quarta-feira, 11 de julho de 2018

“Atualização do Canal NP-TV com o: “Vídeo 4º Passeio Vitoria Clube Lisboa.2018”


A Revista Notícias do Pedal acaba de atualizar o seu canal de televisão “Notícias do Pedal-TV” no YouTube e no MEO/KANAL com o “Vídeo 4º Passeio Vitoria Clube Lisboa.2018”


Para ver o vídeo no MEO/KANAL, quem possuir MEO, pode aceder carregando na tecla verde do comando, inserir o código 531450, e ver no MEO/KANAL este e outros filmes, podendo consultar toda a programação. Podem ver ainda através do seguinte link: https://kanal.pt/lista-canais/comunicao-social/lisboa/vila-franca-de-xira/?display=grid&order=updated

“Montemor-o-Velho recebe 3ª etapa do Campeonato Nacional de Clubes”

Realizou-se no dia 7 de julho em Montemor-o-Velho o Campeonato Nacional de Clubes de Triatlo de Contrarrelógio.

Esta foi a terceira etapa de clubes na distância sprint, depois da primeira prova do Campeonato Nacional de Clubes em Lagoa, na distância olímpica e da competição sprint no Sabugal.

Participaram nesta prova 17 equipas masculinas e 8 femininas, uma competição muito competitiva nos clubes da frente. O percurso do triatlo era rápido, com a envolvente da lagoa a proporcionar uma paisagem espetacular. Ao percurso plano de ciclismo com alguns retornos e curvas, seguiu-se uma corrida também plana ao lado do curso de água.

Resultados da 3ª etapa do Campeonato Nacional de Clubes

Na competição masculina a vitória pertenceu à equipa da Associação Portugal Talentus, que liderou a prova desde o início, participando apenas com três atletas. Os elementos do clube Jérémy Quindos, Aurélien Jem e Elliot Smales chegaram juntos à meta com o relógio a marcar 00:56:58.

«Participamos apenas com três atletas porque não houve outra possibilidade, uma vez que os nossos triatletas estavam fora em competições internacionais, embora soubéssemos que isso nos pudesse limitar na prova, quer em termos de gestão do esforço dos atletas, quer na hipótese de termos um furo, situação que pode sempre acontecer», conta António Nobre, da Portugal Talentus. O presidente do clube diz que encararam a prova com confiança, uma vez que tinham ganho as duas etapas anteriores. «Desde o princípio que a equipa do Portugal Talentus se destacou com 32’’ na natação, vantagem que aumentou no ciclismo e na corrida houve um controlo de tempo volta a volta, de modo a gerir o esforço dos três atletas em prova». Com a vitória da terceira etapa, António Nobre reforçou a sua confiança no título de campeão nacional que, caso aconteça no dia 7 de outubro, será pela terceira vez consecutiva entregue à Portugal Talentus.

Na competição feminina venceu o OutSystems Olímpico de Oeiras, que participou com quatro atletas: Maria Tomé, Ana Ramos e Liliana Alexandre que completaram a prova com 01:05:53. Andreia Ferrum, que se manteve em prova, apesar do azar de um furo na bicicleta no início do segmento do ciclismo, terminou com 01:07:34. «Acabámos por não conseguir implementar a estratégia inicial, que seria a Andreia a ‘puxar’ pelo grupo para se proteger na corrida final, porque a nossa triatleta furou no início do ciclismo» explica Luís Almeida, do OutSystems Olímpico de Oeiras.

A gestão de haver apenas três elementos da equipa obrigou a redesenhar a estratégia, embora tenham conseguido ainda assim os melhores parciais na corrida. Será muito difícil a conquista do título uma vez que o clube não conseguiu estar presente em Lagoa com três atletas. «Não é impossível, mas claro que se torna muito difícil ganhar o título nacional, uma vez que mesmo que consigamos recuperar alguns pontos, há uma etapa que não pudemos pontuar porque só tínhamos duas triatletas, a Andreia Ferrum e a Ana Ramos», refere Luís Almeida.

No segundo lugar dos clubes ficou o Alhandra Sporting Club, com Gabriela Ribeiro, Joana Oliveira e Ana Filipa Ferreira a concluírem a competição em 01:07:45.

O Sporting Clube de Portugal terminou na terceira posição, com Lúcia Vera Cruz, Inês Oliveira e Katarina Larsson a passarem a meta com 01:09:41. Mónica Vera Cruz também terminou a prova com 01:10:17.

OutSystems Olímpico de Oeiras ‘perdeu’ Andreia Ferrum para um furo, mas a triatleta quis terminar a prova

O Campeonato Nacional de Clubes de Triatlo de por Equipas é uma organização do Município de Montemor-o-Velho com o apoio técnico da Federação de Triatlo de Portugal.

Fonte: FTP

“TOUR/PETER SAGAN VENCE QUINTA ETAPA AO SPRINT”

Van Avermaet segue líder

Por: Lusa

Foto: Reuters

O eslovaco Peter Sagan (BORA-hansgrohe) venceu esta quarta-feira a quinta etapa da Volta a França ao sprint, com o belga Greg van Avermaet (BMC) a segurar a liderança da classificação geral individual.

O tricampeão olímpico de 28 anos, que já tinha vencido no segundo dia, cumpriu os 204,5 quilómetros entre Lorient e Quimper em 4:48.06 horas, batendo num sprint reduzido o italiano Sonny Colbrelli (Bahrain-Mérida), segundo, e o belga Philippe Gilbert (Quick-Step Floors), terceiro.

Na quinta-feira, van Avermaet, hoje sétimo classificado, defende a camisola amarela na sexta etapa, uma tirada de 181 quilómetros entre Brest e Mûr de Bretagne Guerlédan cuja meta coincide com uma contagem de montanha de terceira categoria.

 

Classificação da quinta etapa

1. Peter Sagan, Esl (BORA-hansgrohe), 4:48.06 horas

2. Sonny Colbrelli, Ita (Bahrain-Mérida), m.t.

3. Philippe Gilbert, Bel (Quick-Step Floors), m.t.

4. Alejandro Valverde, Esp (Movistar), m.t.

5. Julian Alaphilippe, Fra (Quick-Step Floors), m.t.

6. Daniel Martin, Irl (UAE-Team Emirates), m.t.

7. Greg van Avermaet, Bel (BMC), m.t.

8. Soren Kragh Andersen, Din (Sunweb), m.t.

9. Andrea Pasqualon, Ita (Wanty-Groupe Gobert), m.t.

10. Vincenzo Nibali, Ita (Bahrain-Mérida), m.t.

(...)

14. Chris Froome, GB (Sky), m.t.

17. Nairo Quintana, Col (Movistar), m.t.

18. Richie Porte, Aus (BMC), m.t.

19. Jakob Fulgsang, Din (Astana), m.t.

20. Rafal Majka, Pol (BORA-hansgrohe), m.t.

21. Mikel Landa, Esp (Movistar), m.t.

22. Romain Bardet, Fra (AG2R La Mondiale), m.t.

26. Rigoberto Uran, Col (Education First-Drapac), m.t.

27. Tom Dumoulin, Hol (Sunweb), m.t.

29. Adam Yates, GB (Mitchelton-Scott), m.t.

31. Tejay van Garderen, EUA (BMC), m.t.

33. Ilnur Zakarin, Rus (Katusha-Alpecin), m.t.

 

Classificação geral

1. Greg Van Avermaet, Bel (BMC), 18:22.00 horas.

2. Tejay van Garderen, EUA (BMC), a 2 segundos.

3. Philippe Gilbert, Bel (Quick-Step Floors), a 3 segundos.

4. Geraint Thomas, GB (Sky), a 5.

5. Julian Alaphilippe, Fra (QuickStep-Floors), a 6.

6. Bob Jungels, Lux (Quick-Step Floors), a 9.

7. Tom Dumoulin, Hol (Sunweb), a 13.

8. Soren Kragh Andersen, Din (Sunweb), m.t.

9. Rigoberto Uran, Col (EF Education First-Cannondale Drapac), a 37.

10. Rafal Majka, Pol (BORA-hansgrohe), a 52.

11. Jakob Fulgsang, Din (Astana), a 53.

12. Richie Porte, Aus (BMC), m.t.

13. Alejandro Valverde, Esp (Movistar), a 55.

14. Mikel Landa, Esp (Movistar), m.t.

15. Chris Froome, GB (Sky), a 57.

16. Adam Yates, GB (Mitchelton-Scott), a 1.02 minutos.

17. Vincenzo Nibali, Ita (Bahrain-Merida), a 1.08.

18. Romain Bardet, Fra (AG2R La Mondiale), a 1.17.

(...)

24. Daniel Martin, Irl (UAE-Emirates), a 1.40.

29. Ilnur Zakarin, Rus (Katusha-Alpecin), a 1.53.

33. Nairo Quintana, Col (Movistar), a 2.10.

Fonte: Record on-line

“TOUR/DOENÇA AFASTA MICHAEL MATTHEWS DO TOUR”

Australiano está com febres elevadas e má disposição

Por: Lusa

Foto: EPA

O australiano Michael Matthews, vencedor da camisola verde no ano passado, abandonou esta quarta-feira a Volta a França, anunciou a equipa Sunweb, antes da partida da quinta etapa, em Lorient.

"Depois de ter ficado doente esta manhã, Michael Matthews é forçado a abandonar a Volta a França antes da quinta etapa, devido a má disposição e febre elevada", lê-se em comunicado da Sunweb.

Matthews, um rolador-sprinter, que passa bem terrenos ligeiramente acidentados, era um candidato a discutir a vitória na tirada desta quarta-feira, que liga Lorient a Quimper (204,5 km). O australiano era nono classificado, a 11 segundos do líder, o belga Greg van Avermaet (BMC).

"Estou muito desiludido por não partir hoje (quarta-feira). Fiquei muito doente esta manhã e tentei tudo o que podia para alinhar à partida, mas neste estado não é possível. Vou para casa recuperar e continuar a torcer pela equipa", afirmou Matthews, citado no sítio oficial da Sunweb.

A equipa alemã, cujo líder, o holandês Tom Dumolin, é um dos candidatos ao triunfo final, perde assim um elemento importante, que apostava em lutar de novo pela vitória na classificação por pontos, que premeia o corredor mais regular.

Fonte: Record on-line

“EFAPEL nas terras de Joaquim Agostinho”

          Equipa quer destacar-se na prova que homenageia o ciclista português

          Corrida com quatro etapas muito variadas

A Equipa EFAPEL apresenta-se, amanhã, em Turcifal para o arranque de uma das mais simbólicas competições do calendário competitivo português, ou não fosse o Grande Prémio Internacional de Torres Vedras uma homenagem ao maior nome da modalidade em Portugal, Joaquim Agostinho. Até domingo, os corredores da formação liderada por Américo Silva vão bater-se, num pelotão de extrema qualidade, pelos melhores lugares, seja em cada etapa, seja para a classificação geral individual.

Ao longo de quatro dias, os ciclistas vão percorrer as estradas da zona Oeste. A prova começa com um contra-relógio individual com oito quilómetros de extensão em Turcifal. Na sexta-feira, disputa-se a primeira etapa em linha. São 162 quilómetros entre Ventosa e Sobra de Monte Agraço. Sábado tem a tradicional etapa que termina no circuito de Torres Vedras e, para terminar, no domingo o pelotão pedala entre Cadaval e o Alto de Montejunto, num total de 172 quilómetros.

“Vai ser uma corrida muito aberta. Estão inscritas 21 equipas mas quase todas inscrevem cinco a seis ciclistas. Isso faz com que seja mais difícil de controlar as etapas. Nós vamos tentar estar na discussão. Sabemos que tudo deverá ficar definido apenas no último dia, com a chegada a Montejunto, mas é preciso estar em bom plano diariamente”, afirmou o director desportivo da Equipa EFAPEL, Américo Silva.

É perante este cenário, desenhado pela União Desportiva do Oeste, que os ciclistas da Equipa EFAPEL vão entrar em prova. Em mente têm o objectivo de obter protagonismo pela positiva e, além disso, preparar a Volta a Portugal que começa no início do mês de Agosto.

 

Nome da prova

41º Grande Prémio Internacional de Torres Vedras/Troféu Joaquim Agostinho

Data

12 a 15 de Julho de 2018

Director desportivo

Américo Silva

Ciclistas

David Arroyo (Completo)

Henrique Casimiro (Trepador)

Jesus del Pino (Trepador)

Marcos Jurado (Rolador)

Pedro Paulinho (Sprinter)

Fonte: Efapel