergamo e Como, o corredor de 32 anos surpreendeu os favoritos com um ataque a menos de 20 quilómetros do final, antes da última subida, controlando depois a distância para os perseguidores na descida antes da aproximação à meta para vencer de forma isolada.

O espanhol Alejandro Valverde (Movistar) e o colombiano Egan Bernal (Ineos) foram 2º e 3º classificados, respetivamente, a 16 segundos do vencedor.

Mollema alcança a 13ª vitória da sua carreira e o segundo triunfo em clássicas, depois de San Sebastián (Espanha) em 2016.

Fonte: Record on-line

“Jelle Wallays vence pela segunda vez a clássica Paris-Tours”

Belga cruzou a meta isolado

Foto: EPA

O ciclista belga Jelle Wallays (Lotto-Soudal) venceu hoje pela segunda vez a clássica Paris-Tours, concluindo isolado a 113.ª edição da corrida francesa, após uma fuga de ais de 50 quilómetros.

A pouco mais de 50 quilómetros da meta, Wallays lançou-se em solitário e acabou por vencer isolado, repetindo o triunfo de 2014, gastando 5:34.20 horas para cumprir os 217 quilómetros entre Chastres e Tours.

A 29 segundos de Wallays chegou o holandês Nikki Terpstra (Direct Energie), com o pódio a ficar completo com o belga Oliver Naesen (AG2R La Mondiale), a 30 segundos.

Rui Oliveira (UAE-Emirates), único português em prova, terminou no 27.º posto, a 4.14 minutos.

Fonte: Record on-line

“Português sagra-se campeão do mundo de Ironman no grupo de idade até 39 anos”

Sérgio Marques venceu prova disputada em Kailua-Kona, no Havai

O português Sérgio Marques sagrou-se hoje campeão do mundo de ironman para triatletas entre os 35 e os 39 anos, numa prova disputada em Kailua-Kona, no Havai.

Sérgio Marques completou em 8:35.12 horas os 3,8 quilómetros de natação, os 180 de ciclismo e os 42 de atletismo, sendo mesmo o mais rápido entre todos os atletas inscritos em grupos de idade e o 30.º entre todos os atletas.

Entre os profissionais, o alemão Jan Frodeno (7:51.13 horas) e a também germânica Anna Faug (8:40.10) sagraram-se campeões mundiais.

Rui Narigueta foi o outro português a terminar a prova com um tempo inferior a 10 horas, com 9:35.52, sendo 32.º no grupo de 40 a 44 horas.

Fonte: Record on-line

“Taça de Portugal de Enduro BTT”

João Rodrigues e Maaris Meier conquistam Taça em Terras de Bouro

Por: José Carlos Gomes

João Rodrigues (Casa do Povo de Abrunheira) e Maaris Meier (Maiatos) conquistaram hoje, em Terras de Bouro, a edição de 2019 da Taça de Portugal de Enduro BTT.

O corredor da Guarda nem precisou de vencer a última prova pontuável. Em Terras de Bouro mandou José Oliveira (Axpo/FirstBike Team/Vila do Conde), que terminou os quatro percursos especiais cronometrados com 31m12s, menos 47,484 segundos do que João Rodrigues. O terceiro, a 2’32’’082, foi Sauro Agostinho (Casa do Povo de Abrunheira).

Após a etapa de hoje, João Rodrigues conquistou a Taça de Portugal, concluindo a temporada com 700 pontos, mais 30 do que José Oliveira. O terceiro foi Sauro Agostinho, com 440 pontos.

A estoniana Maaris Meier foi a melhor em Terras de Bouro e na geral da Taça. Na prova de hoje, a ciclista da equipa Maiatos fechou os quatro setores cronometrados em 40m11s, batendo Ana Costa (Ciclo Madeira Clube Desportivo) por concludentes 3’07’’715. A terceira foi Gabriela Vasconcelos (BTT Enduro Terras de Bouro), a 10’15’’080.

Maaris Meier fechou a Taça com 750 pontos, mais cem do que Ana Costa e mais 390 do que Ana Leite (Axpo/FirstBike Team/Vila do Conde), que ocuparam as posições imediatas.

Nas camadas jovens, os vencedores de hoje foram também os melhores no conjunto das provas da Taça de Portugal. Foi o caso do júnior Rui Tapada (CAJ Raposa) e dos cadetes André Fernandes (Caniço Riders) e Mariana Líbano (Maiatos).

A correr em casa, João Pereira (BTT Enduro Terras de Bouro) venceu hoje em masters 30, mas a geral foi para José Vieira (Vasconha BTT Vouzela). Em masters 40 foi Hugo Fernández (Vk Bikes) quem se impôs neste domingo, mas o troféu de regularidade viajou para casa de David Guerra (Róódinhas/Santos Silva). José Salgueiro (MCF/Xdrream/Município de S. Brás) foi o melhor master 50 na corrida de hoje, mas a geral foi conquistada por Amândio Pereira (BTT Enduro Terras de Bouro). Ana Luz (BTT Enduro Terras de Bouro) ganhou a Taça em masters femininas e os Maiatos foram a melhor equipa da época.

Fonte: FPC

“Ciclocrosse: Melgaço na abertura da Taça de Portugal”

Melgaço acolhe no dia 27 de outubro a primeiro prova da Taça de Portugal de Ciclocrosse e o Campeonato do Minho de Ciclocrosse – Discover Melgaço. A disputar no Melgaço Sports Center (Complexo Desportivo e de Lazer / Centro de Estágios de Melgaço), a prova é aberta à participação de todos os interessados.

Promovida conjuntamente pela Associação de Ciclismo do Minho, Melsport e Município de Melgaço, a prova de ciclocrosse destina-se às categorias de juvenis, cadetes, juniores, sub-23, elites e masters e promoção.

Na primeira prova da Taça de Portugal de Ciclocrosse que, simultaneamente, atribuirá os títulos de Campeões do Minho desta vertente do ciclismo, os juvenis darão o tiro de partida, pelas 09h30. Às 10h00 começará a corrida de masters masculinos e da categoria Promoção, seguindo-se às 11h00 a prova de cadetes masculinos e todas as categorias femininas. Os atletas das categorias de elites, sub-23 masculinos e juniores masculinos serão os últimos a competir, iniciando-se esta última corrida pelas 12h00.

O Ciclocosse de Melgaço decorrerá num circuito criado para o efeito da área circundante do Centro de Estágios de Melgaço. As inscrições na vertente de competição devem ser formalizadas no website da Federação Portuguesa de Ciclismo (www.fpciclismo.pt) e as de promoção no da Associação de Ciclismo do Minho (www.acm.pt).

O Ciclocrosse ("corta-mato em bicicleta") é uma vertente de inverno do ciclismo disputada em circuitos com zonas de terra, lama, areia e estrada, com a exigência técnica e física dos percursos a ser complementada com obstáculos (naturais ou artificiais) que por vezes obrigam os atletas a desmontar e a carregar a bicicleta.

“Melgaço já é uma referência para a prática de desportos de aventura e de desporto com cariz competitivo e lazer. É nossa intenção continuar a apostar no desporto”, afirmou o vereador do Desporto do município de Melgaço, José Adriano Lima, a propósito do Ciclocrosse de Melgaço.

Recorde-se que, com assinalável êxito organizativo, Melgaço já acolheu os Campeonatos Nacionais de Ciclismo de Estrada, de Ciclocrosse e de BTT Maratonas, assim como o Grande Prémio do Minho eprovas das Taças de Portugal e dos Campeonatos do Minho de diversas vertentes do ciclismo.

O Melgaço Sports Center (Complexo Desportivo e de Lazer / Centro de Estágios de Melgaço) onde será disputada a primeira prova da Taça de Portugal de Ciclocrosse e o Campeonato do Minho de Ciclocrosse – Discover Melgaço é um espaço idealizado e construído de forma a oferecer um serviço de elevada qualidade, com equipamentos adjacentes que visam a atividade desportiva, tanto na vertente lúdica como na vertente competitiva ao mais alto nível.

O complexo, centro de treinos oficializado pela UEFA, constitui-se como um pólo dinamizador do desenvolvimento do desporto, lazer e turismo na região e posiciona-se como um dos mais modernos, melhor equipados e mais completos complexos desportivos.

Divide-se em duas grandes áreas. A primeira é a área de lazer, com diversos equipamentos que permitem a prática do desporto de manutenção e equipamentos destinados a atividades lúdicas e culturais.

A segunda grande área é destinada ao desporto de alta competição. Está servida por infraestruturas capazes de acolher diversas modalidades, tanto para competição como para treino. É nesta área que se situa o Centro de Estágios, dotado de um conjunto de equipamentos próprios, disponibilizados em exclusivo aos clubes em estágio. É composto por estádio de futebol, pista de atletismo, campo de treinos, balneários, clube saúde, ginásio de manutenção, salas de tratamentos e massagem, entre outros.

Estes equipamentos encontram-se vedados ao exterior, mas interligados entre si, visando oferecer as condições necessárias a um melhor estágio, em segurança, tranquilidade e com privacidade.


Melgaço: o destino de natureza mais radical de Portugal

Afirmar Melgaço como ‘O destino de natureza mais radical de Portugal’ é a estratégia que o Município tem vindo a promover desde o início de 2018, no âmbito do Plano Estratégico e de Marketing para o Turismo, sob a designação ‘Discover Melgaço’. A aposta em diversos eventos, de diferentes modalidades, o incentivo à prática desportiva, a manutenção e melhoria dos diversos espaços, aliadas às ótimas condições de que o concelho dispõe, têm sido prioridades.

Melgaço centra-se numa imagem de natureza ativa, associada à tendência crescente de uma sociedade cada vez mais ativa, mais jovem, com um conceito de luxo associado a isolamento positivo, autenticidade e a ambientes naturais.

“Melgaço é um destino de natureza por excelência. As caraterísticas geográficas e geológicas concedem-nos uma posição de destaque e permite que se pratiquem os desportos de rio e montanha mais exigentes, durante todo o ano. Aqui, vive-se adrenalina, com segurança e de braços dados com a natureza! Estamos situados na Área Protegida mais importante de Portugal, o PNPG – Parque Nacional Peneda Gerês, consagrado pela UNESCO Reserva Mundial da Biosfera”, recorda o Presidente da Câmara Municipal de Melgaço, Manoel Batista, realçando que em Melgaço “temos tudo para se viver momentos fantásticos, sejam eles gastronómicos, radicais, em volta da natureza e mesmo da cultura e património. Temos uma deliciosa gastronomia. Um Alvarinho único! E a nossa deslumbrante paisagem concede-nos uma posição de destaque. Não apenas pela sua grandiosidade e pelo facto de constituir um valioso testemunho dos hábitos e culturas das suas gentes, mas também pela sua riqueza ecológica”.

Fonte: ACM

“Equipa Portugal/Portugal com quatro corredores no Europeu de Pista”

Por: José Carlos Gomes

A Equipa Portugal compete com quatro ciclistas no Campeonato da Europa de Pista para a categoria de elite, entre quarta-feira e domingo, em Apeldoorn, Holanda.

O selecionador nacional, Gabriel Mendes, convocou Maria Martins (Sopela Women’s Team), César Martingil (Sporting-Tavira), Iuri Leitão (Sicasal/Constantinos) e Rui Oliveira (UAE Team Emirates).

A prioridade é a luta pela conquista de pontos nas disciplinas olímpicas de resistência – omnium masculino e feminino e madison masculino -, uma vez que este Campeonato da Europa abre a segunda fase de qualificação para os Jogos de Tóquio. Aos pontos conquistados, nesta semana, na Holanda, irão somar-se os que forem conseguidos na Taça do Mundo e no Campeonato do Mundo.

Atualmente, no ranking de qualificação para os Jogos Olímpicos, Portugal está entre as nações apuradas em madison masculino e em omnium feminino, mas faltando ainda toda a época 2019/2020 de pista é prematuro dar como adquirida a participação nestas disciplinas e o afastamento de omnium masculino.

Tudo está em aberto, até porque os portugueses têm presença garantida no omnium masculino e feminino da Taça do Mundo, ao passo que estão como reserva número um em madison, só competindo se uma nação apurada diretamente prescindir da participação.

Além das corridas do programa olímpico, Portugal alinha, em Apeldoorn, nas restantes provas de resistência. Durante os próximos dias será conhecida a distribuição das corridas por cada um dos convocados.


Agenda da Equipa Portugal no Campeonato da Europa

16 de outubro

18h25 – Scratch Feminino

18h45 – Eliminação Masculina


17 de outubro

18h30 – Scratch Masculino

19h20 – Eliminação Feminina


18 de outubro

12h30 – Qualificação de omnium masculino e feminino

13h30-20h50 – Concursos feminino e masculino de omnium


19 de outubro

14h40 – Qualificação de perseguição individual masculina

18h20 – Final de perseguição individual masculina

18h30 – Corrida por pontos feminina

19h30 – Corrida por pontos masculina


20 de outubro

10h10 – Qualificação de madison masculino

14h40 – Final de madison masculino


Horário de transmissões televisivas na Eurosport 2

16 de outubro: 18h00 -> 20h50

17 de outubro: 18h00 -> 21h05

18 de outubro: 18h00 -> 20h45

19 de outubro: 18h00 -> 20h55

20 de outubro: 13h30 -> 16h00

Fonte: FPC