terça-feira, 17 de abril de 2018

"MUSEU DO CARAMULO RECEBE PRÉMIO “PORTUGAL 5 ESTRELAS”

Prémio na categoria “Museus” distinguiu o Museu do Caramulo”

O Museu do Caramulo ganhou o prémio “Portugal Cinco Estrelas”.

Baseado num questionário massificado que envolveu a participação de 205.000 pessoas, esta distinção é um reflexo da forte dinâmica promovida pela programação do Museu do Caramulo, que vai ao encontro das expectativas dos consumidores cumprindo, ao mesmo tempo, a missão de preservação e divulgação da cultura, nacional e internacionalmente.

O prémio visa distinguir marcas, produtos e serviços exclusivamente de origem portuguesa, assim como os principais recursos patrimoniais que caracterizam e valorizam o país, através de um sistema de avaliação que mede o grau de satisfação dos utilizadores, baseado em 5 critérios: Satisfação pela experimentação, Relação Preço-qualidade, Intenção de compra ou recomendação, Confiança na marca e Inovação.

Sobre o Museu do Caramulo

Com mais de 60 anos de existência e visitado por mais de um milhão e meio de pessoas, o Museu do Caramulo alberga no seu espólio uma colecção de arte, uma colecção de automóveis, motos e bicicletas e uma colecção de brinquedos antigos. O Museu do Caramulo produz ainda, de forma regular, exposições temáticas e temporárias, e organiza vários eventos como o Salão Motorclássico, o Caramulo Motorfestival, o Espírito do Caramulo, a Noite dos Museus ou o Rider. Mais informação em www.museu-caramulo.net

Fonte: Museu Caramulo/Parceria Notícias do Pedal

“MIGUEL ÁNGEL LÓPEZ VENCE 2.ª ETAPA DA VOLTA AOS ALPES E SOSA É O NOVO LÍDER”

Português Amaro Antunes cortou a meta em 21.º lugar

Por: Lusa

Foto: EPA

O colombiano Miguel Ángel López (Astana) venceu esta terça-feira a segunda etapa da Volta aos Alpes, no alto de Fiemme, Itália, com o compatriota Iván Sosa (Androni-Sidermec-Botecchia) a assumir a liderança da classificação geral individual.

López, de 24 anos, cortou a meta ao fim de 3:56.30 horas, no final de 145,5 quilómetros entre Lavarone e o alto de Alpe di Pampeago, triunfando sobre um grupo reduzido de favoritos, entre eles o novo líder da geral, Ivan Sosa, terceiro na etapa, o francês Thibaut Pinot (Groupama-FDJ), segundo, e o britânico Chris Froome (Sky), quarto classificado.

Foi a segunda vitória consecutiva da Astana na prova, depois do espanhol Pello Bilbao se ter imposto na primeira etapa, numa 'dobradinha' em que o compatriota Luis Leon Sánchez ocupou o segundo posto.

À semelhança de Bilbao, no primeiro dia, também López dedicou a vitória ao italiano Michele Scarponi, que, em 2017, a correr pela Astana, morreu em 22 de abril, um dia depois de terminar esta prova no quarto lugar da geral final, tendo vencido então a primeira etapa.

Já Sosa, o novo líder da geral, continua a dar boas indicações, uma vez que, aos 20 anos, lidera a prova de ranking mais elevado da carreira, num ano de 2018 em que foi sexto na corrida de uma semana Colombia Oro Y Paz, sendo apontado como um dos jovens grandes valores do pelotão internacional.

Amaro Antunes (CCC Sprandi Polkowice), único ciclista português em prova, voltou a correr com os melhores até aos últimos dois quilómetros da etapa, quando acabou por ficar para trás face aos favoritos, cortando a meta no 21.º lugar, a 1.30 minutos de López.

Na quarta-feira, os ciclistas enfrentam uma ligação de 138,3 quilómetros entre Ora e Meran, com duas contagens de montanha, uma de primeira e outra de terceira categoria, na segunda metade do percurso.

Fonte: Record on-line

“MÉDICO DENUNCIA DOPING NO CICLISMO DE PISTA DE ESPANHA EM ATLANTA'96”

Federação nega irregularidades

Foto: Reuters

Um médico espanhol que esteve na equipa de Lance Armstrong terá denunciado no Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) um programa de doping na equipa espanhola de ciclismo de pista entre 1993 e 1998.

Segundo o diário espanhol El País, o clínico Luís Garcia del Moral, irradiado pela agência antidopagem norte-americana (USADA) pela ligação ao esquema de doping da US Postal, admitiu, em 2016, no TAS, ter fornecido eritropoietina (EPO), hormonas de crescimento e corticoides aos corredores de pista, em colaboração com Michele Ferrari, médico de Armstrong.

Esta terça-feira, a Real Federação Espanhola de Ciclismo (RFEC) negou que "a sua atual direção ou algum dos seus membros da direção desportiva, técnica ou clínica, tenha relação com os atos relatados", assegurando que "atualmente não dispõe de documentação que faça referência aos mesmos e que permita fornecer mais dados à investigação".

"Eu era o responsável pela equipa nacional de ciclismo de pista, mas não pelos controlos médicos", terá dito Garcia del Moral, na sua audição, aludindo ao período entre 1993 e 1998, confirmando o programa de dopagem.

Nos Jogos Olímpicos Atlanta1996 participaram seis ciclistas espanhóis nas provas de pista, sem que nenhum tenha conseguido alguma medalha.

Ainda de acordo com o jornal espanhol, o médico respondia às perguntas do advogado de Johan Bruyneel, antigo diretor desportivo da US Postal, que recorreu ao TAS da sua suspensão por 10 anos.

Na mesma audição, Garcia del Moral terá confirmado a colaboração com Ferrari, também banido do desporto pela USADA, com um documento contabilístico datado de 15 de julho de 1996, quatro dias antes do início dos Jogos com despesas em "farmácia" e um pagamento a Ferrari.

Juan Serra, o então presidente da RFEC, assegurou ao El País "nunca ter contratado Ferrari", ao contrário do que disse em 1996.

Garcia del Moral iniciou a ligação com a US Postal, que perdurou nos cinco anos em que Armstrong venceu a Volta a França, cujos títulos foram, entretanto, retirados.

Fonte: Record on-line

“Equipa Portugal/Tiago Ferreira vai bater-se pelo pódio no Europeu de Maratona”

A Equipa Portugal parte para Itália com a ambição de ver a bandeira nacional içada, no próximo domingo, na cerimónia protocolar do Campeonato da Europa de Maratona BTT (XCM).

Por: José Carlos Gomes

Tiago Ferreira e José Dias, ambos da DMT Racing Team, foram os escolhidos pelo selecionador nacional, Pedro Vigário, para representar a Seleção no Campeonato da Europa, que será disputado em Spilimbergo.

O viseense Tiago Ferreira é, aos 29 anos, um dos grandes especialistas mundiais em XCM, sendo, por isso, o chefe-de-fila da Equipa Portugal para a corrida de domingo. O corredor português vai lutar pelo quinto pódio consecutivo em campeonatos da Europa e do Mundo, já que foi campeão mundial e vice-europeu em 2016 e campeão europeu e vice-mundial no ano seguinte.

Além dos adversários, Tiago Ferreira terá de adaptar-se a uma maratona que nunca ganhou, mas na qual já conseguiu dois lugares no pódio. O Campeonato da Europa de 2018 decorre na Maratona Tiliment, em que o viseense foi segundo em 2014, quarto em 2015, terceiro em 2016 e 11.º em 2017.

A prova tem 104 quilómetros, destacando-se uma longa subida de 14 quilómetros, seguida de uma descida com rampas muito inclinadas. “O percurso é exigente e apresenta caraterísticas que permitem ao Tiago fazer a diferença. Ele está motivado, forte e com ambição. Vamos lutar por um lugar no pódio, se possível pela defesa do título de campeão da Europa”, promete Pedro Vigário.

“É uma maratona que já conheço, é longa, mas não a considero um super-circuito, porque, basicamente, há uma grande subida e uma grande descida para fazer diferenças. Estou num bom momento de forma e acredito que esta condição poderá significar um bom resultado. Espero que esteja bom tempo, porque com chuva será um terror, pois o topo da subida principal transforma-se num lamaçal”, explica Tiago Ferreira.

A Maratona Tiliment, Campeonato da Europa de 2018, corre-se a partir das 8h00 de domingo (hora portuguesa), com partida e chegada em Spilimbergo.

Fonte: FPC

“O 25 de Abril em bicicleta pela Amadora”

 Dia 25 de Abril 2018

10 horas - Parque Central da Amadora

No âmbito das comemorações do 44.º aniversário do 25 de Abril, a Câmara Municipal da Amadora, em colaboração técnica com o Grupo de Cicloturismo Estrelas da Amadora, organiza no dia 25 de abril um passeio de bicicleta denominado Roteiro 25 de Abril.

Este passeio é efetuado em circuito urbano na cidade da Amadora, tem um percurso de 25 Kms e é aberto a todos os entusiastas da bicicleta e suas famílias que desejem usufruir de uma manhã desportiva.

A concentração de participantes está prevista para as 9h00 e o início do passeio para as 10h00. A partida e a chegada terão como cenário o Parque Central.

O passeio, com a duração prevista de duas horas, é acompanhado por praticantes de cicloturismo, que ajudam os ciclistas que apresentem alguma dificuldade, e o condicionamento do trânsito estará a cargo da PSP. A ambulância e o “carro vassoura” (apoio logístico) fecham o pelotão. Os participantes menores de idade devem fazer-se acompanhar pelos encarregados de educação.

As inscrições são gratuitas, mas obrigatórias, e devem ser efetuadas até ao dia 24 de abril, para o correio eletrónico geral@estrelasdaamadora.pt, em www.weventual.com ou por telefone para o número 961 932 701.

Fonte: Gabinete de Imprensa e Relações Públicas, Câmara Municipal da Amadora

“Dia 3 de Junho como o Dia Mundial da Bicicleta”

A Federação Portuguesa de Cicloturismo e Utilizadores de Bicicleta (FPCUB) vem por este meio divulgar e felicitar a decisão das Nações Unidas de declarar o dia 3 de Junho como o Dia Mundial da Bicicleta.

Esta é uma ideia que tem vindo a ser discutida de há 15 anos a esta parte, não havendo um dia oficial até agora, com os bons préstimos do português António Guterres, foi oficializado o dia.

A declaração incentiva os Estados Membros a dedicar atenção especial à bicicleta em estratégias de desenvolvimento transversais e incluir a bicicleta em políticas e programas de desenvolvimento internacionais, regionais, nacionais e locais. A resolução foi aprovada com o consenso dos 193 estados membros.

Este ano, esta primeira comemoração mundial coincidirá com o passeio da FPCUB “Lisboa Antiga de Bicicleta” na sua 28ª edição, venha participar nesta clássica de Lisboa, e célebre o Dia Mundial da Bicicleta pela primeira vez.

Informações: FPCUB – 917241793

Fonte: FPCUB

“2º Passeio Desportivo de Monte Real”

Dia 6 de Maio de 2018
Texto: José Morais
Em 2016 o Desportivo de Monte Real, de Tires, Cascais, levou para a estrada o seu primeiro passeio, em 2017 fez um interregno, e em 2018 volta novamente à estrada na segunda edição.

O passeio que terá uma extensão de cerca de cinquenta quilómetros, percorrerá o concelho de Cascais, onde os participantes podem deslumbrar-se com locais sem dúvida maravilhosos.

A concentração será feita pelas 8 horas junto à sede do Desportivo de Monte Real, sendo a partida dada para as 9 horas.

Para informações e inscrições contatar pelo telefone/fax: 214 443 111, ou p+elos telefones: 967 073 131, 963 259 353, 938 6465 143, ou ainda pelo e-mail: dmontereal@sapo.pt

Venha participar neste passeio que muito promete, numa organização que mais uma vez se vais esmerar por dar o seu melhor, um evento que é recomendado e tem o apoio da Revista Notícias do Pedal.

Marque já na sua agenda.