sexta-feira, 6 de março de 2020

“Campeonato da Europa de Duatlo em Punta Umbría 2020”

No dia 7 de março, realiza-se em Punta Umbría, Huelva, o Campeonato da Europa de Duatlo, com seis atletas nacionais.

A competição irá realizar-se numa zona turística do sudoeste de Espanha conhecida pelas suas praias de areia branca. Com as suas temperaturas amenas, é especialmente convidativa para a prática de triatlo nesta altura do ano.

Participam nesta competição seis atletas portugueses, quatro no escalão de elite – Melanie Santos, Liliana Veríssimo, Marco Miguel e João Ferreira e dois na categoria júnior – Joana Sousa e Alexandre Silva.
 

Elite

Portugal está muito bem representado pelos dois atletas da elite masculina que têm expetativas de bons resultados nesta competição; Marco Miguel, que desenvolveu competências no primeiro ano que se dedicou a esta vertente e João Ferreira, que conseguiu uma boa prova de apuramento.

Também na elite feminina, e em virtude do cancelamento da primeira prova do Campeonato do Mundo de Triatlo em Abu Dhabi, Melanie Santos, uma atleta de elite muito competente e que se encontra em boa condição física, irá participar na competição com expetativas de alcançar um bom resultado. A outra atleta, Liliana Veríssimo, muito forte no escalão de grupos de idade, irá representar a elite nacional feminina, uma participação onde está tudo em aberto.


Juniores

Na prova júnior, Portugal terá a participação de Alexandre Silva, que no seu primeiro ano de júnior já demonstrou o seu valor elevado, estreando-se na primeira prova da época com o título de Campeão Nacional de Duatlo Júnior e uma medalha de bronze no Campeonato Nacional de Estrada.

Joana Sousa, uma atleta ainda pouco experiente, mas com um segmento de corrida competente, irá representar Portugal na categoria de juniores, esperando-se uma participação honrosa desta atleta.

Desejamos uma boa prestação a todos os atletas nacionais!


Programa do evento:

Sexta-feira, 6 de março

9:30 Elite, U23 e Junior Bike – reconhecimento de percursos

11:30 Briefing Elite, Sub23

18:30 Cerimónia de Abertura
 

Sábado, 7 de março

9:00 Age Group Sprint (Draft legal)

13:15 Junior Women

15:00 Junior Men

16:45 Elite and U23 Women

18:30 Elite and U23 Men

19:45 Elite, U23 and Junior Medal Ceremonies

Fonte: FTP

“Coronavírus: Milão-São Remo e Tirreno-Adriático canceladas devido ao surto”

Itália é o país europeu mais afetado pelo Covid-19

Por: Lusa

Foto: Reuters

As provas de ciclismo Milão-São Remo e Tirreno-Adriático foram canceladas devido à epidemia de Covid-19 em Itália, o país europeu mais afetado, anunciaram esta sexta-feira os organizadores.

A 'clássica' Milão-São Remo, o primeiro dos cinco 'monumentos' do ciclismo (as mais prestigiadas provas disputadas ao longo de um único dia), estava marcada para 21 março, enquanto a Tirreno-Adriático deveria realizar-se entre 11 e 17 de março.

Desde a edição inaugural, em 1907, este será apenas o quarto ano em que a Milão-São Remo não sairá para a estrada, depois de também não se ter realizado em 1916 e entre 1944 e 1945, devido I e II guerras mundiais, respetivamente.

A RCS Sport, que organiza as duas provas, justificou a decisão com a "necessidade de salvaguardar a saúde e segurança de todas as pessoas envolvidas", o que motivou também o cancelamento da Volta à Sicília, entre 01 e 04 de abril.

A Itália é o país europeu mais afetado pelo novo coronavírus, com mais de 3.000 casos confirmados e de 100 mortos, o que levou o governo a decretar que os grandes eventos desportivos, como os jogos de futebol dos principais escalões, se realizem sem a presença de público.

O surto de Covid-19, detetado em dezembro, na China, e que pode causar infeções respiratórias como pneumonia, provocou 3.385 mortos e infetou mais de 98 mil pessoas em 87 países e territórios, incluindo nove em Portugal.

Das pessoas infetadas, mais de 55 mil recuperaram.

Além de 3.042 mortos na China, há registo de vítimas mortais no Irão, Itália, Coreia do Sul, Japão, França, Hong Kong, Taiwan, Austrália, Tailândia, Estados Unidos da América e Filipinas, San Marino, Iraque, Suíça, Espanha, Reino Unido e Países Baixos.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou o surto de Covid-19 como uma emergência de saúde pública internacional e aumentou o risco para "muito elevado".

Fonte: Record on-line

“Coronavírus: Movistar de Nelson Oliveira interrompe atividade e falha Paris-Nice”

Equipa espanhola pára até 22 de março

Por: Lusa

Foto: DR Record

A Movistar, do português Nelson Oliveira, vai interromper a atividade competitiva até 22 março, para precaver a propagação do novo coronavírus Covid-19, falhando a Paris-Nice, anunciou esta sexta-feira a equipa espanhola de ciclismo.

O conjunto espanhol interrompe a atividade das equipas masculina e feminina, falhando entre outras provas o Paris-Nice, na qual deveria participar Nelson Oliveira, o Tirreno-Adriático e a Milão-San Remo.

"A decisão, tomada tendo em conta os conselhos da equipa médica, responde à conjuntura atual relacionada com o Covid-19. A Movistar Team, para preservar a saúde de todos os seus membros, assim como de todos aqueles que estão em contacto com o ciclismo, adota uma medida que procura contribuir, dentro das suas possibilidades, para o normalizar da situação", lê-se no comunicado.

A Movistar junta-se a outras equipas do WorldTour que suspenderam as suas atividades durante o mês de março.

O surto de Covid-19, que pode causar infeções respiratórias como pneumonia, já provocou mais de 3.450 mortos e infetou mais de 97 mil pessoas em 85 países, incluindo nove em Portugal.

Fonte: record on-line