quinta-feira, 10 de maio de 2018

“Viagem pelo património, cultura e gastronomia da região centro”

RIDER - PASSEIO DE MOTOS CLÁSSICAS REGRESSA DURANTE 3 DIAS

O Museu do Caramulo, em parceria com a EDC – Associação de Eventos do Caramulo, organiza nos dias 15, 16 e 17 de Junho, a oitava edição do Rider – Passeio de Motos Clássicas. 

O Rider é um passeio de endurance destinado a proprietários de motos históricas (com mais de 30 anos), que gostam de tirar o máximo prazer de condução da sua moto. Para acompanhar o passeio, a organização garante um veículo de assistência, com atrelado para motos, para que os participantes possam desfrutar do percurso sem preocupações.

O passeio decorrerá na Região Centro de Portugal, tendo como ponto de partida e chegada o Museu do Caramulo em cada um dos dias, privilegiando as estradas secundárias e as paisagens naturais de montanha, beira-rio, aldeias típicas. Este passeio de quase 300 Km tem contado com a presença de participantes de diversas origens como Espanha, Inglaterra, Alemanha ou Holanda, para além da forte representação de participantes portugueses. 


Uma das novidades da edição de 2018 é o passeio que seguirá do Caramulo à Serra da Estrela, percorrendo estradas secundárias e paisagens através do vale que liga as duas serras. Esta viagem realizar-se à no Sábado, 16.

A inscrição pode ser feita até ao dia 2 de Junho, através do formulário disponível em www.rider-caramulo.com

Este evento conta com o apoio do Museu do Caramulo, da Câmara Municipal de Tondela, da MotoCiclismo Clássico, do Jornal dos Clássicos e do banco BPI. 

 Fonte: Museu Caramulo/Parceria Notícias do Pedal

“Infralobo apresentou bicicletas para se pedalar pelo ambiente em Vale do Lobo”

Por: Paulo Moreno

Dia 9 de maio, foi apresentado o projeto Smart Bikes by Infralobo, o qual engloba 30 bicicletas elétricas de última geração, colocadas nas cinco estações criadas para o efeito, intituladas Receção do Golfe, Praça de Vale do Lobo, Vale do Ténis, Dunas Douradas e Supermercado de Vale do Lobo, que serão para uso partilhado, cuja utilização até ao final do ano é gratuita, aliando a tecnologia à mobilidade sustentável.

A cerimónia de apresentação do projeto, que se realizou na sede da Infralobo, em Vale do Lobo, onde marcaram presença várias individualidades, com destaque para o presidente da Câmara Municipal de Loulé, Vítor Aleixo, começou com a projeção de um vídeo.

O projeto visa promover a sustentabilidade ambiental, enquadrando-se na Estratégia Municipal de Adaptação às Alterações Climáticas, intitulada Loulé Adapta, que o Município de Loulé tem seguido.

As bicicletas, foram desenvolvidas pela empresa Bewegen, enquanto que as operações serão asseguradas pela empresa nacional, We Go Share, cujo representante de ambas, Daniel Ferreira, explicou em traços largos não só a tecnologia, que é portuguesa, como o seu funcionamento.

Pedro Reimão, recente administrador da Vale do Lobo, SA, começou por afirmar a satisfação de ver projecto Smart Bikes by Infralobo realizado, o qual encerra três características únicas, as quais pode ouvir aqui de viva voz, que no conjunto contribuem para que o resort seja ainda mais apetecível.

Fátima Catarina, presidente do conselho de administração da Infralobo, que pode ouvir de viva voz, começou por fazer um balanço, com sucesso, do primeiro ano de existência do projecto “Infralobo Smart Managment”, em cuja plataforma de gestão se integra agora o Smart Bikes by Infralobo, bem como, baseando-se em estudos do Instituto da Mobilidade e Transportes, exaltou o uso da bicicleta em defesa do ambiente.

Vítor Aleixo, começou a sua intervenção enumerando alguns dos acontecimentos que têm decorrido e estão a decorrer durante esta semana no contexto das comemorações da Semana do Município, destacando para o último dia, 11 de maio, a assinatura de um protocolo com a Secretária de Estado da Cultura para a criação da escola pública para o ensino da música, a primeira a sul de Lisboa. Quanto às bicicletas, o edil louletano adiantou que a iniciativa, "é para ser replicada noutras localidades do concelho, caso da Quinta do Lago e da própria cidade de Loulé."

Refira-se por último que o projecto Smart Bikes by Infralobo tem um investimento a rondar os 180.000 euros. Quanto ás bicicletas, apesar de eléctricas, para que o motor seja activado é sempre necessário que o utilizador pedale, sendo o esforço muito menor do que o efectuado numa bicicleta dita normal. Na sala de operações, graças aos muitos sensores que as bikes têm instalados, é possível saber em tempo real, onde estão as bicicletas, o seu nível de bateria, assim como quantas estão disponíveis e em que estações. Quanto ao utilizador, para saber mais detalhes sobre o projecto, bem como aderir, ou descarregar a App.

Cortesia: Diário online Região Sul

“GIRO/ESTEBAN CHAVES VENCE QUINTA ETAPA NO ETNA”

Yates assume liderança da geral

Por: Lusa

Foto: EPA

O ciclista colombiano Esteban Chaves (Mitchelton-Scott) venceu esta quinta-feira isolado a quinta etapa da Volta a Itália, no Monte Etna, com o colega de equipa Simon Yates a assumir a liderança da classificação geral individual.

Chaves, de 28 anos, bateu o colega de equipa na meta ao fim de 4:16.11 horas, depois de ter integrado a fuga do dia e resistido a subida ao Etna até final, quando Yates, novo camisola rosa, se juntou ao esforço, com o francês Thibaut Pinot (Groupama -- FDJ) a cortar a meta em terceiro, a 26 segundos.

Os primeiros lugares da geral sofreram muitas alterações, com Yates a assumir o primeiro posto, com 16 segundos de vantagem em relação ao holandês Tom Dumoulin (Sunweb), vencedor em 2017, e 26 para Chaves.

Na sexta-feira, os ciclistas enfrentam uma ligação de 159 quilómetros entre Pizzo e Praia a Mare, com um traçado adequado para uma chegada compacta e disputa da vitória ao sprint.

Fonte: Record on-line

“Alexandre Nobre ganha Medalha de Bronze na Taça Continental de África”

A Taça Continental de África, na Tunísia, ficou marcada pelo bronze de Alexandre Nobre

Realizou-se dia 5 de maio a Taça Continental de África, na Tunísia, onde participaram quatro triatletas portugueses – Madalena Almeida, Alexandre Nobre, Ricardo Batista e José Vieira.

Apesar de estar ainda a recuperar de uma inflamação muscular na coxa esquerda, Alexandre Nobre, do Portugal Talentus, obteve a Medalha de Bronze na competição na Tunísia, enquanto Madalena Almeida conseguiu o 7º lugar na prova.

O triatleta do Portugal Talentus sobiu 25 pontos no ranking mundial, classificando-se em 120º, alcançando a sua melhor posição de sempre. Os níveis de confiança estavam elevados, segundo o próprio Alexandre, apesar de ter estado condicionado nas últimas semanas: «Abordei mais uma vez esta prova com o objetivo de somar mais alguns pontos para o ranking mundial». E o triatleta ficou contente com a terceira posição: «Fazer pódio é sempre uma sensação de dever cumprido, por isso estou satisfeito com o resultado.

Fiz uma natação sólida na frente, um segmento de ciclismo a controlar e tudo se decidiu na corrida. Demorei bastante tempo na transição para a corrida e fiz um último segmento a recuperar posições acabando num sprint nos últimos 300 metros com o segundo classificado.»

O vencedor foi o alemão Lasse Lasse Lührs, enquanto Frantizek Linduska, da República Checa, ocupou a segunda posição.

Na competição feminina Madalena Almeida, do Alhandra Sporting Club, conseguiu alcançar um 7º lugar, cumprindo assim o objetivo de ficar posicionada nos lugares da frente. Mas a atleta não ficou complemente satisfeita. «Não correu como esperava, estava à espera de mais. Fiquei a alguns segundos do primeiro grupo, comecei a pedalar sozinha e passado duas voltas esperei pelo grupo de trás. Estávamos bastante desorganizadas e a perder tempo para a frente. Na corrida não comecei bem, mas acabei a recuperar algumas posições na segunda volta. De qualquer forma consegui alguns pontos que poderão ser importantes no futuro», remata Madalena Almeida.

Ricardo Batista e José Vieira, triatletas muito jovens, que vinham com o objetivo de ganhar experiência internacional, classificaram-se em 15º e 25º lugares.

Ricardo afirmou em relação à prova: «Apresentei-me à partida com o objetivo de ganhar alguma experiência e amealhar alguns pontos internacionais, e a posição ficou dentro dos objetivos.» Já José Vieira participou nesta competição com o mesmo objetivo do seu colega, o de ganhar experiência internacional e, mesmo com uma corrida, menos conseguida alcançou o objetivo. «Não irei baixar os braços e continuarei a trabalhar para que corra melhor na próxima».

Os triatletas estão já a preparar próximos projetos, numa época que se avizinha com muito trabalho e empenho. Parabéns pela participação nesta Taça Continental de África e pelos resultados dos nossos atletas!

Fonte: FTP

“Formação ‘Determinação de Zonas de Intensidade de Treino’ a 19 de maio 2018”

Participa na Ação de Formação Determinação de Zonas de Intensidade de Treino

Dia 19 de maio, das 9h Às 18h, irá realizar-se uma Ação de Formação Contínua com o tema ‘Determinação de Zonas de Intensidade de Treino’. Esta formação será ministrada pelo Prof. Doutor Francisco Alves, professor catedrático na Faculdade de Motricidade Humana e terá a duração de 8h.

Esta formação pretende rever alguns protocolos de avaliação e controlo de treino na natação, ciclismo e corrida e respectiva análise, para determinação objectiva e correta das respectivas zonas de intensidade de treino.

Ação de Formação Continua: Determinação de Zonas de Intensidade de Treino

Local: Faculdade de Motricidade Humana

Dia/Hora: 19 de maio das 9h às 18h

Créditos: 1,6 UC

Para mais informações contacte o diretor de formação da FTP Manuel Alves, pelo e-mail manuel.alves@federacao-triatlo.pt

Fonte: FTP

“Ciclismo: Daniela Reis termina Panorama Guizhou no 27.º lugar”

Daniela Reis foi a portuguesa mais bem classificada, a 27 segundos da vencedora.

Daniela Reis, ciclista portuguesa

A ciclista portuguesa Daniela Reis (Doltcini-Van Eyck Sport) terminou hoje a Panorama Guizhou no 27.º lugar, após a quinta e última etapa da corrida, vencida pela espanhola Sheyla Gutiérrez (Cylance), que liderou desde o primeiro dia.

Daniela Reis foi a portuguesa mais bem classificada, a 27 segundos da vencedora, enquanto Soraia Silva (Sopela) terminou no 65.º posto, a 46.26 minutos.

Maria Martins (Sopela), segunda na primeira etapa e quarta na quarta, acabou por desistir, na sequência de uma queda.

Fonte: Sapo on-line

“VANESSA FERNANDES DESAFIADA”

Compete contra 3 sportinguistas

Por: Ana Paula Marques

Foto: Fernando Ferreira

Uma das novidades do Challenge Lisboa deste ano é a prova one vs 3, onde um atleta fará os três segmentos – 1,9 km de natação, 90 km de ciclismo e 21,1 km de corrida –, contra uma equipa de três, em que cada um fará um segmento. Ora, a organização do evento vai colocar em prática um dérbi. Ou seja, de um lado estará Vanessa Fernandes, do Benfica, que fará as três modalidades; do outro, três triatletas do Sporting: Helena Carvalho (natação), Katarina Larsson (ciclismo) e Inês Oliveira (corrida). "É mera coincidência uma ser do Benfica e as outras do Sporting. O que queremos com esta prova é testar a resistência da atleta, neste caso da Vanessa, que fará as três disciplinas", disse Gonçalo Uva,  Corporate Affairs da Case Imagine em Portugal, organizadora da prova.

O Challenge Lisboa vai ter lugar no Parque das Nações, em Lisboa, nos dias 19 e 20 deste mês.

Fonte: Record on-line

“Passeio de Bicicleta Dia 1 de Portugal (Guimarães, 24 de junho)”

Realiza-se no dia 24 de junho, em Guimarães, o Passeio de Bicicleta “Dia 1 de Portugal” promovido pela Associação de Ciclismo do Minho. A iniciativa é de participação gratuita (oferta de t-shirt oficial e do seguro), havendo a possibilidade de inscrição no Passeio, Mini Passeio e Trilho de BTT. A concentração está marcada para as 9 horas, junto ao Estádio D. Afonso Henriques. As inscrições (gratuitas) podem ser efetuadas online (www.acm.pt)

A 10ª edição do Passeio de Bicicleta Dia 1 de Portugal terá dois percursos de dificuldade baixa (passeio e mini passeio) e um trilho de BTT (promovido em parceria com a Erdal), procurando-se assim incentivar a participação de todos os interessados, independentemente da idade e da condição física.

O Passeio de Bicicleta Dia 1 de Portugal pretende incentivar a prática desportiva e a utilização da bicicleta como opção de mobilidade, para além de assinalar uma importante data histórica, a Batalha de São Mamede (24 de Junho de 1128) que viria a ser designada como "a primeira tarde portuguesa". Este ano a iniciativa associa-se às atividades locais a realizar no âmbito do projeto "SW-UP Sport for Women in Urban Places" que tem como propósito aumentar a participação das mulheres no desporto e atividades físicas ao ar livre em áreas urbanas de vários estados membros da União Europeia.

A inscrição é gratuita e os participantes no Passeio de Bicicleta Dia 1 de Portugal terão direito a uma t-shirt oficial, oferecida pela Liberty Seguros, habilitam-se ao sorteio de prémios oferecidos pelos diversos parceiros da iniciativa e estarão cobertos pelo seguro desportivo.

A participação de figuras públicas e de referências do desporto tem sido uma das características do Passeio Dia 1 de Portugal, proporcionando-se assim momentos de interação e de convivência no contexto de uma autêntica "festa do ciclismo de lazer" em que pode participar toda a família.

Com partida e chegada junto ao Estádio D. Afonso Henriques (início às 10 horas), a iniciativa terá três percursos (Passeio, Mini Passeio e Trilho de BTT), sendo o trajeto inicial (no Centro Histórico de Guimarães) efetuado em conjunto por todos os grupos de participantes. À passagem pelo local da partida, depois do trajeto inicial no Centro Histórico, termina o Mini Passeio.

O Trilho de BTT, uma das três opções de participação, é promovido em parceria com a ERDAL - Escolas de Referência de Desportos de Ar Livre. O percurso do Trilho de BTT terá uma extensão de cerca de 20 kms mas que se alonga para cerca de 25 kms (acumulado positivo de 750 metros) com o passeio inicial pelo Centro Histórico de Guimarães e com o acesso final ao local de partida/chegada. Na preparação do percurso do trilho houve uma particular atenção em proporcionar aos participantes paisagens únicas e deslumbrantes, muitas delas até agora inacessíveis em percursos de BTT.

O Passeio de Bicicleta Dia 1 de Portugal conta, entre outros, com os seguintes apoios: Câmara Municipal de Guimarães, Federação Portuguesa de Ciclismo, Liberty Seguros, Cision, Arrecadações da Quintã, Raiz Carisma - Soluções de Publicidade, POPP Design, Tempo Livre / Centro de Medicina Desportiva de Guimarães, Vitrus Ambiente, AFAcycles, Salvaggio, Controlsafe, Eyemotion, Guimarpeixe, Hotel ibis - Guimarães, Enfcare - Serviços de Enfermagem, Lda., Interfios, Pevigel, FNAC - Guimarães, Odisseias, Junta de Freguesia da Costa e Remax GO (Azurém - Quintã / Guimarães).

Nas edições anteriores a iniciativa integrou a programação de Guimarães 2012 - Capital Europeia da Cultura, de Guimarães 2013 - Cidade Europeia do Desporto, foi o evento escolhido pelo Comité Olímpico de Portugal para assinalar o Dia Olímpico (2013), integrou o programa oficial das Comemorações dos 8 Séculos da Língua Portuguesa (2014), fez parte do programa do Centenário do Centro Juvenil de São José (2015) e do projeto de inclusão social desenvolvido em parceria pela CERCIGUI e o CNE - Corpo Nacional de Escutas (2015).

Fonte: ACM

“Agenda de Ciclismo”

Pelotão profissional na Feira e Taça de XCO no Fundão

Por: José Carlos Gomes

O pelotão de elite e sub-23 regressa à estrada na 27.ª Volta às Terras de Santa Maria, no sábado. No domingo realiza-se a terceira prova da Taça de Portugal de Cross Country Olímpico (XCO), no Fundão, e o Encontro Inter-Regional de Escolas, em Rio de Mouro.

Depois de três semanas em que as equipas portuguesas tiveram oportunidade de competir em provas internacionais espanholas, o calendário nacional volta a receber uma corrida para as equipas continentais e de clube, a Volta às Terras de Santa Maria.

Será uma corrida de um dia, a disputar no sábado, ao longo de 158,9 quilómetros, com partida e chegada na Central de Lobão, S. João de Ver, Santa Maria da Feira. O início está previsto para as 12h55. O final é esperado para cerca das 17h00.

Cerca de metade da corrida será realizada em circuito, permitindo que os espectadores vejam os corredores em diferentes momentos, já que a prova apenas termina à sétima passagem pela linha de meta.

A disciplina olímpica de BTT também terá atividade no próximo domingo, no Fundão, com a terceira prova pontuável para a Taça de Portugal de XCO, também pontuável para o ranking UCI. São esperados cerca de 300 atletas, oriundos de diferentes países, numa altura em que se prepara a primeira fase de apuramento para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

Os cadetes, os masters e os paraciclistas competem às 9h00. Duas horas mais tarde é a vez de todas as femininas e dos juniores masculinos. A prova de elite está marcada para as 14h30.

Ainda no domingo, às 10h00, o Parque Urbano da Rinchoa, Rio de Mouro, no concelho de Sintra, recebe um Encontro Inter-Regional de Escolas de BTT, destinado aos clubes da zona B (centro e Sul).

 

Mais eventos

12 de maio: Trans Epic, Vila Real

12 de maio: Etapa 4 GPS Epic Series 2018, Viana do Castelo

12 de maio: 29.º GP Arca de Noé, Canidelo, Vila Nova de Gaia

12 de maio: Taça de Ilha Terceira em Ciclismo de Estrada, Açores

13 de maio: Olisipíadas – eliminatórias, Lisboa

13 de maio: 2.ª Prova do Troféu de Rampa da Associação de Ciclismo de Lisboa

13 de maio: Maratona BTT de Almodôvar - Rota do Mel e do Medronho, Almodôvar

13 de maio: 4.ª Prova da Taça de Estrada e Encontro de Escolas, Seixal, Porto Moniz, Madeira

13 de maio: 3.ª Prova da Taça da Ilha do Faial de Ciclismo de Estrada, Açores

Fonte: FPC

“EFAPEL compete em espírito de clássica”

          Equipa regressa às estradas nacionais

          Volta às Terras de Santa Maria realiza-se no sábado

          Corrida com apenas uma etapa em que tudo se decide nesse mesmo dia

          EFAPEL vai lutar pela vitória

O próximo sábado, dia 12 de Maio, vai marcar o regresso da Equipa EFAPEL às estradas portuguesas. A formação vai correr na Volta às Terras de Santa Maria e entra na competição para tentar vencer. Neste regresso da corrida ao escalão máximo do ciclismo em Portugal, a estrutura liderada por Américo Silva não esconde a vontade de se destacar pela positiva.

Serão quase 160 os quilómetros que o pelotão, em que a Equipa EFAPEL vai estar integrada, vai enfrentar no regresso à região de Santa Maria da Feira. A Equipa EFAPEL apresenta-se à partida com seis ciclistas e vai procurar o triunfo nesta corrida.

Para Américo Silva, a estratégia só pode ser uma, em virtude das características da prova. “Esta é uma corrida com características de clássica”, explicou o director desportivo da Equipa EFAPEL. Sem querer desvendar qual será a forma como os ciclistas vão correr, o responsável é claro: “Iremos correr de forma a obter a vitória”, afirmou.

A 27ª Volta às Terras de Santa Maria começa no sábado, junto à Central do Lobão, às 12h55. Estima-se que o final seja entre as 16h45 e as 17h10.

 

Nome da prova

27ª Volta às Terras de Santa Maria

 

Data

12 de Maio de 2018

 

Director desportivo

Américo Silva

 

Ciclistas

Bruno Silva (Trepador)

David Arroyo (Completo)

Jesus Del Pino (Trepador)

Pedro Paulinho (Sprinter)

Rafael Silva (Sprinter)

Sérgio Paulinho (Completo)

Fonte: Efapel

“Etapa#3 - Troféu BTT Ribatejo Norte 2018”

As melhores provas BTT da Região num só Troféu...


INSCRIÇÕES ABERTAS

 

Evento - 15 Julho 2018

 

É com enorme prazer que vimos por este meio apresentar a XIV edição da CS DESIGN - MARATONA BTT DE OURÉM, a mais conceituada e antigo evento BTT do Clube e do Concelho de Ourém, que se realiza no próximo dia 15 de Julho 2018, com centro operativo no Pavilhão do Caneiro (Ourém) e que este ano volta num novo formato - pensado para o máximo gozo dos atletas ao longo do percurso.

 

A prova integra uma vez mais o Troféu BTT do Ribatejo Norte (a mais completa competição da zona centro), sendo dividida em duas distâncias: Meia-Maratona BTT (35 km) e Maratona (60 km), com espaço, pelo meio, para a Maratona Jovem, pensada para todos os menores de 20 anos (Percurso da Meia-Maratona).

 

No final, espaço para o habitual almoço convívio (facultativo), servido na Associação Cultural e Recreativa do Outeiro das Matas.

 

Com organização a cargo do BTT Clube dos Pinheiros / BTT Pedais a Fundo, entre outras associações de referência no Concelho, será com toda a certeza um evento capaz reunir todos os ingredientes para um Domingo memorável.

 

Não hesite.... Aventure-se!

 

Site oficial do evento: www.bttclubedospinheiros.com

 

Programa

 

15 de Julho de 2018

 

07h30 - Abertura do Secretariado

08h30 - Abertura do Controlo 0

09h00 - Briefing de Recepção aos Atletas e ultimas notas

09h15 - Partida do Evento

12h00-13h00 - Hora média de Chegada prevista

12h30/13h00 - Cerimónia de podium com entrega de prémios (Geral e Classes).

13h00 - Almoço Convívio

15h15 - Fecho do Controlo Horário de Chegada

 

Local:

Pavilhão do Caneiro (Ourém)

 

Distâncias (evento BTT):

Meia-Maratona BTT - 35km - 650m acumulado (valor aproximado)

Maratona BTT - 60km - 1150m acumulado (valor aproximado)

Maratona Jovem - 35km - 650m acumulado (valor aproximado)

 

Troféus em Disputa:

* Meia-Maratona BTT (35 km - Pontuável para o Troféu BTT do Ribatejo Norte - SPRINT):

Troféus para os 3 primeiros classificados à Geral e Classes (Sub23/Elites - Veteranos A - Veteranos B - Veteranos C - Elites Femininas - Veteranas Femininas)

* Maratona BTT (60 km - Pontuável para o Troféu BTT do Ribatejo Norte - MARATONAS):

Troféus para os 3 primeiros classificados à Geral e Classes (Sub23/Elites - Veteranos A - Veteranos B - Veteranos C - Elites Femininas - Veteranas Femininas)

* Maratona Jovem (Para atletas Sub-20 - Pontuável para o Troféu BTT do Ribatejo Norte - SPRINT):

Troféus para os 3 primeiros classificados à Geral

 

Site oficial do evento: www.bttclubedospinheiros.com



Inscrições

 

INSCRIÇÕES ABERTAS

Link Directo:

Site Oficial: www.bttclubedospinheiros.com / www.bttourem.com

 

Inscrições Online:

Até às 00 Horas de dia 12 de Julho

(APÓS A DATA REFERIDA, APENAS SERÃO REABERTAS AS INSCRIÇÕES NO PRÓPRIO DIA, COM UM AUMENTO DE 2 EUROS POR ATLETA)

 

Inscrições em: www.bttclubedospinheiros.com 

 

Inclui: Participação, Seguro, T-Shirt do Evento, 5 a 8 pontos de abastecimento, Assistência Médica e Mecânica durante o evento, Cronometragem, Lavagem de Bikes, e Banhos de água quente.

 

Inscrições realizadas no próprio dia (disponíveis no secretariado do evento):

Acresce 2 euros ao preço do evento.

(Sujeitas à abertura das mesmas)

 

Extras:

1€ - Dorsal Personalizado

(com nome do atleta)

6€ - Almoço Convívio de Domingo

(Cidade de Ourém)

 

Preço da inscrição (Acompanhantes):

8€ - Almoço Convívio de Domingo

(Cidade de Ourém)

 

Método de Pagamento:

O pagamento é processado em sistema de entidade / referência (dispensando envio de comprovativo)

Site oficial do evento: www.bttclubedospinheiros.com 


“Equipa Portugal/Seleção na Ronde de l’Isard para ser protagonista”

Por: José Carlos Gomes

A Equipa Portugal vai participar na Ronde de l’Isard, prova internacional de sub-23, que se realiza em França entre 17 e 20 de maio. A equipa nacional vai tentar ser protagonista numa prova que junta seleções e equipas de desenvolvimento.

O selecionador nacional, José Poeira, convocou seis corredores: André Carvalho (Liberty Seguros-Carglass), André Ramalho (Jorbi/Team José Maria Nicolau), Hugo Nunes e Jorge Magalhães (Miranda-Mortágua), João Almeida e Rui Oliveira (Hagens Berman Axeon).

“Considero que é uma equipa homogénea, que dá garantias para uma prova de grande dificuldade. A montanha vai marcar a competição, mas a terceira etapa, num perfil mais plano, pode ser uma excelente oportunidade para o Rui Oliveira”, avança José Poeira.

A Ronde de l’Isard arranca com uma ligação de 125,9 quilómetros, ente Lorp-Sentaraille e Eychel, com final em alto. No segundo dia a meta volta a estar colocada em altitude, em Goulier-Neige, depois de percorridos 154,3 quilómetros desde Fonsorbes. A terceira etapa é a menos montanhosa, 153,4 quilómetros entre Lévignac e Boulogne-sur-Gesse. A prova termina com uma tirada de grande dificuldade orográfica, embora sem final em alto. Serão 152,4 quilómetros, entre Salies-du-Salat e Saint-Girons.

A Ronde de l’Isard é uma das mais importantes provas internacionais de sub-23 e uma porta de acesso dos jovens ao pelotão profissional. Os três primeiros classificados das derradeiras três edições representam, em 2018, equipas WorldTour e Continentais Profissionais. Em 2018 venceu o russo Pavel Sivakov, atualmente no plantel da Team Sky.

Fonte: FPC

“TAÇA CONTINENTAL de ELITE na TUNÍSIA”

RICARDO BATISTA e JOSÉ PEDRO VIEIRA em bom plano na TUNÍSIA


RICARDO BATISTA e JOSÉ PEDRO VIEIRA estiveram presentes em representação de Portugal, na Taça Continental de Triatlo em Elite, que se realizou no sábado dia 5 de Maio, na cidade de Hammamet na Tunísia.

Os 2 atletas torrejanos alcançaram bons resultados nesta competição ao terminarem no 14º e 24ºlugares respetivamente, mas acima de tudo usufruíram de mais uma experiência internacional, naquela que foi a sua 2ªpaticipação destes jovens atletas em provas de triatlo em Elite.

Com uma saída na frente no segmento de natação, Ricardo Batista e José Pedro Vieira chegaram integrados no 1ºgrupo de ciclismo ao parque de transição, mas foi na corrida que tudo se decidiu, com o 2 atletas, os mais novos a competir nesta prova, a dar tudo o que tinham para obter a melhor classificação possível, terminando ambos com um tempo abaixo da hora, 58m35s e 59m51s respetivamente.

 

“CIRCUITO BIATLE PORTUGAL TOUR 2018”

A ESCOLA TRIATLO DE TORRES NOVAS VENCEU a 2ªetapa em TORRES NOVAS

 

ESCOLA DE TRIATLO DO CLUBE DE NATAÇÃO DE TORRES NOVAS conquistou o 1ºlugar na 2ªetapa do Circuito de Biatle Portugal Tour 2018, uma prova que se realizou nas Piscinas Municipais Fernando Cunha e no Jardim das Rosas em Torres Novas, na passada terça-feira dia 1 de Maio, numa organização do Clube de Natação de Torres Novas e da Federação Portuguesa de Pentatlo Moderno, e com o apoio da Câmara Municipal de Torres Novas.

Num magnífico dia de sol, estiveram presentes perto de 200 atletas, em representação de uma dúzia de clubes, nesta 2ªetapa que foi disputada em formato de Biatle Outdoor, com os atletas a realizarem dois segmentos de corrida, com distâncias entre os 200m e 1.600m, e pelo meio um segmento de natação, em distâncias que variaram entre os 50m e 200m.

O início desta etapa foi dado pelas 10h15 com a realização da prova para os atletas SUB 9, com duas torrejanas a alcançarem os primeiros lugares do pódio, Maria Sousa em 1ºlugar, e Mafalda do Canto em 2º.

Nos SUB 11, o pódio masculino foi totalmente torrejano, com Mateus Nascimento no 1ºlugar, Miguel Pereira no 2º e Simão Vieira no 3ºlugar, e em femininos, Francisca Leirião terminou no 2ºlugar.

Guilherme Neves no 5ºlugar e Francisco Carvalho no 7º foram os melhores torrejanos em SUB 13, enquanto em femininos, Matilde Moita terminou em 4ºlugar, Inês Bargão em 7º, Claudia Orvalho em 8º e Mafalda Leirião em 9º.

Em SUB 15, João Nuno Batista alcançou o 2ºlugar, Pedro Afonso Silva o 3º, Gustavo do Canto o 4º, Martim Salvador o 5º. Neste escalão competiram ainda 2 atletas femininas torrejanas, Rita Martins terminou na 5ªposição e Natércia Carvalho na 10ª.

Duarte Santos foi outro atleta torrejano em destaque ao alcançar o 2ºlugar no escalão SUB 17, João Graça foi 5ºclassificado, Guilherme Marques foi 8º, Bruno Proença 10º e Francisco Gonçalves 11º. Em femininos, Margarida Razões e Beatriz Neves alcançaram o 5º e 6ºlugares.

Joana Miranda e Afonso do Canto venceram em SUB 19 nos respetivos géneros, enquanto Carolina Serra foi a vencedora no escalão de Juniores, com Madalena Duarte a subir ao pódio em 2ºlugar.

André Sousa, o único atleta torrejano na prova de Séniores, foi 5ºclassificado, enquanto no escalão M40+, os pódios foram bem preenchidos com atletas torrejanos. Rita Amaro e Catarina Neves foram 1ª e 3ªclassificadas, e em masculinos, Marco Sousa e Gonçalo Neves foram 1º e 2ºclassificados. Pedro Razões terminou na 5ªposição e ganhou a aposta ao seu colega de equipa Paulo Leirião, que terminou em 7ºlugar.

Mas a verdadeira aposta foi ganha pelos pais e mães dos atletas, que mais uma vez demonstraram o verdadeiro “Pai-trocínio”, contribuindo para uma excelente organização desta etapa de Biatle em Torres Novas, o mesmo que já tinha acontecido em Vila Nova da Barquinha, no passado fim-de-semana de 21 e 22 de Abril, na etapa nacional de Aquatlo.

 

A próxima prova realiza-se no Sabugal, nos dias 12 e 13 de Maio, uma jornada dupla para o Campeonato Nacional de Clube de Triatlo. No sábado realiza-se a prova sprint (750m natação/20kms ciclismo/5kms de corrida), e no domingo uma prova super-sprint (300m natação/8kms ciclismo/2kms corrida) no formato de estafetas mistas com equipas constituídas por 2 atletas femininas e 2 atletas masculinos.

Fonte: Escola Triatlo Clube Natação Torres Novas 

“Parceira entre a Câmara e a Federação/Pista de XCO vai nascer em Anadia”

Por: José Carlos Gomes

A presidente da Câmara Municipal de Anadia, Teresa Cardoso, e o presidente da Federação Portuguesa de Ciclismo, Delmino Pereira, assinaram naquele concelho, o acordo de colaboração para a construção de uma pista de cross country olímpico (XCO) na freguesia da Curia.

A pista de XCO será uma extensão do Centro de Alto Rendimento (CAR), instalado em Sangalhos, no qual existe já um Velódromo, para o ciclismo de pista, e está em construção uma pista de BMX de caraterísticas olímpicas.

Juntando-se às três infraestruturas a qualidade e variedade das estradas da região, o concelho de Anadia pode ser, cada vez mais, um pólo de preparação para as vertentes olímpicas de ciclismo.

Para além de contribuir para a valorização do conjunto de instalações desportivas do concelho de Anadia, a pista de XCO será também uma peça fundamental para a candidatura do CAR a centro satélite do Centro Mundial de Ciclismo da União Ciclista Internacional (UCI), e uma mais-valia para a candidatura de Anadia a Cidade Europeia do Desporto em 2020. O investimento camarário deverá rondar, na sua totalidade, os 200 mil euros.

A nova pista a nascer na Curia permitirá a realização de competições internacionais de XCO, sendo também um importante equipamento ao serviço do trabalho das Seleções Nacionais, havendo intenção, da autarquia e da Federação, de trabalhar para atrair Seleções de outros países – à semelhança do que já acontece no ciclismo de pista – para estágios em Anadia.

A infraestrutura terá também condições para a iniciação e para receber jovens a partir do primeiro ciclo do ensino básico.

Fonte: FPC

“MAIS ENCANTO NA HORA DA DESPEDIDA”

Texto: After Two //works 

Fotos: João Fonseca e Nelson Esperança

A glória chegou ao cair do pano para a equipa júnior da Academia Joaquim Agostinho que subiu este domingo ao 2º lugar do pódio da quinta e última prova da Taça de Portugal da categoria em corrida disputada no Circuito de Palmeira, localidade minhota do concelho de Braga.

 “A Taça teve mais encanto na hora da despedida” - a adaptação à letra do velhinho fado de Coimbra é perfeita para ilustrar o desempenho da equipa torriense na edição 2018 da mais importante competição de regularidade em Portugal, pois a equipa perseguiu este resultado durante as quatro jornadas anteriores, mas por uma ou outra condicionante nunca conseguiu obter o sucesso ambicionado.

No 16º Circuito de Palmeira a equipa entrou uma vez mais determinada em mostrar o seu real valor e cedo começou a atacar a corrida com vários Atletas a entrar nas fugas, até que aos cerca de 80 quilómetros de prova, na última subida ao Santuário do Sameiro, Guilherme Valverde isola-se na companhia de dois ciclistas da Vito Feirense, naquela que viria a ser a derradeira escapada do dia.

Apesar dos ataques desferidos pela dupla feirense, que colaborou entre si na tentativa de desgastar o Atleta “torriense” nos últimos quilómetros da corrida, este não se deixou derrubar e com muita determinação chegou à meta na 3ª posição, alcançando assim o primeiro pódio da geral individual para a Academia na presente edição da Taça.

Mas o desempenho da formação de Torres Vedras não se ficou por aqui, pois ao colocar 5 elementos no top 20 da classificação, a equipa viria alcançar a fantástica vice-liderança na prova minhota. No sábado anterior, disputaram-se os 115 quilómetros da prova de Sobrado, localidade do concelho de Valongo com grande tradição no ciclismo nacional, pois é ali que “moram” os últimos 5 grandes vencedores da Volta a Portugal em Bicicleta. 

Apesar de partir para esta prova com a mesma postura de ataque e ambição de vencer, a equipa não foi assistida pela sorte, pois esteve envolvida em várias quedas e episódios de furos que lhe prejudicaram demasiado o rendimento.

Ainda assim Wilson Esperança e Guilherme Valverde subiram ao pódio para receber os troféus referentes ao 2º lugar das metas volantes e 3º do prémio da montanha, respetivamente. Com os resultados obtidos nestas duas últimas provas, a Academia Joaquim Agostinho foi considerada a 4ª melhor equipa entre as 13 que participaram na competição.

Numa Taça que teve em Guilherme Mota do Alcobaça o seu vencedor absoluto, Wilson Esperança foi o melhor elemento da equipa em 7º lugar, seguido de: Guilherme Valverde em 18º; André Silva 30º; Henrique Frois 35º; Carlos Rodrigues 37º; Alexandre Mota 43º; Afonso Morgado 44º e Bernardo Luís em 57º. Com a conclusão desta fase da época, a equipa prepara já um dos maiores desafios de 2018, que será a participação no renovado Tour de Gironde a realizar nos próximos dias 12 e 13 em Villenave d`Ornon, cidade francesa com um histórico de 25 anos de geminação com Torres Vedras.

A prova, que se realiza desde 1975, adotará este ano um novo formato e é exclusiva à classe júnior, estando inscritas 24 equipas oriundas dos quatro cantos da Europa. Pela frente os Atletas terão um total de 206 quilómetros distribuídos por um contra-relógio individual e duas etapas em linha.

Fonte: Academia Joaquim Agostinho